• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.12.2018.tde-10072018-161844
Documento
Autor
Nome completo
Fernando Antonio de Melo Pereira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Gouvea, Maria Aparecida (Presidente)
Romeiro, Maria do Carmo
Grandolpho, Bernadete de Lourdes Marinho
Ramos, Anatalia Saraiva Martins
Ribeiro, Daielly Melina Nassif Mantovani
Título em inglês
The effectiveness of MOOCs through users' experience.
Resumo em inglês
MOOC (Massive Open Online Courses) is an emergent technology in education, a natural evolution of e-learning and it shows a disruptive way to learn. Although, many studies have focused on e-learning evolution, they ignore particularities of massive courses, which include the connectivity, evaluation process, virtual communities, economic and cultural impacts and other characteristics. This study sought to investigate the determinants of satisfaction and continuance of use in MOOC courses from the perspective of students. Through an online survey, 890 users of the most popular MOOC platforms made a self-evaluation of the performance and adherence to tools available in the courses. To generate a theoretical model, it is used a bibliometric and systematic review with meta-analysis, as well as methods of measurement scales, including Item Response Theory, random forest, common method variance and factorial analysis. The model was validated through the structural equation modeling. Among the main results, it is highlighted that the quality, usability and value impact on the performance of the users in the courses. In addition to performance, using interactivity and collaborative learning resources generates greater adherence of users to the teaching format of MOOCs. Both performance and adherence to MOOCs generate more satisfaction and a consequent desire to continue completing the courses on the teaching platforms. In addition, user engagement is crucial to generating satisfaction. The study contributes to the advancement and maturation of research on the theme, mainly at the empirical level and converging to the movement of MOOCs as a business model headed by universities. In the methodological field, the study contributes with the literature of quantitative methods for exploring emerging methods at measurement scales and complementing traditional methods. The originality of the study is based on the application of the particularities of the MOOCs in a context of continuance intention, in the exploitation of the studies on e-learning, in the evaluation of variables as payment and in the moderating effect of the engagement.
Título em português
A efetividade dos MOOCs através da experiência dos usuários.
Palavras-chave em português
Cursos online abertos e massivos
Efetividade
Escala de mensuração
Tecnologia disruptiva
Teorias do e-learning
Resumo em português
O MOOC (Curso Online Aberto e Massivo) é uma tecnologia emergente em educação, uma evolução natural do e-learning e que apresenta uma forma disruptiva de ensino. Apesar disso, muitos estudos que focam na evolução do e-learning, ignoram as particularidades dos cursos massivos, que inclui a conectividade, o processo de avaliação, as comunidades virtuais, os impactos culturais e econômicos, entre outros. Este estudo buscou investigar as determinantes da satisfação e da continuidade uso em cursos MOOCs na perspectiva dos estudantes. Através de um survey online, 890 usuários das plataformas mais populares em MOOCs fizeram uma auto-avaliação sobre a performance e o uso de ferramentas utilizadas nos cursos. Para gerar um modelo teórico, foram utilizadas uma revisão bibliométrica e sistemática com meta análise, além de métodos de escalas de mensuração, incluindo a Teoria da Resposta ao Item, random forest, variância comum ao método e análise fatorial. O modelo foi validado através da modelagem de equações estruturais. Entre os principais resultados, destaca-se que a qualidade, usabilidade e o valor impactam na performance dos usuários nos cursos. Aliado a performance, utilizar recursos de interatividade e aprendizagem colaborativa geram maior aderência dos usuários ao formato de ensino dos MOOCs. Tanto a performance como a aderência aos MOOCs geram mais satisfação e consequente desejo de continuar realizando os cursos nas plataformas de ensino. Além disso, o engajamento do usuário é crucial para gerar satisfação. O estudo contribui no avanço e amadurecimento das pesquisas sobre o tema, principalmente no âmbito empírico e convergentes ao movimento dos MOOCs como um modelo de negócio encabeçado pelas universidades. No campo metodológico, o estudo contribui com a literatura de métodos quantitativos por explorar métodos emergentes em escalas de mensuração e se complementando a métodos tradicionais. A originalidade do estudo se baseia na aplicação das particularidades dos MOOCs em um contexto de intenção de continuidade, no aproveitamento dos estudos sobre e-learning, na avaliação de variáveis como pagamento e no efeito moderador do engajamento.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
CorrigidoFernando.pdf (4.63 Mbytes)
Data de Publicação
2018-07-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.