• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2015.tde-23042015-173516
Documento
Autor
Nome completo
Marco Antonio Anselmo Ramiro da Costa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2015
Orientador
Banca examinadora
Silva, Edson José Vidal da (Presidente)
Mendes, João Carlos Teixeira
Zakia, Maria José Brito
Título em português
Efeitos de três diferentes sistemas de colheita sobre a dinâmica, estrutura e a diversidade da regeneração natural em antigo plantio abandonado de Eucalyptus saligna Smith
Palavras-chave em português
Colheita florestal
Dinâmica
Diversidade
Efeitos
Plantios florestais de Eucalyptus spp.
Regeneração natural
Resumo em português
Essa pesquisa buscou avaliar os efeitos da utilização de três diferentes sistemas de colheita florestal na dinâmica, estrutura e diversidade da regeneração natural, em talhão abandonado de Eucalyptus saligna Smith. O estudo foi realizado em área pertencente à Estação Experimental de Ciências Florestais da ESALQ-USP, no município de Itatinga/SP. A área amostral total é de 3,24 ha, sendo instalada em talhão abandonado há cerca de 40 anos, e que sofreu técnicas de colheita para extração de madeira há cerca de 2 anos atrás. O delineamento experimental aplicado foi o de blocos ao acaso que já fora utilizado em estudo realizado por Mendes (2012) na área. Para cada tratamento foi instalada 3 parcelas de 30 x 30 m em cada bloco, totalizando 9 parcelas por tratamento em uma área amostral de 0,81 ha por tratamento. Foi realizado um inventário da população de Eucalyptus saligna, bem como o levantamento fitossociológico de toda a regeneração natural H >= 1,30 m e DAP > 5,0 cm. Em sub-parcelas de 3x3 metros foram contados e plaqueados todos os indivíduos com H >= 0,50 m e DAP < 5,0 cm. Na testemunha foram mensurados 278 indivíduos de Eucalyptus saligna, apresentando uma densidade absoluta de 343,21 ind./ha. O volume total de eucalipto encontrado foi de 438,72 m3.ha-1 e a área basal total de 23,18 m2.ha-1. Nas 36 parcelas foram amostrados 1910 indivíduos, distribuídos em 168 espécies, pertencentes a 78 gêneros e 39 famílias. A densidade total estimada foi de 589,51 indivíduos por hectare para a classe de indivíduos da regeneração natural com DAP >= 5,0 cm e de 11.080 indivíduos/ha para a regeneração natural com DAP < 5,0 cm e H >= 0,50 m. As variáveis para o estudo dos efeitos na estrutura da vegetação foram quatro classes de danos em árvores: intactas, danificadas, rebrotadas e mortas. Em relação às classes de danos estruturais causados na vegetação, nota-se que não houve diferença significativa entre a colheita convencional e a colheita de impacto reduzido 2. Os melhores valores em termos de árvores intactas foram encontrados na colheita de impacto reduzido 1 (57,89%) e na testemunha (93,83%), no entanto estes tratamentos diferenciaram-se significativamente entre si. Para as árvores mortas, a menor taxa foi encontrada na testemunha (4,23%), seguida da colheita de impacto reduzido 1 com uma taxa de 16,98%. Avaliou-se a diversidade de espécies nativas cujo DAP >= 5,0 cm, através da análise do índice de diversidade de Shannon(H'), riqueza de espécies (S) e equabilidade de Pielou (J'). Foram calculadas as taxas de dinâmicas: mortalidade, recrutamento, ganho e perda em área basal, as taxas de rotatividade e as taxas de mudança líquida no período. A remoção total dos Eucaliptos plantados aumentou o recrutamento em comparação com a área controle (sem intervenção), no entanto, a diversidade de espécies foi maior na área controle (sem intervenção). A testemunha foi o único tratamento que apresentou diferença significativa entre o índice de diversidade de Shannon e a riqueza para o período comparado (logo após a colheita e após os 24 meses).
Título em inglês
Effect of three harvesting systems in natural regeneration dynamics, structure and diversity in anabandoned plantation of Eucalyptus saligna Smith
Palavras-chave em inglês
Diversity
Dynamics
Effect
Forest harvesting
Forest plantations of Eucalyptus spp.
Natural regeneration
Resumo em inglês
This work aimed to evaluate the effect of three fallow systems in natural regeneration dynamics, structure and diversity in an abandoned plantation of Eucalyptus saligna Smith. Our study was carried out in the Itatinga Experimental Station of the University of São Paulo - USP, located in the county of Itatinga-SP, Brazil. The plantation has been abandoned for approximately 40 years; however, remaining E. saligna individuals were removed two years before our study under different harvesting systems. We used the randomized blocks design to sample 3.24 hectares in the study area. For each treatment, we placed three 30 x 30 m plots in each block totaling nine plots per treatment and a sampling area of 0.81 hectares per treatment. We sampled all E. saligna individuals, as well as natural regeneration with height >= 1.3 m and DBH >= 5,0 cm. In 3 x 3 m subplots we counted and tagged all individuals with height >= 5 cm and DBH < 5,0 cm. In the Control plots we found 278 individuals of E. saligna, which represents a density of 343.21 individuals/hectare. Total estimated wood volume of E. saligna was of 438,72 m3.ha-1, with a basal area of 23,18 m2.ha-1. In the 36 plots we sampled 1910 individuals, distributed in 168 species, 78 genus and 39 families. Natural regeneration density was of 589.51 individuals/hectare for individuals DBH > 5.0 cm and 11.080 individuals/hectare for individuals DBH < 5.0 cm and height >= 0.5 m. We studied the effect of fallow system in the vegetation structure considering four classes of damage to natural regeneration: intact, damaged, resprouted and dead. Our study shows that there was no significant difference between Conventional and Reduced Impact Logging 2 systems. The Reduced Impact Logging 1 and Control plots showed higher proportion of intact trees (57.89 % and 93.83 %, respectively), however, these treatments differed among each other. Control plots showed the lowest proportion of dead trees, followed by Reduced Impact Logging 1 (4.23 % and 16.98 %, respectively). We evaluated diversity of native individuals with DBH >= 5.0 cm through the Shannon diversity index (H'), species richness (S) and Pielou equability (J'). We calculated the dynamic rates ofmortality, recruitment, change in basal area, turnover and net change rates during the study period. Removal of planted E. saligna increased recruitment when compared to Control plots, however species diversity was higher in Control plots. Control plots were the only treatment that showed significant differences between the Shannon diversity Index and richness for the study period (i.e. right after logging and 24 months after logging).
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-04-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.