• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.12.2003.tde-23082007-112126
Documento
Autor
Nome completo
Natacha Bertoia da Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2003
Orientador
Banca examinadora
Fischer, Andre Luiz (Presidente)
Fleury, Maria Tereza Leme
Oliveira Júnior, Moacir de Miranda
Título em português
Os programas de melhoria contínua como processos de aprendizagem organizacional: o caso de uma indústria de produtos alimentícios
Palavras-chave em português
Aprendizagem organizacional
Gestão do conhecimento
Treinamento de pessoal
Resumo em português
Este estudo visou estabelecer as relações entre as práticas de qualidade e o processo de aprendizagem organizacional. Os programas de melhoria contínua, adotados intensamente pelas organizações brasileiras nas ultimas décadas, constituíram a sua principal referência empírica. Resgatando a literatura sobre estes programas observa-se que teóricos importantes consideram o processo de aprendizagem organizacional um estágio superior da sua internalização pelas empresas. Para investigar esta possibilidade, foi elaborado, a partir dos autores clássicos sobre aprendizagem organizacional, um conjunto de indicadores definidores deste estágio: aprendizagem em grupo, construção da memória organizacional, domínio pessoal, espiral do conhecimento, transformação dos modelos mentais e questionamento dos seus pressupostos e agentes da ação organizacional. Por meio da triangulação, uma metodologia múltipla, estes indicadores foram aplicados em duas fábricas da Nestlé, localizadas no interior de São Paulo, que implantaram o programas de melhoria contínua. Como resultado constatou-se que o programa provocou mudanças positivas sensíveis no perfil gerencial e no padrão de comprometimento dos funcionários com seu trabalho e com as empresas. Entretanto, analisando-se as práticas de geração e disseminação de conhecimento, percebe-se que programa de melhoria contínua proporcionou aprendizagem individual dos colaboradores, além de ter atingido resultados economicamente positivos, sendo, a questão da aprendizagem organizacional muito mais sutil e difícil de aferir. Desta maneira, essa pesquisa permitiu verificar que as empresas podem implementar práticas de melhorias contínuas ou outros programas na área da qualidade, mas somente obterão êxito caso acreditem no potencial dos seus colaboradores e os dêem oportunidades para se desenvolverem e contribuírem para a organização como um todo.
Título em inglês
Continuous improvement programs as processes for organizational learning: a case study of a company
Palavras-chave em inglês
continuous improvement
knowledge management
learning organization
Resumo em inglês
This study aimed to present the links between practices of quality and the process of organizational learning. The continuous improvement programs, intensively adopted by Brazilian organizations during last decades, were their main empirical reference. When it comes to the bibliography on the continuous improvement programs, we notice that important writers and academicians consider the organizational learning a superior stage of their internalization by the companies. To research on this possibility, considering classical authors of organizational learning issues, it was elaborated a set of indicators of the mentioned stage, such as: group learning, organizational memory construction, personal dominion, spiral of knowledge, mental models transformation and questioning shared assumptions and organizational actions agents. Through the triangulation technique, a multiple methodology, these indicators were applied in two Nestlé´s factories, located in the interior of São Paulo, which have implemented continuous improvement programs. The results demonstrated that the program levered positive changes in the managerial profile and in the commitment level of the staff with their work and their companies. However, analyzing the practices of knowledge generation and diffusion, it is perceived that the continuous improvement program levered the individual learning, besides having reached economically positive results, being the question of organizational learning a lot more subtle and difficult to measure. In this manner, this research found out that companies can implement continuous improvement practices or other quality programs, but they will only obtain success if they believe in their collaborators potential and give them opportunities to develop themselves and contribute to the organization as a whole.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
DissertNatcha.pdf (781.27 Kbytes)
Data de Publicação
2007-08-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.