• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.12.2008.tde-15012009-112806
Documento
Autor
Nome completo
Juan Pedro Jensen Perdomo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Gonçalves, Carlos Eduardo Soares (Presidente)
Nakane, Marcio Issao
Pessoa, Samuel de Abreu
Rodrigues Junior, Mauro
Toledo Neto, Celso de Campos
Título em português
Ensaios aplicados de macroeconomia: taxa de câmbio e expectativas de inflação
Palavras-chave em português
Inflação
Investimentos
Macroeconomia
Taxa de câmbio
Resumo em português
Esta tese de doutorado consiste em três ensaios aplicados de macroeconomia. O primeiro ensaio retoma o clássico resultado do artigo de Meese e Rogoff (1983), em que os autores encontram fortes evidências de que nenhum modelo estrutural para a taxa de câmbio supera as projeções de um modelo random walk. Neste primeiro ensaio, comparamos o erro das projeções para a taxa de câmbio, efetuadas por bancos, instituições financeiras e consultorias econômicas, captadas no ranking Top-5 do Banco Central do Brasil, com as projeções de um modelo random walk e um modelo estrutural, o de paridade não coberta de taxa de juros, para três horizontes de previsão. Os resultados mostram que o modelo random walk tem maior índice de acerto em comparação com os métodos utilizados pelas instituições participantes da pesquisa e em comparação ao método estrutural. Este índice de acerto aumenta com o prazo de projeção. O segundo ensaio trata dos determinantes das expectativas de inflação no Brasil. As expectativas de inflação são uma das mais importantes variáveis na determinação da inflação futura, determinando a condução da política monetária. Através de modelagem econométrica, encontramos que as variáveis que afetam as expectativas de inflação são: a) meta de inflação é a variável mais importante, funcionado como âncora das expectativas; b) inflação passada; c) hiato do produto; d) taxa de câmbio; e) preços internacionais; e f) taxa de juros. Variáveis de política fiscal não parecem ser importantes na determinação das expectativas de inflação. O terceiro ensaio volta a tratar da taxa de câmbio, tratando de entender o impacto das desvalorizações do Real sobre o comportamento das empresas. Sabese que os impactos na atividade econômica de uma desvalorização cambial podem ser positivos ou negativos. Para as firmas, o benefício se dá em termos de competitividade, dada a redução nos custos. Mas, se as firmas tiverem dívida atrelada à moeda estrangeira, a desvalorização pode ter mais custos do que benefícios, dado as restrições à atuação das empresas via mercado de crédito. Este é o efeito de balanço patrimonial. Este terceiro ensaio trata de contribuir na identificação dos impactos destas desvalorizações sobre o comportamento dos investimentos de empresas brasileiras. Através de dados microeconômicos, os resultados das estimações não permitem concluir qual dos dois efeitos, de balanço patrimonial ou de competitividade, é mais importante. Entretanto, a separação da amostra em firmas de diferentes tamanhos evidencia um efeito de balanço patrimonial superior ao efeito de competitividade no caso de firmas grandes.
Título em inglês
Tests applied in macroeconomics: exchange rate expectations and inflation
Palavras-chave em inglês
Exchange rate
Inflation
Investments
Macroeconomics
Resumo em inglês
This doctoral thesis consists of three essays in applied macroeconomics. The first essay retakes the classic result of the article by Meese and Rogoff (1983), in which the authors found strong evidence that no structural model for the exchange rate surpasses the projections of a random walk model. In this first essay we compare the error of the projections for the exchange rate, effected by banks, financial institutions and economic consultants, caught in ranking Top-5 of the Brazilian Central Bank, with the projections of a random walk model and a structural model of uncovered interest parity for three horizons of forecast. The results show that the random walk model has greater index of rightness in comparison with the methods used for the participant institutions of the research and in comparison with the structural method. This index of rightness increases with the projection stated period. The second essay deals with the determinants of inflation expectations in Brazil. Expectations of inflation are one of the most important variables in determining the future inflation, determining the conduct of monetary policy. Through econometric modeling we find that the variables that affect inflation expectations are: a) inflation target it is the most important variable, worked as anchor of expectations; b) past inflation; c) the product gap; d) exchange rate; e) international prices; and f) interest rate. Variables of fiscal policy do not seem to be important in the determination of inflation expectations. The third essay is once again dealing with the exchange rate, trying to understand the impact of the devaluation of the Real on corporate behavior. It is known that the impacts on economic activity of currency devaluation can be positive or negative. For firms, the benefit is given in terms of competitiveness, given the reduction in costs. But, if the firms have geared to the foreign currency debt, the devaluation may have more costs than benefits, given the restrictions on the performance of companies by market credit. This is the effect of balance sheet. This work comes to help in identifying the impact of these devaluations on the performance of the investments of Brazilian companies. Through microeconomic data, the results of the estimates can not conclude which of the two effects, balance sheet or competitiveness, is more important. Meanwhile, the separation of the sample in firms of different sizes shows an effect of balance sheet higher than the effect of competitiveness in the case of large firms.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
tese_Juan_2008.pdf (271.75 Kbytes)
Data de Publicação
2009-01-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.