• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.17.2017.tde-04052016-092046
Documento
Autor
Nome completo
Isabelle Carvalho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2014
Orientador
Banca examinadora
Rocha, Juan Stuardo Yazlle (Presidente)
Buchalla, Cassia Maria
Laprega, Milton Roberto
Título em português
Estudo do risco de óbito por meio da análise de comorbidade nos pacientes internados nos hospitais gerais do DRS XIII em 2011
Palavras-chave em português
Comorbidade
Índice de Comorbidade de Charlson
Óbito
Risco
Resumo em português
O trabalho apresenta o risco de óbito, baseado no estudo da comorbidade, nos pacientes internados nos hospitais gerais que oferecem assistência hospitalar na região de Ribeirão Preto adstrita ao Departamento Regional de Saúde XIII - DRS XIII. O risco de óbito foi estimado por meio do cálculo do Índice de Comorbidade de Charlson (ICC). O ICC emprega pesos de 0 a 6 a comorbidades selecionadas, ponderando o risco de morrer. Quanto maior for a pontuação do estrato do paciente, maior a chance de morrer. Para análise, foi desenvolvida uma ferramenta computacional que automatiza o cálculo do índice a fim de auxiliar os gestores na tomada de decisão. Assim, obtivemos a distribuição dos casos estudados por estrato ICC e ICCI - outra abordagem do índice ICC, quando a idade é considerada junto ao vetor de comorbidades - para o ano de 2011. Notamos que para o cálculo do ICC, a curva de risco de óbito não seguiu o previsto por Charlson, cuja mortalidade deveria aumentar à medida que a pontuação do estrato aumenta, porém, a distribuição de casos por ICCI seguiu esse conceito. Por fim, estudamos a distribuição espacial dos casos de alta gravidade que nos mostrou as cidades pólos e subpólos da região em assistência hospitalar. O indicador e a automatização de seu cálculo apresentou-se um bom auxílio na tomada de decisão nas questões de saúde.
Título em inglês
Study of the risk of death by means of analysis of comorbidity in hospitalized patients in general hospitals of DRS XIII in 2011
Palavras-chave em inglês
Comorbidity
Death
Index of Charlson Comorbidity
Risk
Resumo em inglês
The work presents the risk of death, based on the study of comorbidity in hospitalized patients in general hospitals that offer hospital care in the region of Ribeirao Preto enrolled in Regional Department of Health 13th - DRS XII. The risk of death was estimated by means of the calculation of the Index of Charlson Comorbidity (ICC). The ICC employs weights from 0 to 6 the comorbidities selected, considering the risk of dying. The higher the score on the stratum of the patient, the greater the chance of dying. For analysis, a computational tool that automates the calculation of the index was developed, in order to assist managers in decision making. Thus, we obtained the distribution of cases studied by stratum ICC and ICCI - another approach to the ICC index, when the age is considered along the vector of comorbidities - for the year 2011. We note that for the calculation of the ICC, the curve of risk of death did not follow the prescribed by the Charlson index, whose mortality should increase as the score of the stratum increases, however, the distribution of cases by ICCI followed this concept. The indicator and the automation of its calculation proved to be a good aid in decision-making on health issues.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
IsabelleCarvalho.pdf (1.96 Mbytes)
Data de Publicação
2017-03-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.