• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2009.tde-18052009-165913
Documento
Autor
Nome completo
Jedi Rosero Alvarado
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2009
Orientador
Banca examinadora
Tomazello Filho, Mario (Presidente)
Lisi, Claudio Sergio
Pollito, Percy Amilcar Zevallos
Título em português
Dendrocronologia de árvores de mogno, Swietenia macrophylla King., Meliaceae, ocorrentes na floresta tropical Amazônica do Departamento de Madre de Dios, Peru
Palavras-chave em português
Amazônia Peruana
Dendrocronologia
Florestas tropicais
Manejo florestal
Mogno.
Resumo em português
Estudos sobre a fenologia e anatomia do lenho de árvores de espécies tropicais revelam um desenvolvimento e crescimento cíclicos, relacionados com as condições climáticas (temperatura e precipitação) e de sítio (competição, luz, armazenamento de água no solo, etc.). A sensibilidade a estes fatores resulta, para as árvores de algumas espécies, na sazonalidade da atividade cambial e na formação de anéis de crescimento anuais. Essa característica possibilita a determinação da idade, da taxa de crescimento em diâmetro do tronco e da reconstrução de eventos climáticos, bem como na aplicação de técnicas de manejo florestal sustentável. No presente trabalho, foram aplicadas as técnicas de dendrocronologia, em árvores de mogno, de duas populações na floresta tropical Amazônica do Peru, visando a (i) caracterização da estrutura macro e microscópica do lenho e dos anéis de crescimento, (ii) comprovação da anualidade da formação dos anéis de crescimento e determinação da idade das árvores, (iii) avaliação da biodeterioração do lenho das árvores, (iv) aplicação da densitometria de raios X no estudo do lenho e dos anéis de crescimento e (v) aplicação dos anéis de crescimento em dendroclimatologia e dendroecologia. Foram selecionadas 20 árvores de mogno em duas populações localizadas no Departamento de Madre de Dios, Peru e extraídas amostras radiais do seu lenho, com sonda de Pressler. Injúrias no tronco de árvores de mogno foram realizadas em outubro/2006 e analisadas as cicatrizes no lenho em outubro/2007, relacionando-as com a formação dos anéis de crescimento. Foi caracterizada a estrutura anatômica do lenho e dos anéis de crescimento, determinando-se o seu número, largura e aplicadas técnicas de dendrocronologia. Os anéis de crescimento foram sincronizados, utilizando os programas COFECHA, ARSTAN e RESPO, determinando-se a relação da sua largura com as variáveis climáticas e a idade das árvores. A podridão interna do lenho das árvores foi avaliada determinando-se o diâmetro do oco interno do lenho do tronco. A variação radial da densidade aparente do lenho foi determinada pela densitometria de raios X. Anéis de crescimento delimitados pelo parênquima axial marginal são comprovadamente anuais e possibilitaram a determinação da idade das árvores de mogno (80-122 anos) e a construção de cronologias. A variável climática determinante para o maior crescimento em diâmetro do tronco das árvores foi a precipitação dos meses prévios, do início e do final da estação chuvosa (junho-agosto, dezembro e março) indicando o seu potencial para as reconstruções climáticas. Os perfis radiais de densidade aparente do lenho, obtidos por densitometria de raios X, possibilitaram a identificação do limite exato dos anéis de crescimento, pelos valores mínimos de densidade da região do parênquima marginal. A análise de regressão entre a largura dos anéis obtida pela mesa de medição e por densitometria de raios X apresentou valor de r2=0.92, mostrando a potencialidade dos raios X como ferramenta para estudos de dendrocronologia. O oco do lenho do tronco foi observado em 20% das árvores de mogno, com DAP acima de 62 cm.
Título em inglês
Dendrochronology of the mahogany trees, Swietenia macrophylla King., Meliaceae, occurring in the Amazon Rainforest of the Department of Madre de Dios, Peru
Palavras-chave em inglês
Dendrochronology
Dendroclimatology
Growth rings
Mariaux Windows.
X-ray densitometry
Resumo em inglês
Studies in phenology and wood anatomy show a cyclical development and growth related to climatic conditions (temperature and rainfall) and site characteristics (competence, light, water storage in the soil, etc.), the sensibility to these factors results, for some tree species, in seasonality of cambium activity and formation of annual tree-rings. This characteristic enables to estimate age, growth rate in trunk diameter and reconstruction of climatic events, as well as in application of techniques of sustainable forest management. In this study, dendrochronological techniques were applied in mahogany trees from two populations in the Amazon rainforest of Peru, with the aim of (i) characterization of macroscopic and microscopic wood structure and the tree rings, (ii) checking the annual formation of tree rings and determining tree age, (iii) evaluation of the biodeterioration in wood of trees (hollow), (iv) application the X-ray densitometry in the study of wood and tree rings and (v) application the tree rings in dendroclimatology and dendroecology. Twenty mahogany trees were selected in two populations located in the department of Madre de Dios, Peru and removed radial samples from the trunk, with increment corer (Pressler). In October, 2006 injuries in the trunk of mahogany trees were carried out and in October 2007, the scars were analyzed, associating them to the formation of the tree rings. Wood and tree rings anatomic structure was characterized determining its number, width and dendrochronology techniques applied. Tree rings have been synchronized, using COFECHA, ARSTAN and RESPO programs, determining the relation between the width with the climatic variables and the age of trees. The internal wood decay was evaluated by providing the internal diameter of hollow in the trunk. The radial variation of the apparent wood density was determined by the X ray densitometry. Tree rings delimited by a marginal axial parenchyma bands are annual and enable to determine the age of mahogany trees (80-122 years) and the construction of chronologies. The climatic determinant variable for the greatest growth in diameter of the trunk of trees was the rainfall in the previous months, beginning and final of the rainy season (June - August, December and March) indicating its potential for climatic reconstructions. The radials profiles of apparent density of wood, obtained for X ray densitometry, making possible identification of the exact limit of growth rings for minimal values of density in the region of marginal parenchyma. The regression analysis between ring width measured with Velmex (0,001) table and for X ray was r2=0.92, showing the potential of X rays as tool for dendrochronological studies. Decay in the trunk was observed in 20 % of trees over 62 cm of DBH.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Jedi_Alvarado.pdf (6.52 Mbytes)
Data de Publicação
2009-05-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.