• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.16.2006.tde-31052007-154024
Documento
Autor
Nome completo
Ricardo Marques Trevisan
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Faggin, Carlos Augusto Mattei (Presidente)
Haddad, Emilio
Somekh, Nadia
Título em português
Condomínios tipo vila em São Paulo
Palavras-chave em português
Condomínio
Lei
Vila
Resumo em português
Em 1994, a prefeitura de São Paulo aprovou uma lei permitindo novos condomínios horizontais de casas em lotes de até 15.000m2, com a intenção de dar continuidade a um tipo urbano tradicional da cidade, chamado "vila". Apesar deste modelo ter sofrido várias transformações desde seu surgimento no final do século XIX como habitação para operários, o tipo visualizado pelos desenvolvedores do projeto de lei foi o das vilas rentistas produzidas durante meados do século XX e que nos anos 1980 tiveram grande valorização pelo mercado. Porém, quando a Lei de Vilas foi aprovada, outras referências urbanas já haviam surgido no imaginário coletivo paulistano, e os conjuntos decorrentes da Lei 11.605/94 já são distintos daquelas vilas de meados do século XX. Sejam elas um novo tipo urbano ou uma nova versão do tipo "vila", fato é que nenhum estudo consistente sobre esses empreendimentos foi localizado até o momento, mesmo estando esta lei há mais de dez anos em vigor e sua produção em crescimento praticamente constante desde 1994.Nesta pesquisa a intenção é fazer um diagnóstico do que foi produzido, apresentando dez projetos executados de diferentes padrões e regiões da cidade, descobrir o quanto se produziu por ano e por bairro, os motivos de suas configurações físicas finais, quem produziu, quem são e o que pensam os moradores a respeito dos imóveis onde estão morando. No final do trabalho, são apresentadas algumas sugestões para futuros projetos deste tipo na cidade, com a intenção de evitar alguns erros encontrados durante o desenvolvimento do trabalho.
Título em inglês
Vila joint-ownerships in São Paulo city
Palavras-chave em inglês
Joint-ownership
Law
Vila
Resumo em inglês
In 1994, São Paulo municipality approved a new law that allows new horizontal joint ownerships in areas until 15.000m2 at this town, to continue the production of a traditional urban type of this city, called vilas. Although this urban type has been modified since its origin in the last 19th century decade as popular housing for industries employees, the goal seeked by the law developers was the form of vilas builded by the middle 20th century for renting. These ones had their market prices increased during the 1980?s.However, when the law was approved, other urban references had already arised to São Paulo popular knowledge, and the properties created through the law of vilas are quite different from the middle 20th century examples. Anyway, no consistent study about these cases was finded until now, although the law has been applied for more than ten years and its production has been increasing since 1994.This research goal is discovering what and how much has been done through these years, who are the developers, who are the consumers (and what they think about their living spaces). Ten cases of different kind of consumers and regions of the city are studied and showed. In the very end some project suggestions are presented, intending to avoid some usual mistakes.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
final.pdf (40.40 Mbytes)
Data de Publicação
2007-06-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.