• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.12.2019.tde-20122018-180547
Documento
Autor
Nome completo
Ítalo de Paula Franca
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Narita, Renata Del Tedesco (Presidente)
Gomes, Fabio Augusto Reis
Rodrigues Junior, Mauro
Santos, Marcelo Rodrigues dos
Título em inglês
Self-employment in the United Kingdom: the role of frictions and labor market institutions
Palavras-chave em inglês
Employment policy
Labor economics
Self-employment
Taxes
Resumo em inglês
We develop a job search model with self-employment and savings to understand occupation choice in the United Kingdom (UK). In the UK, self-employment has steadily grown from the beginning of the 2000s and comprised more than 14% of the workforce in 2015. We estimated the model using the method of moments and data from two longitudinal surveys, the Wealth and Assets Survey and the Understanding Society for the period 2010-12. We then use the model to simulate counterfactual policies to promote employment via entrepreneurship such as lower profit taxation and entry barriers into self-employment, or through changes in wage taxes and unemployment benefits. The results show that a rise in self-employment can be mostly associated with an increase in the payroll tax or a reduction on the self-employment income tax
Título em português
O emprego por conta própria no Reino Unido: o papel das fricções e das instituições do mercado de trabalho
Palavras-chave em português
Economia do trabalho
Impostos
Política de emprego
Trabalhador autônomo
Resumo em português
Desenvolvemos um modelo de busca por emprego que inclui o trabalhador autônomo e a riqueza para estudar a escolha ocupacional no Reino Unido. No Reino Unido, o trabalho por conta própria vem crescendo desde o início da década de 2000 e ultrapassou 14 % da força de trabalho em 2015. Estimamos o modelo usando o método de momentos e dados de duas pesquisas longitudinais, a Wealth and Assets Survey e a Understanding Society, para o período 2010-12. Em seguida, utilizamos o modelo para simular políticas contrafactuais de incentivo ao emprego através do empreendedorismo, com a menor tributação de lucros, redução às barreiras de entrada no trabalho por conta própria, ou através de alterações no imposto salarial e auxílio desemprego. Os resultados mostram que um aumento do emprego autônomo pode estar associado principalmente a um aumento do imposto sobre os salários ou a uma redução do imposto sobre o rendimento do trabalho por conta própria
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
CorrigidoItalo.pdf (775.37 Kbytes)
Data de Publicação
2019-01-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.