• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.12.1996.tde-04052006-215518
Documento
Autor
Nome completo
Andrea Paula Segatto-Mendes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1996
Orientador
Banca examinadora
Sbragia, Roberto (Presidente)
Fracasso, Edi Madalena
Plonski, Guilherme Ary
Título em português
Análise do processo de cooperação tecnólogica universidade-empresa: um estudo exploratório
Palavras-chave em português
cooperação tecnológica universidade-empresa
gestão tecnológica
inovação tecnológica
Resumo em português
“Análise do processo de cooperação tecnológica universidade-empresa: um estudo exploratório” é um trabalho em que se demonstra como vem acontecendo a cooperação universidade - empresa no Brasil no campo da Ciência e Tecnologia, principalmente, do ponto de vista acadêmico. Para tal, foi efetuada uma pesquisa exploratória junto a três universidades que se destacam nesta área e três empresas que têm atuado em pesquisas conjuntas com estas instituições. Para o desenvolvimento da análise, foi elaborado um modelo conceitual básico em que foi adotada uma divisão do processo de cooperação em quatro partes constituintes: motivações, barreiras e/ou facilitadores, processo de cooperação em si e satisfação resultante. Através do estudo realizado, foi possível visualizar como o processo, em seu todo ou em função das partes constituintes, está se estabelecendo. Os resultados da pesquisa permitiram detectar como motivadores centrais, para as universidades, a realização de sua função social, a obtenção de conhecimentos práticos e a incorporação de novas informações aos processos de ensino e pesquisa; para as empresas, o acesso a recursos humanos com elevada qualificação e a resolução de problemas técnicos. Constatou-se também a existência de organizações e agentes intermediadores no processo de cooperação, sendo que este apresenta como principais instrumentos operacionais as relações pessoais informais e formais e os acordos com alvo definido. A pesquisa ainda evidencia os fundos governamentais de apoio à pesquisa como o principal facilitador existente no processo de cooperação universidade-empresa e as diferenças de nível de conhecimento entre as pessoas envolvidas, a burocracia destas instituições e a duração muito longa do projeto como sendo as mais marcantes barreiras. Indicando, por fim, que o processo tem gerado satisfação entre os participantes, o que é refletido no desejo de continuidade com pesquisas cooperativas pelas instituições. De posse dos resultados da pesquisa, desenvolveu-se um modelo para entendimento da cooperação entre universidades e empresas em universidades brasileiras, em que se observam os fatores ligados a motivações, barreiras, facilitadores, processo em si e satisfação resultante. O estudo se encerra com a indicação de algumas medidas de melhoria para o processo; como, por exemplo, redução da burocracia universitária, divulgação da imagem e potencial das universidades, ampliação das relações entre o setor empresarial e o universitário e a simplificação do processo de obtenção de fundos governamentais de apoio à pesquisa.
Título em inglês
Analysis of the university-enterprise technological cooperation process: an exploratory study
Palavras-chave em inglês
R&D Management
Technological Innovation
University-Enterprise Technological Cooperation Process
Resumo em inglês
“Analysis of the university-enterprise technological cooperation peocess: an Exploratory study” is a study showing that there has been a university-enterprise cooperation in Brazil, especially in science and technology, from an academic point of view. In order to show this, exploratory research has been carried out involving three major universities in this area as well as three enterprises that have done some joint research together with them. To develop the analysis, a basic conceptual model has been designed which adopts a division of the cooperation process in four parts: motivation, constraints and/or facilitators, the cooperation process itself and the resulting satisfaction. By carrying out such a study it was possible to visualize how the process, as a whole or depending on its parts, has been established. The results of this study have allowed to detect, as central motivators to the universities, the performance of their social role, the acquisition of practical knowledge and the addition of new information to the teaching and researching processes; to the enterprises, such motivators have been detected as the access to highly qualified human resources and the solution to technical problems. It has also been found the existence of intermediate agents and organizations in the cooperation process, which has got formal and informal personal relationships as well as agreements with a definite target as its main operational tools. Furthermore, this study highligths government research funds as the main existing facilitator in the university-enterprise cooperation process and the university geographical location, the bureaucracy of such institutions as well as the lengthiness of the project as the most remarkable constraints. Finally, it points out that the process has generated satisfaction among participants, which is reflected by the desire of the institutions to continue carrying out cooperative research. Based on the results of this study, a model to understand the cooperation between universities and enterprises at Brazilian universities has been developed, in which one can notice the factors linked to motivation, constraints, facilitators, the process itself and the resulting satisfaction. To conclude, the study indicates some measures to improve the process such as reduction of university bureaucracy, promulgation of university image and potential, an improvement on the relations between universities and enterprises, and a simpler process to get government research funds.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
SEGATTO-MENDES.pdf (261.20 Kbytes)
Data de Publicação
2006-05-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.