• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.12.2018.tde-06072018-100443
Documento
Autor
Nome completo
Gabriel Vouga Chueke
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Polo, Edison Fernandes (Presidente)
Brito, Luiz Artur Ledur
Crocco, Luciano
Mazzon, Jose Afonso
Ogasavara, Mario Henrique
Título em inglês
The role of host country institutions and firm factors on the internationalization process of emerging market multinationals entering in developed and developing countries.
Resumo em inglês
This Ph.D. dissertation aims to identify the determinant factors that influence the choice of Emerging Market Multinational Enterprises (EMNEs) to carry out a greenfield investment or an acquisition in both developing and developed countries. To reach this goal, we proposed a conceptual framework composed of different dimensions related to the firm, industry and host country factors. We grounded our model on concepts derived from institutional theory, transaction cost theory, internationalization theories and studies on entry mode choice. We used several complementary methods such as: exploratory factor analysis, cluster analysis, Manova and binary logistic regression. Moreover, we used an innovative method in international business studies called Qualitative Comparative Analysis (QCA). We collect data from different secondary sources such as OECD, World Economic Forum, World Bank, Brazilian Multinationals Observatory, Bovespa, Orbis database, among others. More than 1,000 Brazilian subsidiaries were identified in more than 50 countries. Preliminary results point to differences between the role of institutions in EMNEs operations in developed and developing countries. It seems that institutions play a relevant role in the internationalization behavior of EMNEs. However, multinationals can develop certain competencies that reduce the level of perceived internal and external uncertainty. In addition, our study findings reveal how each studied dimension contributes in a different way to the choice between performing a greenfield investment or an acquisition.
Título em português
O papel das instituições dos países hospedeiros e dos fatores da firma no processo de internacionalização das multinacionais de páises emergentes ingressando em economias desenvolvidas em desenvolvimento.
Palavras-chave em português
Aquisição
Fatores internos
Instituições
Investimento greenfield
Multinacionais emergentes
Resumo em português
Esta tese de doutorado tem por objetivo identificar os fatores determinantes que influenciam na escolha de multinacionais emergentes entre realizar uma aquisição e um investimento greenfield em países em desenvolvimento e desenvolvidos. Para o alcance do objetivo proposto é elaborado um modelo analítico composto por diferentes dimensões relacionadas à firma, indústria e país anfitrião. O modelo analítico tem como base os conceitos oriundos da teoria institucional, teoria dos custos de transação, teorias de internacionalização de empresas e os estudos sobre modos de entrada. Como metodologia de pesquisa, adotou-se métodos diversos e complementares, tais como: análise fatorial exploratória, análise de cluster, Manova e regressão logística. Ainda, o método qualitativo denominado Análise Qualitativa Comparada. Os dados que compõem o estudo foram levantados em diferentes fontes secundárias, provenientes de institutos internacionais de pesquisa, como OECD, World Economic Forum, OECD, World Bank, Observatório de Multinacionais Brasileiras, Bovespa, Orbis database, entre outros. Foram mapeadas mais de mil subsidiárias brasileiras em mais de 50 países. Os resultados preliminares apontam para diferenças entre o papel das instituições na atuação das multinacionais emergentes em países desenvolvidos e em desenvolvimento. Ao que parece, as instituições têm um papel relevante no processo de internacionalização. No entanto, a firma pode desenvolver certas competências que contribuem para que ela lide melhor com esse processo, reduzindo assim o nível de incerteza interna e externa. Além disso, os achados do estudo revelam como cada dimensão estudada contribui para a escolha entre realizar um investimento greenfield ou uma aquisição.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
CorrigidoGabriel.pdf (1.35 Mbytes)
Data de Publicação
2018-07-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.