• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.17.2015.tde-28072015-105552
Documento
Autor
Nome completo
Ayling Martins Ng
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2015
Orientador
Banca examinadora
Simões, Aguinaldo Luiz (Presidente)
Mendes Junior, Celso Teixeira
Oliveira, Silviene Fabiana de
Título em português
Validação de Marcadores Inserção/Deleção para Genotipagem Fetal não Invasiva
Palavras-chave em português
Frequência alélica
Genotipagem fetal não invasiva
InDel
PCR
Primer inserção-específico
Resumo em português
A presença de DNA fetal livre de células no plasma materno possibilitou o surgimento de novas tecnologias para o diagnóstico pré natal não invasivo. Existem técnicas de genotipagem fetal já estabelecidas em investigações de sequências exclusivas fetais, mas a sua aplicação para a identificação humana em testes de paternidade ainda é pouco conhecida. A metodologia de genotipagem fetal não invasiva foi padronizada com o uso de três lócus InDels e iniciadores inserção-específicos. Entretanto, para que se alcance o poder satisfatório, é necessário investigar elevado número de lócus informativos. Para suprir a ausência de informações suficientes sobre lócus deste tipo, são descritas, no presente trabalho, as condições laboratoriais para PCR e as frequências alélicas de um conjunto de lócus InDels, ainda inéditos, em uma amostra representativa da população urbana brasileira, visando aumentar a robustez e a confiabilidade da genotipagem fetal não invasiva na investigação de paternidade. Foram selecionados 20 lócus, um em cada cromossomo. Em um dos lócus polimórficos foi encontrado um alelo novo, não registrado no banco de dados do NCBI. O poder de discriminação e o poder de exclusão dos 16 lócus polimórficos combinados (0,999 e 0,937, respectivamente) tiveram valores dentro do esperado para um conjunto com essa quantidade de lócus bialélicos. Alguns lócus apresentaram elevado número de indivíduos que não responderam à amplificação, indicando a necessidade de reajustes na padronização dos procedimentos laboratoriais e a possibilidade de variabilidade das sequências complementares aos iniciadores empregados, o que exigirá o sequenciamento completo das regiões. Para a maioria dos lócus, entretanto, os parâmetros forenses atingiram valores esperados e sugerem que podem ser úteis na composição de painel robusto e eficiente para ser usado na genotipagem fetal não invasiva.
Título em inglês
Insertion/Deletion Markers Validation for non Invasice Fetal Genotyping
Palavras-chave em inglês
Allelic frequency
InDel
Insertion-specific primer
Non invasive fetal genotyping
PCR
Resumo em inglês
The presence of cell-free fetal DNA in maternal plasma allows for new non-invasive prenatal diagnosis technologies to develop. Even though there are already well-established fetal genotyping techniques in fetal-exclusive sequence investigations, their application to human identification in paternity tests is not yet well-known. Non-invasive fetal genotyping methodology was previously standardized using three InDel loci and insertion-specific primers. However, in order to attain satisfactory power, it is necessary to investigate large number of informative loci. To compensate for the absence of sufficient information about this type of locus, this work describes the PCR conditions and determinates allelic frequencies for a set of unpublished InDel loci, in a representative group of Brazilian population, raising the robustness and reliability of non-invasive fetal genotyping in paternity investigation. We selected 20 loci, one in each chromosome. Not previously registered on NCBI database allele was found in one of the polymorphic loci. Discrimination and exclusion power of the 16 polymorphic loci combined (0.999 and 0.937, respectively) had expected values for an ensemble with such an amount of biallelic loci. Some loci showed many non-amplified individuals, vincing the need of corrections in the standardizing process and the possible variability of the complementary sequences to the primers used. However, for most loci, the forensic parameters reached the expected values and suggest that they may be useful in the more robust panel for utilization in non-invasive fetal genotyping.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-08-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.