• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Alexandre Silveira Pupo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Wright, James Terence Coulter (Presidente)
Guimarães, Leandro Fraga
Martini, Jose Sidnei Colombo
Spers, Renata Giovinazzo
Título em português
Cidades inteligentes baseadas em tecnologias de informação e comunicação: experiências em regiões urbanas sob a ótica da sustentabilidade
Palavras-chave em português
Cidades
Cidades do futuro
Sustentabilidade
Tecnologia da informação
Resumo em português
Nesse estudo foram investigadas relações de iniciativas na área de Cidades Inteligentes baseadas em Tecnologia de Informação e Comunicação com as dimensões econômica, social e ambiental do Triple Bottom Line. Os objetivos foram os de verificar maneiras pelas quais as três dimensões do Triple Bottom Line foram consideradas nas iniciativas, de averiguar as relações entre Cidades Inteligentes e Tecnologia de Informação e Comunicação e, também, de identificar de que maneira indicadores das três dimensões do Triple Bottom Lineforam afetados por projetos na área de Cidades Inteligentes baseados em Tecnologia de Informação e Comunicação. A pesquisa qualitativa se deu por meio de três estudos de caso que analisaram projetos em diferentes estágios da cadeia de transformação e consumo de energia elétrica implantados em regiões urbanas do Estado de São Paulo. Além de informações primárias coletadas por meio de entrevistas semiestruturadas com participantes dos projetos, também foram usados dados secundários obtidos via pesquisas documental e bibliográfica. Os resultados mostraram queo desenvolvimento dos projetos foi motivado por questões de cunho tecnológico, econômico, social e estratégico. Houve benchmark para minimizar riscos, além de partes interessadas internas e externas às organizações terem sido envolvidas durante os ciclos dos projetos. A escolha dos locais de implantação foi feita para permitir o teste de tecnologias e os investimentos permitiram a geração de inovações e de lições aprendidas. Em relação à dimensão econômica do Triple Bottom Line o indicador tratando de vendas, lucros e retorno sobre investimentos foi afetado positivamente pelos projetos, mas o indicador tratando de impostos pagos foi afetado negativamente em um caso. O indicador sobre fluxos monetários foi afetado em dois casos e o indicador sobre postos de trabalho criados foi afetado positivamente em apenas um caso. O indicador sobre outros resultados econômicos apontou resultados positivos via redução do consumo de energia elétrica e de perdas técnicas e operacionais e via melhoria da qualidade de serviços prestados. Sobre os indicadores da dimensão social do Triple Bottom Line, todos os projetos afetaram positivamente os relacionados com saúde e bem-estar e com segurança e mobilidade. O indicador sobre direitos humanos e privacidade não foi afetado em nenhum dos casos e o indicador sobre relações entre empregados foi afetado em dois casos. Em relação ao indicador sobre outros impactos na comunidade, ele foi afetado em apenas um dos projetos porque conscientizou atores externos. E nos indicadores da dimensão ambiental do Triple Bottom Line, o relacionado com a emissão de poluentes e o tratando especificamente da emissão de carbono foram afetados positivamente em todos os casos. O indicador sobre reciclagem também foi afetado positivamente por todos os projetos, enquanto o indicador sobre o reuso de energia não foi afetado por nenhum dosprojetos. No que se refere aos demais impactos ambientais, aspectos ecológicos e urbanísticos foram melhorados e pode haver diminuiçãoda demanda por insumos. E o desenvolvimento dos projetos também evidenciou relações entre dimensões do Triple Bottom Line porque um dos indicadoresda dimensão econômica foi afetado porum da dimensão ambiental e também houve intersecção entre um dos indicadores da dimensão social com um da dimensão econômica. Dados os achados, esse estudo contribui para os campos de estudodas Cidades Inteligentes baseadas em Tecnologias de Informação e Comunicação e das práticas de Sustentabilidade.
Título em inglês
Smart cities based on information and communication technologies: experiences in urban regions from the point of view of sustainability
Palavras-chave em inglês
Cities
Cities of the future
Information technology
Sustainability
Resumo em inglês
This study investigated the relationships between Smart Cities projects based on Information and Communication Technologies and the economic, social and environmental dimensions of the Triple Bottom Line. The aims were to verify in which ways projects took Triple Bottom Line dimensions into consideration, to ascertain the relations between Smart Cities and Information and Communication Technologies, and to identify how projects affected the indicators of the three dimensions of Triple Bottom Line. This qualitative research was carried out through three case studies that analyzed projects belonging to different stages of the electric energy transformation and consumption chain implanted in urban regions of the State of São Paulo. This study used primary data collected through semi-structured interviews with staff of the projects and secondary data obtained through bibliographic research. The results showed that the development of the projects was motivated by technological, economic, social and strategic issues. There were benchmarks to minimize risks and internal and external stakeholders participated of project development cycles. Tests of technologies were one of the criteria used to choose deployment sites and organizations obtained innovations and lessons learned. Regarding the economic dimension of the Triple Bottom Line, the indicator about sales, profits, and return on investments was positively affected by the projects, but the indicator dealing with taxes was negatively affected in one case. The indicator about monetary flows was affected by two projects and the indicator about job creation was affected positively by only one project. The indicator regarding other economic results showed positive outcomes through reduction of electricity consumption, through technical and operational losses, and through improvement in the quality of services. Regarding the indicators of the social dimension of the Triple Bottom Line, all projects positively affected the indicator related to health and well-being and the indicator related to safety and mobility. The indicator on privacy and human rights was not affected by any project and the indicator about relations between employees was affected by two projects. Regarding the indicator on other community impacts, it was affected by only one of the projects. And regarding the environmental dimension of the Triple Bottom Line, the indicator related to the emission of pollutants and the indicator dealing specifically with carbon emissions were positivelyaffected by all projects. The indicator on recycling was positively affected by all projects, while the indicator about energy recycling was not affected by any of the projects. Regarding others environmental impacts, one project can decrease the demand for inputs and other project improved ecological and urban aspects on deployment site. And the development of the projects also revealed relationships between dimensions of the Triple Bottom Line. One of the indicators from economic dimension was affected by one indicator of the environmental dimension. And there also was an intersection between one indicator of the social dimension with one indicator of the economic dimension. Given the findings, this study contributes to the field of Smart Cities based on Information and Communication Technologies and contributes to the field of Sustainability
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-12-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.