• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Jáder dos Reis Sampaio
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2004
Orientador
Banca examinadora
Fleury, Maria Tereza Leme (Presidente)
Ckagnazaroff, Ivan Beck
Fischer, Rosa Maria
Mazzon, Jose Afonso
Spink, Peter Kevin
Título em português
Voluntários: um estudo sobre a motivação de pessoas e cultura em uma organização do terceiro setor
Palavras-chave em português
Cultura organizacional
Espiritismo
Gestão de Pessoas
Motivação
Psicologia do Trabalho
Terceiro Setor
Resumo em português
Para este trabalho realizou-se um estudo de caso em uma creche visando a identificar novas categorias de análise de cultura organizacional e motivação de voluntários em organizações de Terceiro Setor. O Terceiro Setor é concebido como o conjunto de organizações sem fins lucrativos, autogerenciadas, integrantes da sociedade civil, com finalidade pública ou coletiva. Foram revistas as teorias de motivação de Abraham Maslow, David McClelland e Joseph Nuttin, a partir das quais se desenvolveu um modelo complexo para o estudo deste fenômeno, que contempla necessidades fisiológicas, tendências e schematas, além dos próprios motivos. Os motivos são concebidos como projetos de ação baseados em relações exigidas entre indivíduo e ambiente. Após a revisão das teorias de cultura organizacional de Hofstede, Schein e Fleury, adotou-se o modelo de cultura organizacional de Fleury, acrescido da análise de ethos e visão de mundo (oriundas dos trabalhos de Clifford Geertz) de movimentos políticos, religiosos ou sociais subjacentes à organização. O estudo de caso contou com o recurso de triangulação de dados, a partir de múltiplas técnicas de pesquisa: observação participante, análise de documentos, história de vida e descrição de atividades. Na análise do movimento religioso subjacente à creche, encontra-se uma proposta de ethos e visão de mundo do Espiritismo depreendidos da leitura da obra de Allan Kardec e da revisão bibliográfica de estudos antropológicos em organizações espíritas brasileiras. A análise da história da organização mostrou existir um conflito entre um projeto de promoção social, idealizado pelo fundador, e uma obra social preocupada com o desenvolvimento pessoal e a oportunidade de realização de atividades humanitárias pelo voluntário, própria do movimento espírita, assim como convênio com o poder público municipal, que descaracterizou as atividades de creche como espaço de ação voluntária. Observou-se que os voluntários de um dos territórios da creche associam seus motivos não apenas às tendências a estabelecer contatos interpessoais afetuosos como também à consistência interna, com a construção de uma auto-imagem mais valorizada, e justificada por muitos dos schematas estudados. Observou-se também que o trabalho voluntário é, paradoxalmente, fonte de prazer, de desligamento de problemas oriundos de outros espaços de experiência e de sofrimento. Há, ainda, o desenvolvimento de alguns mecanismos de defesa individuais e coletivos para atenuar os efeitos desses aspectos negativos. O estudo corrobora a tese que advoga a necessidade de conhecimento mais substancial da cultura das organizações de Terceiro Setor, antes de se propor a adoção de técnicas de gestão oriundas do meio empresarial.
Título em inglês
Volunteers: a study of people motivation and culture from a third sector organization.
Palavras-chave em inglês
Human Resources Management
Motivation
Organizational Culture
Qualitative Methods
Spiritism
Third Sector
Work Psychology
Resumo em inglês
A kindergarten case study was done in order to identify new analysis categories from organizational culture and volunteer motivation for ?third sector? organizations. Third sector is defined as the cluster of non-profitable, self governed, civil society organizations, with public or collective goals. Abraham Maslow, David McClelland and Joseph Nuttin?s theories of motivation were revised. They were the base for a complex theoretical model that comprehends physiological necessities, tendencies and schemata, besides the motives, for the motivation study. Motives are action projects based upon required relationship between the individual and the environment. Hofstede, Schein and Fleury?s theories of organizational culture were reviewed. This study adopted Fleury?s model of organizational culture increased with the analysis of ethos and world-view (from Clifford Geertz studies), from political, religious or social movements subjacent to the organization. Case study was done using data triangulation techniques dealing with information obtained by participant observation, document analysis, life history and activities description. Allan Kardec?s books and articles were used to build the ethos and world view of Brazilian Spiritism, besides the review of anthropological studies of spirit Brazilian organizations. Spiritism is the religious movement related to the kindergarten?s volunteers. Organization?s history analysis revealed a conflict between the founder?s social promotion project and the conception beheld by the spiritist volunteers that is worried with the personal development and generating opportunities of humanitarian service. It showed an alliance with municipal public power that putted away the volunteer workforce from the kindergarten?s activities. The volunteers from one of the influence territories of the organization affirmed the association between gratification and the tendency to realize interpersonal affective contacts and the tendency to internal consistency, with a valorized self-image. There is a connection between the schemata identified and this internal consistency. Volunteer work is paradoxically a source of pleasure, distance from outsider problems and pain. It was observed some individual and collective defense mechanisms to protect volunteers from pain effects. This study corroborates the thesis that defends the necessity of third sector organization?s substantive cultural knowledge before the proposal of management techniques from enterprises.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
tese.pdf (899.16 Kbytes)
Data de Publicação
2007-05-31
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.