• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2012.tde-23102012-160637
Documento
Autor
Nome completo
Leandro José Uchôa Lemos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2012
Orientador
Banca examinadora
Zucchi, Roberto Antonio (Presidente)
Souza Filho, Miguel Francisco de
Uramoto, Keiko
Título em português
Dinâmica populacional de espécies de Anastrepha Schiner, 1868 (Diptera: Tephritidae) em pomares de goiaba (Psidium guajava L.) em duas localidades do estado de São Paulo
Palavras-chave em português
Armadilha tipo McPhail
Balanço hídrico sequencial
Diversidade
Flutuação populacional
Goiaba
Índices faunísticos
Mosca-das-frutas
Pomares
Resumo em português
Os levantamentos das espécies de Anastrepha foram realizados com armadilhas do tipo McPhail contendo torula (atraente alimentar) em: (1) Monte Alegre do Sul (janeiro de 2002 a dezembro de 2003) e (2) Monte Alto (janeiro a dezembro de 2004). Foram capturados 30.516 espécimes (15.770 fêmeas e 14.746 machos) em Monte Alegre do Sul, 22.825 exemplares (11.739 machos e 11.086 fêmeas) em Monte Alto. As identificações foram baseadas nas fêmeas. Foram identificadas 13 espécies em Monte Alegre do Sul, das quais, A. fraterculus e A. bistrigata foram predominantes. Em 2003, houve maior diversidade de espécies (11 das 13 espécies). Em Monte Alto, foram identificadas oito espécies, sendo A. fraterculus e A. sororcula predominantes. Os picos populacionais variaram entre as três principais espécies em Monte Alegre do Sul. Para A. fraterculus (Wied.), os picos ocorreram em março/abril e setembro/outubro; para A. bistrigata e A. obliqua, de março a maio. Em Monte Alto, os picos populacionais de A. fraterculus ocorreram em janeiro e outubro de 2004, sendo o acme populacional em outubro. Anastrepha sororcula apresentou um único pico em janeiro, mantendo-se com baixa população no restante do ano. A disponibilidade de goiaba foi o fator principal que influenciou o nível populacional das principais espécies de Anastrepha. Não ficou evidente a influência direta dos fatores climáticos sobre as populações das moscasdas- frutas em Monte Alegre do Sul. Em Monte Alto, os picos populacionais das principais espécies foram um pouco diferentes, ou seja, A. fraterculus teve dois picos (janeiro e outubro), um deles sem a presença de frutos no pomar (janeiro), e A. sororcula ocorreu somente em janeiro (sem frutos no pomar). Houve correlação positiva entre o alto índice de captura de A. sororcula com a precipitação pluvial do município.
Título em inglês
Population dynamics of species of Anastrepha Schiner, 1868 (Diptera: Tephritidae) in orchards of guava (Psidium guajava L.) in two localities of the state of São Paulo
Palavras-chave em inglês
Diversity
Faunistic index
Fruit flies
Guava
McPhail trap type
Orchards
Population fluctuation
Sequential water balance
Resumo em inglês
Surveys of the Anastrepha species using torula-baited McPhail traps (food attractant) were carried out in Monte Alegre do Sul (January 2002 to December 2003) and Monte Alto (January to December 2004). A total of 30,516 specimens (15,770 females and 14,746 males) were captured in Monte Alegre do Sul, and 22,825 specimens (11,739 males and 11,086 females) in Monte Alto. Species identification was exclusively based on females. Thirteen species were recorded in Monte Alegre do Sul, from which A. fraterculus and A. bistrigata were predominant. The diversity of species was greater in 2003 than in 2004 (11 out of 13 species). Eight species were identified in Monte Alto, from which A. fraterculus and A. sororcula were predominant. The population peaks varied among the three major species in Monte Alegre do Sul. Anastrepha fraterculus peaked in March/April and September/October, and A. bistrigata and A. obliqua from March to May. In Monte Alto, population peaks of A. fraterculus occurred in January and October 2004, with a higher peak in October. Anastrepha sororcula showed a single peak in January, maintaining a low population level during the year. The availability of guava was the main factor that influenced the population level of the major Anastrepha species. No clear indication of the effect of climatic factors on the population density of fruit flies in Monte Alegre do Sul was obtained. The population peaks of the major species were slightly different in Monte Alto as compared to Monte Alegre do Sul, as A. fraterculus peaked twice (January and October), once in January when fruits were unavailable. The peak occurrence of Anastrepha sororcula (January) also coincided with the unavailability of fruits in the orchard. A positive correlation between the high rate of capture of A. sororcula with rainfall in the orchard in Monte Alegre was verified.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-11-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.