• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.16.2018.tde-21122017-102053
Documento
Autor
Nome completo
Vítor Coelho Nisida
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Rolnik, Raquel (Presidente)
Denaldi, Rosana
Magalhães, Alex Ferreira
Título em português
Desafios da regulação urbanística no território das favelas
Palavras-chave em português
Favelas
Resumo em português
As favelas possuem sua própria lógica de regulação da produção do espaço e suas regras têm origem nas práticas cotidianas da autoconstrução desses assentamentos. As categorias tradicionais do urbanismo e seus instrumentos de planejamento, contudo, encontram dificuldade de assimilar tais práticas, simplificando a visão sobre a produção das favelas a um mero problema da irregularidade e da cidade informal. A reflexão sobre as possibilidades de regulação urbanística desses territórios deve ter como base suas especificidades, a ação e a motivação dos atores envolvidos em sua promoção, assim como suas expectativas e formas de pactuação das regras comunitárias vigentes. Este trabalho busca construir uma perspectiva crítica sobre a informalidade urbana a partir da pesquisa empírica, demonstrando que o território das favelas tem sua própria lei e seu próprio modo de regrar a produção cotidiana dos espaço. A construção ideológica da cidade informal, taxativa quanto a sua condição irregular e ilegal, não permite a leitura da favela como um território repleto de formas e formalidades, as quais têm muito a dizer e contribuir para os instrumentos de planejamento e regulação da cidade.
Título em inglês
Challenges of urban regulation in slums territory
Palavras-chave em inglês
Slums
Resumo em inglês
Slums have their own regulation logic for the production of space and its rules are originated from the daily practices of self-construction. The traditional categories of urbanism and its territorial planning tools, however, find it difficult to assimilate such practices, simplifying the view on slum's production to an issue of land irregularity and informality. The pondering upon the possible ways for an urban regulation of those territories should be based on their specificities, on its social actors' practices and motivations, their expectations as well as the agreement methods within the existing rules of the communities. The present dissertation seeks to shape a critical perspective on urban informality based on empirical research, demonstrating that there is law and a way to regulate the daily production of space in slums' territories. The ideological construction of the informal city, limited to its irregular and illegal condition, does not allow the reading of slums as a territory full of forms and formalities, which have much to say and contribute to city planning and its regulation instruments.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-11-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.