• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.11.2011.tde-23052011-170153
Documento
Autor
Nome completo
Fátima Teresinha Rampelotti Ferreira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2011
Orientador
Banca examinadora
Vendramim, José Djair (Presidente)
Delalibera Junior, Italo
Forim, Moacir Rossi
Giustolin, Teresinha Augusta
Lourenção, André Luiz
Título em português
Bioatividade de nanoformulações de nim e extratos de outras Meliaceae e a sua interação com agentes de controle biológico visando ao controle de Tuta absoluta (Meyrick) (Lepidoptera: Gelechiidae)
Palavras-chave em português
Controle Biológico
Fungos Entomopatogênicos
Insetos parasitóides
Nanotecnologia
Plantas produtoras de pesticida
Rutales
Tomate
Traças
Vírus.
Resumo em português
A bioatividade de nanoformulações de nim e de extratos de outras Meliaceae foi avaliada, em tomateiro, em laboratório e em casa de vegetação, visando ao controle de Tuta absoluta (Meyrick). Incialmente foram testadas 22 nanoformulações (incluindo nanocápsulas e nanoesferas) e os extratos em hexano, em diclorometano e em etanol de folhas e ramos de Trichilia pallida Swartz, Trichilia catigua A. Juss, Trichilia claussenii C. DC, Guarea guidonia (L.) Sleumer e Toona ciliata M. Roemer. O óleo de nim Organic Neem® também foi utilizado nos bioensaios com as nanoformulações e como controle foram utilizadas água destilada e/ou acetona. A partir desses bioensaios, selecionaram-se as nanoformulações NC40 aquoso e NC40 pó (NC40=nanocápsulas de poli- -hidroxibutirato) e os extratos etanólicos de T. ciliata e de T. catigua, que foram avaliados em relação ao efeito sobre o desenvolvimento e longevidade do inseto e em relação aos modos de ação (translaminar, sistêmico e de contato) e ao poder residual. O efeito dos tratamentos selecionados sobre os entomopatógenos Beauveria bassiana (Bals.) Vuill. e Phothorimaea operculella granulovírus (PhopGV) foram avaliados in vitro e in vivo, respectivamente. A seguir, foi avaliada a possível interação dos derivados vegetais com os entomopatógenos. Finalmente, foi avaliada a seletividade ao parasitoide de ovos Trichogramma pretiosum Riley, segundo as recomendações da IOBC. Os resultados obtidos demonstraram que, entre os tratamentos testados, constatou-se bioatividade com oito nanoformulações e com os extratos de G. guidonia em diclorometano; T. ciliata em hexano, em diclorometano e em etanol; T. catigua em hexano, em diclorometano e em etanol; T. claussenii em etanol e T. pallida em hexano. A fase do inseto mais afetada foi a larval, no entanto a oviposição das fêmeas foi diminuída quando as plantas foram tratadas com o extrato etanólico de T. ciliata. Constatou-se efeito translaminar e sistêmico para as nanoformulações e para o óleo de nim. A ação de contato variou com o modo de exposição e com a idade das lagartas. O efeito residual do óleo de nim e da nanoformulação NC40 aquoso foi de sete dias, enquanto para NC40 pó foi de três dias. As nanoformulações e os extratos etanólicos de T. ciliata e de T. catigua foram compatíveis com o fungo e com o granulovírus. Quando os entomopatógenos foram misturados aos derivados vegetais observou-se que o nim reduziu drasticamente a sobrevivência larval na mistura com os dois entomopatógenos, sendo o maior efeito causado pelo derivado vegetal. Na mistura dos entomopatógenos com o extrato de T. ciliata, observou-se maior redução da sobrevivência larval com PhopGV. No bioensaio de seletividade a T. pretiosum, constatou-se que apenas o óleo de nim afetou a capacidade de parasitismo, sendo levemente nocivo. Para NC40 aquoso e extrato de T. ciliata não foram constatados efeitos sobre o parasitismo e sobre o desenvolvimento do parasitoide.
Título em inglês
Bioactivity of neem nanoformulations and extracts of other Meliaceae and their interactions with biological control agents aiming to control Tuta absoluta (Meyrick) (Lepidoptera: Gelechiidae)
Palavras-chave em inglês
Beauveria bassiana
Granulovirus
Insecticide plant
Neem
Tomato leaf miner Nanotechnology
Trichogramma pretiosum.
Resumo em inglês
The bioactivity of neem nanoformulations and extracts of other Meliaceae was evaluated in tomato plants in the laboratory and in greenhouse aiming to control Tuta absoluta (Meyrick, 1917). Initially, 22 nanoformulations were tested (including nanocapsules and nanospheres) in addition to the hexane, dichloromethane and ethanol extracts of leaves and branches of Trichilia pallida Swartz, Trichilia catigua A. Juss, Trichilia claussenii C. DC, Guarea guidonia (L.) Sleumer and Toona ciliata M. Roemer. The neem oil Organic Neem® was also used in the bioassays with the nanoformulations and distilled water and/or acetone were used as controls. From these bioassays the aqueous NC40 and powdered NC40 (NC40 = Poly- -hydroxibutirate nanocapsules) nanoformulations as well as the ethanolic extracts of Toona ciliata and Trichilia catigua were selected. These treatments were evaluated regarding their effect on insect development and longevity, mode of action (translaminar, systemic and contact) and residual action. The effects of the selected treatments on the entomopathogens Beauveria bassiana (Bals.) Vuill. and Phthorimaea operculella granulovirus (PhopGV) were evaluated in vitro and in vivo, respectively. Then the possible interaction between plant derivates and entomopathogens was evaluated. Finally, a selectivity bioassay to the egg parasitoid Trichogramma pretiosum Riley was evaluated according to IOBC recommendations. The results obtained demonstrate that among these treatments eight nanoformulations and the extracts of G. guidonia in dichloromethane; T. ciliata in hexane, dichloromethane and ethanol; T. catigua in hexane, dichloromethane and ethanol; T. claussenii in ethanol and T. pallida in hexane showed bioactivity on the insect. The most affected insect stage was the larva, but oviposition was reduced when these plants were treated with T. ciliata ethanolic extract. The nanoformulations and neem oil presented translaminar and systemic effect. Contact action varied with exposure mode and caterpillar age. The residual effect of neem oil and aqueous NC40 nanoformulations was seven days while for powdered NC40 was three days. The nanoformulations and the ethanolic extracts of T. ciliata and T. catigua were compatible with the fungus and the granulovirus. When the entomopathogens were mixed to the plant derivates, neem drastically reduced larval survival in the mixture with both entomopathogens and the plant derivate produced a greater effect than the entomopathogen. In the mixture of entomopathogens with T. ciliata extract there was a greater reduction of larval survival with PhopGV. In the T. pretiosum selectivity bioassay only the neem oil was slightly harmful and affected parasitism capacity. For aqueous NC40 and T. ciliata extract no effects over parasitism or parasitoid development were seen.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-05-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.