• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.12.2015.tde-10062015-144750
Documento
Autor
Nome completo
Alexssandro Augusto Pereira Correa de Mello
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Sousa, Almir Ferreira de (Presidente)
Barbero, Edson Ricardo
Bortoli Neto, Adelino De
Martelanc, Roy
Raifur, Léo
Título em português
Contribuições à gestão de micro, pequenas e médias empresas (MPMEs): um estudo sobre a adoção de práticas administrativas e sua relação com o porte e com a lucratividade
Palavras-chave em português
Administração de pequenas e médias empresas
Estratégia organizacional
Finanças das microempresas
Microempresas
Resumo em português
As Micro, Pequenas e Médias empresas, MPME, são responsáveis por em torno de 30% do PIB e por mais da metade dos trabalhos formais no Brasil, tamanha importância aponta a crescente necessidade de pesquisas que suportem o seu desenvolvimento e amadurecimento. Neste contexto, esta tese teve como foco as MPMEs, procurando responder quais são as práticas de gestão que mais impactam na lucratividade, bem como a associação destas práticas de gestão ao porte. As práticas de gestão foram concebidas a partir da cadeia de valor, formando-se nove dimensões: Estratégia, Estrategista, Gestão de Pessoas, Gestão de Valor, Gestão Financeira, Gestão de Operações, Mercadológico, Sistemas de Informação e Governança. Para a construção do instrumento de coleta de dados utilizou-se as referencias conceituais apontadas ao longo do referencial teórico. Dessa forma, montou-se um questionário com 204 perguntas, sendo 160 ligadas diretamente à representação destas práticas e mais 44 que suportaram o alcance do objetivo proposto. Por conseguinte, obteve-se um instrumento robusto para ser respondido em 60 minutos. Foi formada uma amostra de 197 empresas respondentes de diversos setores da economia, sendo 91 micro, 65 pequenas e 37 médias. Para a análise destas respostas utilizou-se a metodologia quantitativa exploratória, uma vez que a amostra foi não-probabilística por conveniência. Foram utilizadas diversas técnicas estatísticas através do software SPSS. Primeiramente foi verificada a associação entre cada uma das 160 variáveis e a lucratividade através dos testes Qui-quadradado e Kendall. Como resultado foram identificadas 32 variáveis com associação positiva e significativa e mais 8 variáveis com associação positiva. Com base nestas variáveis foi aplicada a análise CATPCA que resultou em 9 dimensões, as quais foram submetidas à correlação de Spearman e à regressão múltipla. Estas análises forneceram fortes evidências sobre a correlação direta entre a adoção de práticas de gestão e a lucratividade e o porte. Para possibilitar a identificação de grupos similares dentro da amostra foi utilizada a análise de cluster, a qual possibilitou comparar grupos com diferentes graus de adoção e diferentes lucratividades. Verificou-se a existência de um cluster no qual mais práticas de gestão levam a maior lucratividade, bem como outro que apresentou menores práticas de gestão e menores lucratividades. Como contribuição à gestão das MPMEs foram levantadas algumas evidências através do gráfico de regressão e das disposições das empresas no gráfico. Foram apresentadas quais práticas de gestão são adotadas por empresas com maior lucratividade e estas foram comparadas a empresas do mesmo porte e mesmo setor com menor lucratividade, possibilitando recomendações para a adoção de certas práticas administrativas. Espera-se contribuir para que os dirigentes de MPMEs vejam seus negócios como empresas que podem evoluir através de técnicas de gestão e analisem a sua possibilidade de adoção, pois como apresentado no presente estudo a associação foi positiva em ambos os casos, com lucratividade e com porte.
Título em inglês
Contributions to the management of micro, small and médium business (MSMBs): a study on the adoption of administratives practices and its relation to the size and profitability
Palavras-chave em inglês
Microbusiness
Microbusiness Finance
Organizational strategy
Small and medium business
Resumo em inglês
The Micro, Small and Medium business, MSMBs account around 30 % of GPD and more than 50% of formal jobs in Brazil, such importance underscores a growing need for research to support its development and maturation. In this context, this study focused on MSMBs by seeking the management practices that most impact the profitability and how it is associated of the size management. Management practices are designed from the value chain, in nine dimensions: Strategy, Strategist, People Management, Management Value, Financial Management, Management Operations, Marketing, Systems Information and Governance. To build the data collection was used the conceptual references cited throughout the theoretical framework. Therefore, a questionnaire with 204 questions, including 160 questions directly related to the representation of these practices and 44 questions which bore the scope of the proposed objective. Consequently, there was obtained a robust questionnare to be answered in 60 minutes. Was coleted a sample of 197 respondents companies from various sectors of the economy, with 91 micro, 65 small and 37 medium busness. For analysis of these responses was used exploratory quantitative method, since the sample was non- probabilistic. Statistical techniques were used by SPSS software. First, was analysed an association between each of the 160 variables and the profitability through the Chi-square and Kendall tests. As a result were identified 32 variables with positive and significant association and 8 more variables with positive association. Based on these variables was applied to CATPCA analysis that resulted in 9 dimensions, which were submitted to Spearman correlation and multiple regression. These analyzes provide strong evidence about the direct correlation between the adoption of management practices and profitability and the size. To identify similar groups was used cluster analysis, which enabled comparing groups with different degrees of adoption and different profitability. Was noted the existence of a cluster in which more management practices lead to higher profitability, as well as other cluster who had lower management practices and smaller profitabilities. As a contribution to the management of MSMBs have been raised through the evidence regression graph and the provisions of the companies in the chart. Which management practices were presented are adopted by the most profitable and these were compared to companies of similar size and same industry with lower profitability, providing recommendations for the adoption of certain maneger practices. It is expected to contribute to the MSMBs leaders to see their business as companies that can evolve through management techniques and analyze their possible use, because as shown in this study, the association was positive in both cases, as profitability and size.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-06-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.