• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2007.tde-03072007-101537
Documento
Autor
Nome completo
Luiz Fernando Leal Padulla
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2007
Orientador
Banca examinadora
Alves, Sergio Batista (Presidente)
Silveira Neto, Sinval
Yamamoto, Pedro Takao
Título em português
Estudo de fungos entomopatogênicos para o controle de ninfas do psilídeo Diaphorina citri Kuwayama (Hemiptera: Psyllidae)
Palavras-chave em português
Controle biológico (Fitossanidade)
Fungos entomopatogênicos
Insetos nocivos
Resumo em português
Avaliou-se a patogenicidade de diversas espécies de fungos entomopatogênicos a ninfas de 2º a 4º ínstares do psilídeo Diaphorina citri. Assim foram feitos bioensaios com Beauveria bassiana, Metarhizium anisopliae, Lecanicillium muscarum, L. longisporum, Paecilomyces fumosoroseus, P. farinosus, Syngliocladium sp. na concentração de 5x107 conídios/mL para cada patógeno, com exceção de Hirsutella thompsonii que foi aplicado na concentração de 2,8x107 conídios/mL. Utilizou-se mudas de murta, Murraya paniculata, infestadas com ninfas do inseto que foram pulverizadas com as suspensões conidiais. Os fungos B. bassiana, M. anisopliae, H. thompsonii, L. muscarum e P. fumosorosus foram patogênicos para as ninfas do psilídeo. O isolado mais promissor foi o Esalq-PL63, de B. bassiana, que causou mortalidade de aproximadamente 72% das ninfas, sete dias após a inoculação. Esse fungo também afetou o processo de metamorfose das ninfas. A concentração letal média (CL50) foi calculada em 2,3 x 107 conídios/mL. O ciclo de infecção de B. bassiana sobre as ninfas do psilídeo foi estudado pulverizando-se a suspensão de 3x108 conídios/mL do fungo e, em seguida, observado em microscopia de luz e microscopia eletrônica de varredura, nos intervalos de tempo de 0, 24, 48, 72 e 168 horas após a inoculação. Constatou-se que o referido patógeno não conseguiu completar o desenvolvimento no corpo do hospedeiro, uma vez que a fase de conidiogênese é inibida, provavelmente, pela presença no interior do inseto de bactérias antagônicas ao seu desenvolvimento. O isolado Esalq-PL63 é um promissor agente de controle microbiano de ninfas de D. citri por afetar sua fisiologia e causar em altos índices de mortalidade.
Título em inglês
Study of entomopathogenic fungi for the control of of Diaphorina citri Kuwayama (Hemiptera: Psyllidae) nymphs
Palavras-chave em inglês
Biological control
Entomopathogenic fungi
Pests
Resumo em inglês
It was evalueted the patogenicity of several species of entomopathogenic fungi against 2nd to 4th instar of Diaphorina citri. For the bioassays with Beauveria bassiana, Metarhizium anisopliae, Lecanicillium muscarum, L. longisporum, Paecilomyces fumosoroseus, P. farinosus, Syngliocladium sp. a concentration of 5x107 conidia.mL-1 was used. For the Hirsutella thompsonii strain the concentration used was 2.8x107 conidia.mL-1. Seedlings of orange jasmine, Murraya paniculata, infested with nymphs of the insect were sprayed with the conidia suspensions. The fungi B. bassiana, M. anisopliae, H. thompsonii, L. longisporum and P. fumosoroseus were pathogenic to nymphs. The strain of B. bassiana (Esalq-PL63) was the most pathogenic causing 72% mortality after seven days of inoculation. This fungus also affected the process of nymph molting. The letal concentration (LC50) calculated was 2.3x107 conidia.mL-1. To prove mortality the pathogen was reisolated in media culture (AN, MC and BDA) and besides, observed under microscope examination. The infection cycle of B. bassiana in nymphs was studied after inoculation of 3x108 conidia.mL-1. This process were evaluated with the use of a light microscope and an electron scan microscope, after 0, 24, 48, 72 and 168 hours of conidia sprayed. This strain did not complete the development in the host because the conidiogenesis was inhibited, probably because it was found antagonistic bacteria into the host. However, this isolate is a potencial microbial control agent of nymphs of D. citri, affecting its physiology and causing high mortality.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
LuizPadulla.pdf (1.38 Mbytes)
Data de Publicação
2007-07-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.