• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.12.2014.tde-17122014-181812
Documento
Autor
Nome completo
Patricia Viveiros de Castro Krakauer
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Almeida, Martinho Isnard Ribeiro de (Presidente)
Barbero, Edson Ricardo
Hashimoto, Marcos
Machado, Nilson Jose
Serra, Fernando Antonio Ribeiro
Título em português
Ensino de empreendedorismo: estudo exploratório sobre a aplicação da teoria experiencial
Palavras-chave em português
Empreendedorismo - Estudo e ensino
Estudo exploratório
Teoria experiencial
Teoria significativa
Resumo em português
O presente estudo analisou como a experiência pode ser o alicerce para o ensino de empreendedorismo, de forma que a aprendizagem tenha significado para os jovens graduandos. O ensino de empreendedorismo ainda é muitas vezes apenas focado na abertura de pequenas empresas, tendo o plano de negócios como sua base. Este alicerce utilizou as teorias da aprendizagem experiencial e aprendizagem significativa, conceituando o ensino de empreendedorismo pela articulação de ambas as teorias. Alguns aspectos foram estudados em profundidade e constituíram os objetivos específicos da presente tese: compreender o que deve ser ensinado em empreendedorismo na graduação, elaborar e testar um conjunto de propostas de aulas para a disciplina de empreendedorismo, levantar os estilos de aprendizagem das turmas investigadas e discutir as premissas da aprendizagem experiencial no âmbito do ensino de empreendedorismo. Por ser um tema ainda em construção, trata-se de uma pesquisa de natureza exploratória, qualitativa, sendo que a mesma foi desenhada em três fases: na fase 1 realizou-se o levantamento de dados secundários que proporcionou a fundamentação teórica da tese e o desenvolvimento do modelo conceitual; a fase 2 e a fase 3 correspondem à pesquisa empírica, sendo a fase 2 voltada à aplicação do modelo em aulas de empreendedorismo, comparando os dados obtidos com dois grupos de alunos, e a fase 3 estruturada para validar os achados e discutir as premissas. Foram delineados como procedimentos metodológicos o levantamento bibliográfico, a pesquisa participante e as entrevistas semiestruturadas com especialistas. Vários resultados foram obtidos de forma a conceituar o ensino de empreendedorismo, podendo-se destacar: (1) a construção do conhecimento em rede se mostrou adequada ao ensino de empreendedorismo, (2) a teoria de aprendizagem experiencial se mostrou efetiva para o desenvolvimento de um modelo conceitual e estimulou a significância e a criatividade no grupo investigado, (3) várias didáticas foram analisadas, com destaque para o plano de negócios, estudo de caso, resolução de problemas, mapas mentais e narrativas, (4) plano de negócio é um meio para a aprendizagem de empreendedorismo e não o seu fim, (5) não é necessário que o professor de empreendedorismo já tenha sido proprietário de um negócio, (6) os docentes poderiam se preparar melhor pedagogicamente e (7) os alunos não gostam de aulas expositivas e querem ser protagonistas do seu aprendizado. O estudo contribui ao ser um passo para o entendimento de um contexto ainda não convergente na literatura e para que instituições de ensino e docentes tenham um novo olhar sobre o ensino de empreendedorismo, tema atual e instigante.
Título em inglês
Teaching entrepreneurship: an exploratory study on the application of the experiential theory
Palavras-chave em inglês
Entrepreneurship - Study and teaching
Experiential theory
Exploratory study
Meaningful theory
Resumo em inglês
This study examined how experiences can be the foundation for teaching entrepreneurship, so that learning becomes meaningful to the graduates. The teaching of entrepreneurship is often focused only on opening small businesses, and has the business plan as its basis. This foundation has used the theories of experiential learning and meaningful learning, conceptualizing the teaching of entrepreneurship through the articulation of both theories. Some aspects have been studied in depth and constituted the specific objectives of this thesis: to understand what must be taught as entrepreneurship in a graduation course, to elaborate and test a set of proposals for classes concerning the subject entrepreneurship, to raise the learning styles of the investigated groups and discuss the premises of experiential learning in teaching entrepreneurship. Because such a subject is still under construction, it is a research of exploratory and qualitative nature, and it was designed in three phases: in phase 1 it was carried out a survey of secondary data which provided the theoretical foundation for the thesis and the development of the conceptual model; phase 2 and phase 3 correspond to the empirical research, being the second phase focused on the implementation of the model in entrepreneurship classes, comparing the results obtained with two groups of students and the third phase was structured to validate such results and discuss the premises. As methodological procedures were outlined the bibliographic research, the participatory research and semi-structured interviews with experts. Several results were obtained in order to conceptualize the teaching of entrepreneurship, such as: (1) the construction of knowledge in a network way was adequate to the teaching of entrepreneurship, (2) the theory of experiential learning was effective for developing a conceptual model and stimulate the significance and creativity in the investigated group, (3) several didactics were analyzed, with emphasis on the business plan, case study, problems solving, mental maps and narratives, (4) the business plan is a way for learning entrepreneurship and not its end, (5) it is not necessary for the entrepreneurship teacher to have previously been a businessman, (6) the teachers could be better prepare pedagogically and (7) the students do not like expositive classes and want to be protagonists of their learning process. The study is helpful insofar as it represents a step towards the understanding of a context not yet convergent in the literature and contributes so that schools and teachers may have a new perspective on the teaching of entrepreneurship, a current and thought-provoking theme.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-01-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.