• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2005.tde-09092005-154857
Documento
Autor
Nome completo
Simeire Aparecida Manarin
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2005
Orientador
Banca examinadora
Monteiro, Francisco Antonio (Presidente)
Almeida, Ana Aparecida da Silva
Carmello, Quirino Augusto de Camargo
Título em português
Combinações de doses de fósforo e de zinco em solução nutritiva para o Capim-Tanzânia
Palavras-chave em português
adubação fosfatada
capim-Tanzânia
solução nutritiva
zinco
Resumo em português
As pastagens são a principal fonte de alimento para o rebanho bovino no Brasil e elas são constituídas principalmente por gramíneas. Entre as espécies dominantes a Panicum maximum destaca-se pela sua boa produtividade e alto valor nutritivo. Para a formação e a manutenção dos pastos, o fornecimento e o balanço entre nutrientes na planta assumem importância fundamental. Neste estudo objetivou-se avaliar as respostas do Panicum maximum cv. Tanzânia, a combinações de doses de fósforo e de zinco na solução nutritiva, quanto aos parâmetros morfofisiológicos e produtivos e às concentrações de fósforo e zinco nos tecidos. Realizou-se um experimento na casa-de-vegetação localizada em Piracicaba, Estado de São Paulo, com o capim-Tanzânia no período de verão. Foram testadas cinco doses de fósforo (0,2, 0,6, 1,0, 1,4 e 1,8 mmol L-1) e cinco de zinco (0,00, 0,25, 0,50, 0,75, 1,00 µmol L-1) num estudo em superfície de resposta, baseado no desenho experimental composto central modificado de um esquema fatorial 52 incompleto resultando em 13 combinações de doses. Para os demais nutrientes as soluções foram baseadas na completa de Sarruge (1975) modificada apenas para nitrogênio fornecido na dose de 30 mmol L-1. As trocas de soluções foram efetuadas a cada 14 dias. Colocaram-se cinco plantas em vasos de 3,6 L, utilizando-se sílica como substrato. Aos 32 dias após o transplante procedeu-se o primeiro corte das plantas e aos 28 dias após o primeiro realizou-se o segundo corte. Imediatamente após cada corte o material vegetal foi separado em: folhas emergentes (FE), lâminas de folhas recém-expandidas (LR), lâminas de folhas maduras (LM) e colmos + bainhas (CB). Após o segundo corte, realizou-se a coleta das raízes. As partes das plantas coletadas nos dois cortes foram colocadas para secar, determinou-se a massa seca das plantas e a moagem para posterior análise no laboratório. Os resultados mostraram significâncias para a interação entre as doses de fósforo e as de zinco na massa seca da parte aérea do primeiro corte, na área foliar do segundo corte, na massa seca de raízes, nas concentrações de fósforo nas LM coletadas no primeiro e segundo cortes, na concentração média de fósforo na parte aérea das plantas e na concentração de zinco nas FE no primeiro crescimento. A massa seca da parte aérea no segundo crescimento, a área foliar no primeiro crescimento, os números de folhas e perfilhos no primeiro e segundo crescimentos, valor SPAD no primeiro crescimento, comprimento, comprimento específico e superfície de raízes, concentração de fósforo nas FE, LR e CB no primeiro e segundo crescimentos, concentração média de fósforo na parte aérea no segundo crescimento, concentração de fósforo nas raízes, concentração de zinco nas LR, LM e CB coletada tanto no primeiro como no segundo cortes e concentração de zinco nas FE amostradas no segundo corte variou significativamente com as doses de fósforo na solução. As doses de zinco influenciaram significativamente a área foliar e a concentração de zinco nas LM do primeiro corte.
Título em inglês
Combinations of phosphorus and zinc rates in nutrient solution for Tanzânia grass
Palavras-chave em inglês
nutrient solution
phosphorus fertilization
Tanzania grass
zinc
Resumo em inglês
Pastures are the main food source for de cattle in Brazil, and the grasses occupy most of them. Among the species in those pastures, Panicum maximum is preferred for its productivity and quality. In order to establish and maintain the pastures, it is necessary to supply nutrients in balanced amounts. The objective of this study was to determine the Panicum maximum cv. Tanzânia responses to combinations of phosphorus and zinc rates in nutrient solution related to the morphophysiology, yield and the concentrations of phosphorus and zinc in plant tissues. An experiment was carried out in a greenhouse located at Piracicaba, State of Sao Paulo, Brazil, with Tanzânia grass, in Summer season. Five rates of phosphorus (0.2, 0.6, 1.0, 1.4 e 1.8 mmol L-1) and five rates of zinc (0.00, 0.25, 0.50, 0.75, 1.00 µmol L-1) were studied in a response surface methodology, based on a modified central composite design of a fractional 52 factorial. Other nutrients had concentrations in solution as recommended by Sarruge (1975), except for nitrogen that was supplied at 30 mmol L-1. Five plants were grown in 3.6 L plastic pots, containing ground quartz. The first harvest was done at 32 days after seedlings transplanting to the pots, and the second harvest was accomplished at 28 days after the first one. At the time of each harvest plant tops were separated into: emergents leaves (EL), lamina of recently expanded leaves (RL), lamina of mature leaves (ML) and colms + sheaths (CS). After the second harvest the roots werw collected. All plant material was dried, weighed and ground for laboratory analysis. The results showed that the interaction between phosphorus and zinc rates was significant for the dry matter yield at the first harvest, leaf area at the second harvest, roots dry weight, phosphorus concentration in the ML at the first and second harvests, in both the average phosphorus concentration in plant tops and zinc concentration in EL at the first harvest. Dry matter yield at the second harvest, leaf area at the first harvest, numbers of tillers and leaves at the first and second harvest , SPAD value in the first harvest, roots length, specific length and surface, phosphorus concentrations in the EL, RL and CS at the first and second harvests, the average phosphorus concentration in plant tops at the second harvest, phosphorus concentration in the roots, zinc concentrations in the RL, ML, and CS at the first and second harvests, and zinc concentration in the EL at the second harvest significantly changed with phosphorus rates. Significant responses to zinc rates were obtained for leaf area and zinc concentration in ML in first growth.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
SimeireManarin.pdf (665.85 Kbytes)
Data de Publicação
2005-09-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.