• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.12.2006.tde-12122006-102212
Documento
Autor
Nome completo
Dione Olesczuk Soutes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Guerreiro, Reinaldo (Presidente)
Peleias, Ivam Ricardo
Rocha, Welington
Título em português
Uma investigação do uso de artefatos da contabilidade gerencial por empresas brasileiras
Palavras-chave em português
Contabilidade gerencial
Medidas de atitude
Sistemas de informação gerencial
Resumo em português
Após a afirmação de Johnson e Kaplan, em 1987, através do livro ?Relevance Lost?, de que a Contabilidade Gerencial tinha perdido sua relevância, diversos artefatos foram desenvolvidos. Ao final da década de 1980, o IMA divulgou pesquisa que identificava quatro estágios evolutivos da Contabilidade Gerencial. A presente dissertação distribuiu alguns artefatos ? expressão genérica para atividades, ferramentas, filosofias de gestão, filosofias de produção, instrumentos, modelos de gestão e sistemas ? entre estes estágios. Os artefatos enquadrados no terceiro e quarto estágio foram considerados ?modernos?. Esta pesquisa é um survey, e foi orientada pela seguinte questão: empresas brasileiras utilizam artefatos modernos de Contabilidade Gerencial. Os objetivos do trabalho são: (1) verificar se as empresas que foram indicadas ao Prêmio ANEFAC-FIPECAFI-SERASA, Troféu Transparência, e as que constam da relação das 500 Melhores e Maiores, ano base 2004, utilizam artefatos modernos de contabilidade gerencial; (2) verificar se as empresas que utilizam artefatos, tanto tradicionais quanto modernos, possuem desempenho e porte diferenciado das que não utilizam; e (3) verificar se existe relação entre a utilização de artefatos com o setor econômico e com o controle acionário. A coleta de dados se deu por meio de questionário enviado pela internet no mês de novembro de 2005. O tratamento estatístico à que os dados foram submetidos é o teste de significância de médias de duas ou mais amostras independentes. A revisão da literatura apresenta resultados evidenciados por algumas pesquisas realizadas em âmbito mundial, os quais foram comparados aos resultados obtidos pela presente dissertação. Foram evidenciados os resultados obtidos sobre a utilização dos artefatos pelas empresas constantes da amostra, bem como testados estatisticamente, em cada um dos artefatos, o grau de concordância ?concordo totalmente? com ?discordo totalmente?. Algumas afirmações são possíveis: (1) 66% das empresas indicadas ao Prêmio ANEFAC-FIPECAFI-SERASA e 52% das empresas listadas entre as 500 maiores em vendas no ano de 2004 utilizam artefatos modernos de Contabilidade Gerencial; (2) empresas classificadas como ?modernas? apresentam desempenho diferenciado do que as classificadas como ?tradicionais?, (3) no que se refere a porte, as médias dos dois grupos de empresas (?modernas? e ?tradicionais?) foram consideradas estatisticamente iguais; (4) não foi possível identificar relacionamento entre setor econômico e utilização dos artefatos modernos; e (5) a exemplo do item anterior, não é possível afirmar que existe relacionamento entre controle acionário e utilização de artefatos de Contabilidade Gerencial.
Título em inglês
A investigation of use management accounting tools for brazilians enterprises
Palavras-chave em inglês
Attitude´s management
Management Accounting
Management information systems
Resumo em inglês
After the affirmation of Johnson and Kaplan, in 1987, through the book "Relevance Lost", of that the Management Accounting had lost its relevance, diverse tools had been developed. To the end of the decade of 1980, the IMA divulged research that identified four stages of the Management Accounting. The present job distributed some tools - generic expression for activities, tools, philosophies of management, philosophies of production, instruments, models of management and systems - between these stages. The tools fit in the third and fourth stages had been considered ?moderns?. This research is one survey, and was guided by the following question: Brazilian companies use modern tools of Management Accounting. The objectives of the work are: (1) to verify if the companies who had been indicated to the Premium ANEFAC-FIPECAFI-SERASA, Trophy Transparency, and those that consist of the relation of the 500 Better and Biggest ones, year base 2004, use modern tools of management accounting; (2) to verify if the companies who use tools, as traditional as modern, they possess performance and differentiated size of that they do not use; and (3) to verify if exists relation between the use of tools with the economic sector and the shareholding control. The collection of data if gave by way of questionnaire sent for the Internet in the month of November of 2005. The statistical treatment to that the data had been submitted is of two or more independent sample test significance of averages. The revision of literature presents resulted evidenced for some research carried through in world-wide scope, which had been compared with the results gotten for the present job. The results gotten on the use of the tools for the constant companies of the sample had been evidenced, as well as tested statistically, to each one of the tools, the agreement degree ?I agree total? to ?I disagree total?. Some affirmations are possible: (1) 66% of the companies indicated to Premium ANEFAC-FIPECAFI-SERASA and 52% of the companies listed between the 500 greaters in sales in the year of 2004 use modern tools of Management Accounting; (2) companies classified like ?moderns? present differentiated performance of that classified as ?traditional?, (3) in the that refer at size, the averages of the two groups of companies (?moderns? and ?traditional?) had been considered statistically equal; (4) it was not possible to identify to relationship between economic sector and use of the modern tools; and (5) the example of the previous item, is not possible to affirm that it exists relationship between shareholding control and use of tools of Management Accounting.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Dione_Soutes_diss.pdf (629.66 Kbytes)
Data de Publicação
2006-12-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.