• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.12.2006.tde-15122006-121519
Documento
Autor
Nome completo
Maria Aparecida Soares
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Corrar, Luiz Joao (Presidente)
Nova, Silvia Pereira de Castro Casa
Theophilo, Carlos Renato
Título em português
Análise de indicadores para avaliação de desempenho econômico-financeiro de operadoras de planos de saúde brasileiras: uma aplicação da análise fatorial
Palavras-chave em português
Análise fatorial
Avaliação de desempenho
Contabilidade financeira
Indicadores de produtividade
Planos de sistemas de saúde
Resumo em português
O setor de saúde suplementar no Brasil passou por transformações a partir da regulação do mercado pela Lei 9.656/98 e a criação da ANS – Agência Nacional de Saúde Suplementar, em 2000. A regulação trouxe avanços consolidando critérios para a entrada no mercado e funcionamento das OPS – Operadoras de Planos de Assistência à Saúde. A ANS criou o Programa de Qualificação da Saúde Suplementar, com o objetivo de melhorar a qualidade dos serviços prestados pelas OPS e privilegiar a transparência dos resultados da avaliação do desempenho do setor. Para avaliar e ter controle constante do desempenho das OPS, a ANS selecionou indicadores econômico-financeiros para classificar a dimensão da qualidade econômico-financeira do Programa. Pretendeu-se com este estudo verificar se os indicadores econômico-financeiros, selecionados pela ANS são relevantes para avaliar e classificar o desempenho das OPS, comparando-os com os indicadores econômico-financeiros tradicionais recomendados pela literatura, selecionados com a utilização da técnica estatística de AF - Análise Fatorial. A pesquisa foi desenvolvida com os dados das demonstrações contábeis referentes ao ano de 2004, de 211 OPS, das modalidades de medicina de grupo, cooperativa médica, filantropia e autogestão, disponíveis no banco de dados da ANS. Calcularam-se os indicadores para as 211 OPS, sendo utilizados para os estudos estatísticos o programa Excel®, da Microsoft®, e o software SPSS® 13.0. Aplicou-se inicialmente a AF ao conjunto de 10 indicadores, para redução e seleção dos mesmos, que foram sintetizados a 2 fatores principais. Aplicou-se também a AF ao conjunto de 8 indicadores utilizados pela ANS, para verificar a possibilidade de redução e chegou-se ao resultado de 2 fatores principais. Observou-se que os fatores encontrados pela AF em ambas as aplicações estão constituídos por 5 indicadores, que poderão compor a avaliação e classificação do desempenho econômico-financeiro dessas empresas. Em seguida, fizeram-se as classificações das OPS, sendo a primeira com os indicadores tradicionais selecionados pela AF e a segunda com os indicadores utilizados pela ANS. As classificações obtidas segundo os indicadores utilizados pela ANS, foram comparadas às classificações utilizando os indicadores tradicionais apontados pela AF. Observou-se que há proximidade entre as classificações das OPS, considerando os resultados obtidos. Assim, conforme a amostra trabalhada e análises realizadas, considerou-se que os indicadores utilizados pela ANS são relevantes para avaliar e classificar o desempenho das OPS.
Título em inglês
Analysis of indicators for evaluation of economic-financial performance of operators of Brazilian plans of health: an application of the factorial analysis
Palavras-chave em inglês
Evaluation of performance
Factorial analysis
Financial accounting
Indicators of productivity
Plans of health systems
Resumo em inglês
The private health sector in Brazil has gone through changes since the passing of Law 9656, and the creation of ANS - Agencia Nacional de Saúde Suplementar (National Supervisor for Private Health Assistance) in the year 2000, both responsible for the implementation of market regulation. This led to criteria for the creation and functioning of OPS’s – Operadoras de Plano de Saúde (HMO’s). ANS created the Program of Qualification of Private Health Providers, aiming at improving the quality of services rendered by the OPS’s and at priviledging transparency in the results of the evaluation of the system. In order to evaluate and constantly control the performance of OPS’s, ANS selected economic and financial indicators to classify the extent of the financial and economic quality of the Program. This study aimed at examining whether these traditional indicators selected by ANS are relevant in the evaluation of the performance of OPS’s, in comparison with the indicators suggested by the literature in the area, and selected by means of the statistic technique of FA – Factor Analysis. The research took into account data provided by financial statements relating to 2004, of 211 OPS’s including group assistance, medical cooperative, philanthropy and self-management, with data available in the ANS database. The indicators were used with the 211 OPS’s, and the statistic studies were carried out with the use of Excel, by Microsoft, and the software SPSS 13.0. Initially, FA was applied to the set of 10 indicators, so as to reduce and select them, and they were narrowed down to two main factors. FA was also applied to the set of 8 indicators used by ANS, to check the possibility of reduction, and the result reached was 2 main factors. The study showed that the factors found by FA in both uses consisted of 5 indicators, which may compose the evaluation and classification of economic and financial performance of these enterprises. After that, the OPS’s were first classified with the traditional indicators selected by FA, and then with the indicators used by ANS. The classification obtained according with the indicators used by ANS was compared with the one obtained through the traditional indicators appointed by FA. The results obtained point to very close classification of OPS’s. Thus, according to the sample used and the analises performed, we can consider that the indicators chosen by ANS are relevant to evaluate and classify the performance of OPS’s.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2006-12-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.