• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.12.2019.tde-23012019-102008
Documento
Autor
Nome completo
Camila Batistella
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Franca, Ana Cristina Limongi (Presidente)
Andrade, Sandra Mara de
Martinez, Victor De La Paz Richarte
Pedroso, Marcelo Caldeira
Título em português
Intraempreendedorismo no Brasil: como executivas(os) lidam com as barreiras organizacionais para implementar suas iniciativas
Palavras-chave em português
Comportamento organizacional
Cultura organizacional
Empreendedorismo corporativo
Estratégia corporativa
Intraempreendedorismo
Poder social
Resumo em português
Este estudo foi realizado com o objetivo de investigar a percepção de executivos (as) sêniores quanto a possibilidade de empreender dentro de uma organização contemporânea, pontuar as barreiras percebidas por eles (as) e apresentar os caminhos percorridos afim de superar tais barreiras. A percepção de executivos (as) brasileiros (as) quanto a possibilidade de empreender dentro de uma organização nem sempre é positivamente unânime. As barreiras enfrentadas, muitas vezes, os (as) fazem perecer diante deste desafio. E como os (as) bem-aventurados (as) executivos (as) superam estas barreiras é de fato uma questão que requer maior entendimento. Outros fatores que merecem luz são como o poder político e a diferenciação de gêneros dentro das organizações pode influenciar o Intraempreendedorismo. Os achados da pesquisa indicaram que: 3% dos entrevistados (as) não acreditam ser possível empreender dentro de uma organização, 17% acreditam que depende do tipo de organização e 80% acreditam ser possível. De acordo com os dados pesquisados, conclui-se que empreender numa organização depende de uma combinação entre o mindset empreendedor das pessoas, um ambiente favorável que estimule as pessoas a trazerem suas ideias para mesa, uma cultura organizacional que permita a experimentação (tolerância a erros) e que as iniciativas estejam alinhadas a estratégia corporativa. A pesquisa baseou-se no depoimento de 35 executivos (as) brasileiros (as) que tiveram destaque dentro de organizações de grande porte. Como estratégia de pesquisa foi adotada a pesquisa narrativa e para a coleta de dados foram utilizadas entrevistas semi-estruturadas individuais. A interpretação dos dados se deu por meio da análise de conteúdo categorial (Bardin, 1977). É fato que o empreendedorismo está na pauta das empresas e aquelas que não vencerem os obstáculos no desafio de criar um ambiente que estimule a inovação, e não conseguir reter e atrair os profissionais adequados a essa expectativa, poderão ser insustentáveis a longo prazo e até ter sua sobrevivência ameaçada.
Título em inglês
Intrapreneurship in Brazil: how executives deal with organizational barriers to implement their initiatives
Palavras-chave em inglês
Corporate entrepreneurship
Corporate strategy
Intrapreneurship
Organizational behavior
Organizational culture
Social power
Resumo em inglês
This study was carried out with the objective of investigating the perception of senior executives as to the possibility of undertaking within a contemporary organization, to punctuate the barriers perceived by them and to present the paths covered in order to overcome such barriers. The perception of Brazilian executives as to the possibility of undertaking within an organization is not unanimous. The barriers faced often make them perish in the face of this challenge. In addition, how blessed executives overcome these barriers is in fact a question that requires further understanding. Other factors that merit light are how political power and gender differentiation within organizations can influence intrapreneurship. At the end, it was possible to find out that: 3% of respondents do not believe it is possible to undertake within an organization, 17% believe that it depends on the type of organization and 80% believe it is possible. Given the data, it is concluded that undertaking in an organization depends on a combination of the entrepreneurial mindset of the people, a favorable environment that stimulates people to bring their ideas to the table, an organizational culture that allows experimentation (tolerance to errors) and initiatives are aligned with corporate strategy. The research was based on the testimony of 35 Brazilian executives who were prominent in large organizations. As a research strategy, narrative research was adopted and individual semi-structured interviews were used for data collection. Data interpretation was made through categorical content analysis (Bardin, 1977). It is a fact that entrepreneurship is on the agenda of companies and those who do not overcome obstacles in the challenge of creating an environment that stimulates innovation, and is unable to retain and attract professionals to that expectation, may be unsustainable in the end and until their survival threatened
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
CorrigidoCamila.pdf (1.82 Mbytes)
Data de Publicação
2019-01-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.