• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Yesid Alejandro Mariño Macana
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2017
Orientador
Banca examinadora
Gonçalves, José Leonardo de Moraes (Presidente)
Ferraz, Alexandre de Vicente
Neves, Julio Cesar Lima
Otto, Rafael
Silva, Luciana Duque
Título em português
Nutrição e crescimento do eucalipto em resposta a diferentes fontes e métodos de aplicação de cálcio
Palavras-chave em português
Fertildade do solo
Nutrição
Raízes finas
Resumo em português
O eucalipto apresenta bom crescimento em solos com alta acidez trocável e ativa, sendo a calagem uma prática realizada com o objetivo de fornecer Ca2+ e Mg2+. No entanto, o seu efeito fica restrito à camada superficial do solo devido à baixa solubilidade dos constituintes neutralizantes. A aplicação de gesso agrícola promove a movimentação de Ca2+ e SO4-2 no perfil do solo, possibilitando a melhora do subsolo para favorecer o crescimento radicular. A maioria das plantações de eucalipto no Brasil é estabelecida em solos de baixa fertilidade, verificando-se respostas significativas à fertilização com o fim de garantir a sustentabilidade da produção a longo prazo. O objetivo do presente estudo foi avaliar o crescimento da parte aérea e radicular do eucalipto em resposta à fontes e métodos de aplicação de cálcio em um Neossolo Quartzarênico. Para tal fim, foram mensurados: i) os teores de cálcio, magnésio e enxofre no solo e nas folhas; ii) a densidade de raiz fina (DRF) por biomassa ao longo do perfil e a umidade no solo, e; iii) o crescimento em altura e no diâmetro à altura do peito das árvores de Eucalyptus. A fertilização com calcário dolomítico e calcário calcinado em faixa promoveu aumento nos teores de Ca2+ e Mg2+ trocáveis no solo, especialmente nas camadas superficiais. Os teores foliares de Ca, Mg, K e S encontram-se na faixa adequada nas três datas de amostragem. O volume de tronco das árvores foi superior com a aplicação do calcário dolomítico em faixa comparativamente à aplicação de calcário dolomítico em área total ou incorporado. A mistura de calcário dolomítico com a maior dose de gesso aumentou os teores Ca2+ e Mg2+ trocáveis no solo nas camadas superficiais. A aplicação de gesso aumentou expressivamente os teores de SO42- abaixo dos 40 cm de profundidade. A DRF foi superior com a ausência da aplicação das fontes de cálcio. Com a aplicação de gesso agrícola misturado com calcário dolomítico se obteve um volume de madeira similar à aplicação de calcário dolomítico.
Título em inglês
Growth and nutrition of eucalypts on response to differents sources and methods of calcium application
Palavras-chave em inglês
Fine roots
Nutrition
Soil fertility
Resumo em inglês
Eucalyptus plantations have a good development in soils with high exchangeable and active acidity, therefore, being the liming an activity done with the goal of providing Ca2+ and Mg 2+. However, its effect is restricted to the surface layer due to the low solubility of neutralizing constituents. The application of gypsum promotes the movement of Ca2+ and SO4-2 in the soil profile providing a more adequate root growth. Most eucalyptus plantations in Brazil were established in soils of low fertility, verifying significant responses to fertilization in order to ensure the sustainability of long-term production. The aim of this study was to evaluate the nutrition and aerial and root growth of eucalypts in response to different sources and methods of application of calcium in a Quartzipsamment. It was measured: i) calcium, magnesium and sulfur levels in soil and leaf; ii) Fine root density along the profile and soil moisture; iii) Growth in height and DBH of E. urophylla plantation. The fertilization with dolomitic and calcitic limestone in furrows promoted an increase in Ca2+ and Mg2+ levels in the soil, especially in surface layers. The Ca2+ and Mg2+ foliar levels found in the good range in three times. The volume of eucalypts was increased with dolomitic limestone in furrows comparatively broadcasted distribution and incorporation of dolomitic limestone. The mix of dolomitic limestone and the high gypsum level increases Ca2+ and Mg2+ levels in the soil in surface layers. Gypsum increases SO42- levels below 40 cm deep. The fine root density was higher without calcium fertilization. The volume wood with gypsum more dolomitic limestone applied was similar compared with dolomitic limestone applied.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-10-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.