• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.12.2008.tde-03092008-122244
Documento
Autor
Nome completo
Daniela Dutra da Costa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Nascimento, Paulo Tromboni de Souza (Presidente)
Agopyan, Vahan
Yu, Abraham Sin Oih
Título em português
A gestão do desenvolvimento de produtos na indústria de materiais de construção
Palavras-chave em português
Desenvolvimento de produtos
Desenvolvimento de produtos - Processos
Materiais de construção
Resumo em português
A presente pesquisa procurou aperfeiçoar os conhecimentos no que se refere à gestão do desenvolvimento de novos produtos no segmento de componentes da indústria de materiais de construção. Não obstante a vasta literatura sobre a gestão do desenvolvimento de produtos, ainda existe uma lacuna no que diz respeito a este tema no setor. Procurou-se, então, identificar o grau de formalização, as etapas e as características da gestão do desenvolvimento de produtos na indústria de materiais de construção, como também as convergências e divergências entre os casos práticos e a literatura levantada. O desdobramento teórico desta pesquisa teve por base uma compilação dos principais modelos de gestão do processo de criação, como também do mapeamento do setor da indústria de materiais de construção. Por sua vez, o desenvolvimento empírico amparou-se na pesquisa qualitativa, predominantemente exploratória, baseada na técnica de estudo de casos múltiplos, contando com uma amostra de quatro empresas: Perflex, Deca, Cecrisa e Tigre. Verificou-se que existe um razoável nível de aderência entre o que preconiza a literatura e o que de fato acontece nas empresas pesquisadas, todavia, existem algumas contribuições relevantes que podem ser consideradas. Observou-se que nesse setor industrial os projetos derivativos são predominantes, com grande direcionamento para projetos topológicos; que o processo de captação de idéias realizado pela Cecrisa e pela Tigre diferenciase das demais empresas, obtendo as mais diferentes informações; que na etapa de desenvolvimento do conceito do produto a Cecrisa sobressai por inserir depoimentos de especialistas sobre a imagem da linha e a atualidade da idéia, o que poderá ser utilizado nas suas peças promocionais. Destaca-se, ainda, na montagem do produto, pois o faz em etapas iniciais, utilizando a matéria-prima e o processo produtivo finais. E a Deca, Cecrisa e Tigre realizam o lançamento interno do produto, distinguindo-se pela forma como é feito, e por não ter sido encontrado nenhum caso na literatura que inclua essa etapa no processo. É importante ressaltar a falta de aplicação de alguns critérios de Clark e Wheelwright (1993) nas empresas estudadas. Estas se diferenciam bastante das empresas utilizadas na pesquisa dos autores citados, pois são empresas pequenas com distâncias hierárquicas menores, onde acontecem constantemente reuniões formais e encontros informais para discussões e esclarecimentos sobre projetos. Com este estudo foi possível conhecer a realidade das indústrias de materiais de construção, a qual não se encontra em más condições, pelo contrário, está atualizada com os novos conceitos que envolvem o tema deste trabalho, gestão do desenvolvimento de novos produtos, com um processo e uma estrutura formal e organizada.
Título em inglês
The management of product development in the industry of construction materials
Palavras-chave em inglês
Construction elements
Construction materials
Product development
Product development - Process
Resumo em inglês
This study tries to improve the knowledge of the management of new products development in the industry of construction materials. Despite the vast literature on the management of the development of the products, there is still a gap in this subject related to the sector. For this reason, this study also tries to identify the degree of formalization, the phases and the characteristics of the management of the products in the industry of construction material, as well as the convergences and divergences between the practical cases and the literature studied. The empirical development of this research was based upon the compilation of the chief models of management of the process of creation, as well as the mapping of the sector of the industry of construction materials. In its turn, the empirical development had as its base a qualitative, prevailingly exploratory, research, based on the technique of study of multiple cases, counting on a sample of four companies: Perflex, Deca, Cecrisa and Tigre. It was verified that there is a reasonable degree of disparity between what the relevant literature states and what it is done in the target companies; nevertheless, there are some excellent contributions that can be taken into consideration. It was noticed that in this industrial sector derivative projects prevail, many oriented to topological projects; that the process of capture of ideas and information carried out by Cecrisa and by Tigre is different from that of the other companies, getting the most varied information; that in the face of the conceptual development of the product Cecrisa stands out for inserting testimonials of experts on the image of the line and the up-dated character of the idea, which may be used in the advertising pieces. It also stands out in the assembling of the products for doing it in the initial phases using raw material and the final productive process. Deca, Cecrisa and Tigre make the internal launching of the product, differing from others by the form of doing it, and for the effect that no similar case has been found in the relevant literature that includes this phase into the process. It is important to note the lack of application of some of Clark and Wheelwright's principles (1993) in the companies studied. This target companies differ largely from the companies used in the research of the authors mentioned, for they are small companies with smaller hierarchical distances, where formal and informal meetings taken place, constantly, for discussions and clarifications about projects. With this study it was possible to learn about the reality of the construction materials industries, which, by the way, is not badly off; on the contrary, it is up to date with the new concepts of the theme of this study, the management of new products development, with a process and a formal and organized structure.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-09-08
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • Costa, D. D., e NASCIMENTO, Paulo Tromboni de Souza. A Gestão do Desenvolvimento de Produtos na Indústria de Materiais de Construção. RAC. Revista de Administração Contemporânea , 2011, vol. 15, p. 1-24.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.