• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.11.2004.tde-26072004-144441
Documento
Autor
Nome completo
Flávio Favaro Blanco
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2004
Orientador
Banca examinadora
Folegatti, Marcos Vinicius (Presidente)
Boaretto, Antonio Enedi
Duarte, Sergio Nascimento
Gheyi, Hans Raj
Silva, Enio Farias de Franca e
Título em português
Tolerância do tomateiro à salinidade sob fertirrigação e calibração de medidores de íons específicos para determinação de nutrientes na solução do solo e na planta.
Palavras-chave em português
condutividade elétrica
fertirrigação
salinidade do solo
tolerância a salinidade
tomate
Resumo em português
A concentração de sais na água é um dos principais aspectos a ser observado para se definir uma estratégia de manejo da irrigação, podendo levar a prejuízos pela salinização do solo, com conseqüente redução do rendimento das culturas. Visto que culturas tolerantes à salinidade apresentam maiores teores foliares de certos nutrientes, então a adubação em culturas sensíveis poderia ser conduzida de modo a elevar os teores destes nutrientes nas folhas, promovendo aumento da tolerância da cultura aos sais. Este trabalho teve o objetivo de estudar os efeitos de três doses de N e K na tolerância da cultura do tomateiro à salinidade, bem como avaliar a performance de medidores de íons específicos (MIE) na determinação de nutrientes na solução do solo e na seiva da planta. Mudas de tomateiro, híbrido Facundo, foram transplantadas em 23/10/2001 em vasos contendo 60 kg de solo franco-argilo-arenoso, no espaçamento de 1,0 x 0,5 m, em um ambiente protegido com cobertura de polietileno. Os tratamentos foram compostos pela combinação de três níveis de N (7,5; 15,0 e 22,5 g planta-1) e três níveis de K (8, 16 e 24 gK2O planta-1) aplicados via fertirrigação por gotejamento, no esquema fatorial 3x3 com cinco repetições, sendo que à água de irrigação foram adicionados os sais cloreto de sódio e cloreto de cálcio para obtenção de condutividade elétrica da água de 9,5 dS m-1. Foram realizadas coletas da solução do solo e da seiva do pecíolo para determinações dos nutrientes pelos MIE, cujos valores foram comparados com as determinações pelos métodos-padrões. Não foram observados efeitos significativos dos tratamentos sobre o desenvolvimento e a produtividade das plantas, bem como sobre a qualidade dos frutos. As concentrações de nutrientes na solução do solo determinadas com os MIE apresentaram boa correlação com as determinações pelos métodos-padrões, e as concentrações de nutrientes na seiva do pecíolo foram bem correlacionadas aos teores na matéria seca das folhas. A condutividade elétrica e a concentração iônica na solução do solo não puderam ser estimadas a partir dos valores medidos no extrato de saturação ou na solução 1:2 apenas pela correção de umidade, com exceção do K e Na, cujas estimativas foram satisfatórias para baixas concentrações destes elementos na solução do solo.
Título em inglês
Tolerance of tomato to salinity under fertigation and calibration of cardy-ion meters for determination of nutrients in the soil solution and plant.
Palavras-chave em inglês
electric conductivity
fertigation
salinity tolerance
soil salinity
tomato
Resumo em inglês
The concentration of salts in the water is one of the main aspects to be observed to define a strategy of irrigation management, which could take to damages due to the soil salinization, with consequent reduction of crops yield. Once tolerant crops to salinity present larger tenors of some nutrients in the leaves, then the fertilizing in sensitive crops could be conducted in order to increase the tenors of these nutrients in the leaves to increase the crop tolerance to salts. This work had the objective of studying the effects of three doses of N and K in the tomato tolerance to salinity, as well as to evaluate the performance of cardy-ion meters (CIM) in the determination of nutrients in the soil solution and in the sap of the plant. Tomato seedlings, hybrid Facundo, were transplanted in 10/23/2001 in vases containing 60 kg of a sandy-clay-loam soil, spaced 1.0 x 0.5 m, in a greenhouse covered with polyethylene film. The treatments were composed by the combination of three levels of N (7.5; 15.0 and 22.5 g plant-1) and three levels of K (8, 16 and 24 gK2O plant-1) applied by drip fertigation, in the 3x3 factorial scheme with five replications. Salts (sodium chloride and calcium chloride) were added to the irrigation water for obtaining an electric conductivity of 9.5 dS m-1. Soil solution and petiole sap were collected for determinations of the nutrients with the CIM, whose values were compared with the determinations by the standard methods. Significant effects of the treatments were not observed for the development and yield of the plants, as well as for the fruits quality. The concentrations of nutrients in the soil solution determined with CIM showed good correlations with the determinations by the standard methods, and the concentrations of nutrients in the petiole sap were well correlated to the tenors in the dry matter of the leaves. The electric conductivity and the ionic concentration in the soil solution could not be estimated from the measured values in the saturation extract or in the solution 1:2 only by the correction of the water content, except for K and Na, whose estimates were satisfactory for low concentrations of these elements in the soil solution.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
flavio.pdf (2.00 Mbytes)
Data de Publicação
2004-08-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.