• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.17.2011.tde-12032012-110848
Documento
Autor
Nome completo
César Arruda Meschiari
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2011
Orientador
Banca examinadora
Gerlach, Raquel Fernanda (Presidente)
Pardo, Ana Paula de Souza
Ramos, Simone Gusmão
Título em português
Concentrações de MMP-8, MMP-9, MPO, TIMP-1 e TIMP-2 na saliva e correlações com plasma
Palavras-chave em português
Doença Periodontal
Metaloproteinases da matriz extracelular
Plasma
Saliva
Resumo em português
Metaloproteinases da matriz extracelular (MMPs) são uma família de endopeptidases zinco-dependentes conhecidas por degradar componentes do tecido conjuntivo em processos fisiológicos e patológicos. A regulação da atividade das MMPs pode ser feita pelos inibidores teciduais de metaloproteinases (TIMPs). A doença periodontal (DP) é a inflamação crônica em que atividade excessiva das MMPs e mieloperoxidase (MPO) são apontadas como responsáveis pela destruição dos tecidos suporte dos dentes. Os componentes da saliva são derivados da vascularização local sendo possível encontrar neste fluido o reflexo de muitas moléculas presentes no plasma. Desta forma, os objetivos deste trabalho foram: 1) Comparar os níveis de MMPs, TIMPs e MPO na saliva total estimulada (STE) e plasma de pacientes com DP antes (DA) e após (DT) o tratamento periodontal não cirúrgico, e em voluntários saudáveis no início do estudo (CA) e após 3 meses (CT); 2) Avaliar se existe correlação entre os resultados. Foram realizadas as dosagens de MMP-8, MMP-9, TIMP-1 e TIMP-2 pelo método de ELISA; a atividade gelatinolítica das formas da MMP-9 por zimografia; e a atividade da MPO por ensaio colorimétrico. Houve uma menor atividade gelatinolítica, assim como menores concentrações de MMP-8 e TIMP-2 na STE de DT quando comparadas a DA (p < 0,05). A atividade de MPO foi superior no grupo DA em relação a CA (p < 0,05). Foram encontradas correlações moderadas e estatisticamente significantes entre a MMP-9 quantificada por ELISA no plasma e todos os parâmetros resultantes da zimografia de STE, isto é, MMP-9 de massa molecular de 92 kDa (r = 0,37, p = 0,002), 130 kDa (r = 0,35, p =0,003 ), a soma da sua atividade gelatinolítica (130 + 92 kDa) (r = 0,43, p = 0,0002), gelatinase de 180 kDa (r = 0,35, p = 0,003), e soma da atividade gelatinolítica total (180+130+92 kDa ) (r = 0,37, p = 0,002). A MMP-8 plasmática apresentou correlação com a atividade gelatinolítica das bandas de 92 kDa (r = 0,30 e p = 0,01) e soma da atividade gelatinolítica (130 + 92 kDa) (r = 0,24 e p= 0,04) presentes na STE. Também foi possível observar uma correlação fraca entre a atividade gelatinolítica da MMP-9 de 92 kDa do plasma e a atividade gelatinolítica da banda de 180 kDa (r = 0,26 e p = 0,03), e uma correlação moderada entre o TIMP-2 do plasma e o TIMP-2 da STE (r = 0,32 e p =0,04). Os resultados mostram que a atividade gelatinolítica da STE pode estar refletindo as concentrações de marcadores inflamatórios sistêmicos tais como a MMP-8 e MMP-9, assim como a concentração de TIMP-2 na STE pode estar refletindo a concentração de TIMP-2 circulante. A avaliação conjunta destes resultados sugere que existe uma atenuação de alguns dos marcadores inflamatórios analisados na STE e no plasma após o tratamento da DP, e que os níveis salivares e plasmáticos de alguns destes marcadores se correlacionam. Como a coleta de saliva é menos invasiva, mais estudos sobre a correlação destes marcadores nestes dois fluidos pode ser muito interessante.
Título em inglês
Concentrations of MMP-8, MMP-9, MPO, TIMP-1 and TIMP-2 in saliva and their correlations with plasma
Palavras-chave em inglês
Matrix metalloproteinases
Periodontal disease
Plasma
Saliva
Resumo em inglês
Matrix metalloproteinases (MMPs) are a family of zinc-dependent endopeptidases known to cleave components of the connective tissue in physiological and pathological processes. The regulation of MMP activities is done by the tissue inhibitors of metalloproteinases (TIMPs). Periodontal disease (PD) is a chronic inflammation with excessive activity of MMPs, which degrade the tooth supporting tissues. The saliva components are derived from the local blood supply, and this fluid may therefore reflect the plasma. So, the objectives of this study were: 1) to compare the levels of MMPs, TIMPs and MPO in stimulated whole saliva (SWS) and plasma of PD patients before (PB) and 3 months after (PT) the non-surgical periodontal treatment, and in healthy volunteers at baseline (CB) and 3 months after baseline (CT), and 2) to evaluate the correlations between the results found. Measurements of MMP-8, MMP-9, TIMP-1 and TIMP-2 were performed by ELISA. Gelatinolitic activity of MMP-9 forms were determined by zymography, and the MPO activity was determined by colorimetric assay. There was lower gelatinolitic activity, and lower concentrations of MMP-8 and TIMP-2 in SWS on PT group compared with PB group (p <0.05). MPO activity was higher in PB compared to CB (p <0.05). Statistically significant moderate correlations were observed in all associations between MMP-9 performed by ELISA in plasma and gelatinolitic activity bands of STE: MMP-9 molecular form of 92 kDa (r = 0,37, p = 0,0017), MMP-9 molecular form of 130 kDa (r = 0,35, p = 0,003), the sum of its gelatinase activity (130 +92 kDa) (r = 0,43, p = 0,0002), gelatinase of 180 kDa (r = 0,35, p = 0,003), and the sum of total gelatinase activity (180+130+92 kDa) (r = 0,37, p = 0,002). Circulating MMP-8 levels correlate with salivary gelatinase activity bands of 92 kDa (r = 0,30, p = 0,01) and the sum of gelatinase activity (130 +92 kDa) (r = 0,24, p = 0,04). In addition, a weak correlation between gelatinase activity of plasmatic 92 kDa MMP-9 and gelatinase of 180 kDa in SWS (r= 0,26 p = 0,03) was found, and a moderate correlation between plasmatic TIMP-2 and TIMP-2 of SWS (r = 0,32, p = 0,004). The results show that the gelatinase activity of SWS may reflect the concentrations of systemic inflammatory markers such as MMP-8 and MMP-9, also the concentration of TIMP-2 in the SWS may reflect the circulating concentration of TIMP-2. The evaluation of these results suggests that there is an attenuation of some inflammatory markers analyzed in the SWS and in plasma after treatment of PD. Furthermore, there are correlations between salivary and plasma levels in some of these markers. Because saliva sampling is less invasive, more studies about the correlations between these markers in these two fluids are necessary.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Defendida.pdf (1.22 Mbytes)
Data de Publicação
2015-04-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.