• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2003.tde-20102003-164240
Documento
Autor
Nome completo
Lucas José Mari
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2003
Orientador
Banca examinadora
Nussio, Luiz Gustavo (Presidente)
Euclides, Valéria Pacheco Batista
Silva, Sila Carneiro da
Título em português
Intervalo entre cortes em capim-marandu (Brachiaria brizantha (Hochst. ex A. Rich.) Stapf cv. Marandu): produção, valor nutritivo e perdas associadas à fermentação da silagem.
Palavras-chave em português
capim marandu
intervalo entre corte
matéria seca
produção
silagem
valor nutritivo.
Resumo em português
Os objetivos do estudo foram avaliar os efeitos do intervalo entre cortes e da estação do ano, sobre a produção de matéria seca (MS), composição morfológica e químico-bromatológica do capim-Marandu. Os tratamentos consistiram em seis intervalos entre cortes (T15, T30, T45, T60 T75 e T90), com forragens colhidas, respectivamente, aos 15, 30, 45, 60, 75 e 90 dias de rebrotação, conduzidos ao longo de 12 meses. Parte da forragem colhida foi ensilada em janeiro (verão) e julho (inverno), exceto T75. Foram realizados dois ensaios, no primeiro houve a caracterização da produção de MS, composição morfológica e químico-bromatológica da forragem. Num segundo ensaio foi caracterizada a composição químico-bromatológica das silagens de capim-Marandu e foram avaliados alguns parâmetros físicos das mesmas, como densidade da massa verde (DMV), da massa seca (DMS), tamanho médio das partículas, condutividade elétrica (CE) e atividade de água (Aw). O processo fermentativo foi avaliado indiretamente através da quantificação das perdas por gases, produção de efluente e taxa de recuperação de MS das silagens. O delineamento experimental constituiu-se de blocos completos casualizados avaliando seis tratamentos para o primeiro ensaio e cinco no segundo. Para o ensaio de produção e qualidade da forragem os dados foram agrupados em ciclos de cortes de 90 dias para efeito de comparação entre os tratamentos. As produções de MS nos tratamentos T30 e T45 (21 t ha -1 ano -1 ) foram inferiores (P<0,01) aos demais (27 t ha -1 ano -1 ) e a produção de MS digestível (16,2 t ha -1 ano -1 ) seguiu a mesma tendência. As alterações encontradas nas variáveis estudadas foram, sobretudo, decorrentes das variações ambientais, que levaram a alterações na composição morfológica e químico-bromatológica. Em geral, maiores intervalos entre cortes proporcionaram redução na porcentagem de folhas e aumento na de hastes que, como conseqüência, levaram ao declínio nos teores de proteína bruta (PB) e na digestibilidade verdadeira in vitro da matéria seca (DVIVMS), além de aumentos nos teores de fibra em detergente neutro (FDN). A silagem de inverno promoveu discreta alteração na composição químico-bromatológica entre os tratamentos, restringindo-se a variações nos teores de PB, FDN e celulose que levaram a alterações na DVIVMS. Na silagem de verão observou-se consistência de redução do valor nutritivo com a maior extensão do intervalo entre cortes da forragem ensilada, com aumento das frações da parede celular, exceto hemicelulose, e diminuição nos componentes do conteúdo celular. Os valores de pH (4,9), apesar de elevados, estiveram dentro da amplitude de variação esperada para silagens de capins tropicais. O menor tamanho de partículas (31 mm) proporcionou maiores (P<0,01) DMV (633 kg m -3 ). Os maiores teores de MS nas silagens confeccionadas no inverno levaram a maiores perdas por gases e menores produções de efluente, com maiores taxas de recuperação de MS. A otimização do intervalo entre cortes, visando conciliar elevada produção de MS e valor nutritivo satisfatório, ocorreu ao redor dos 60 dias de crescimento vegetativo, quando a baixa digestibilidade (63,1%) foi compensada pela maior produção de MS (27 t ha -1 ano -1 ) e menores perdas (3,45% MS) no processo fermentativo.
Título em inglês
Cutting intervals in marandu grass (brachiaria brizantha (hochst. ex a. rich.) stapf cv. marandu): dry matter yield, nutritive value and silage fermentation losses.
Palavras-chave em inglês
cutting intervals
dry matter yield
marandu grass
nutritive value.
silage
Resumo em inglês
The objectives of this study were to evaluate cutting intervals and season of the year on dry matter (DM) yield, morphological and chemical composition of Marandu grass. Treatments consisted of Marandu grass harvested at 15, 30, 45, 60, 75 and 90-d intervals and was carried out during 12 months. Part of the harvested forage was ensiled, both in the summer (January) and in the winter (July) cuts, except that of 75-d interval. In the first trial was evaluated the dry matter (DM) yield, morphological composition and nutritive value of Marandu grass. In the second trial, silage samples were submitted to chemical and physical analysis (electrical conductivity - EC, water activity - Aw, particle size - PS, fresh matter density - FMD, dry matter density - DMD, effluent yield, gases losses and dry matter recovery rate-DMRR). Randomized blocks with six treatments in the first trial and five treatments in the second one was the experimental design chosen. In the first trial data were pooled in 90-d interval to compare treatments. DM yield was lower (P<0.01) at 30 and 45-d interval (21 t ha -1 year -1 ) as compared to 15, 60, 75 and 90-d interval (27 t ha -1 year -1 ). Digestible DM yield (16.2 t ha -1 year -1 ) followed the same pattern. Values observed in the measured parameters were probably due to environmental conditions, leading to morphological and chemical composition changes. In general, samples harvested at longer cutting intervals showed a decrease in leaves, crude protein (CP) content and in vitro true DM digestibility (IVTDMD) and an increase in stems and neutral detergent fiber (NDF) content. Among treatments, the winter cut silages showed minor chemical composition changes as compared to the summer cut silages. The summer cut silages showed a trend for increasing cell wall fractions, except hemicellulose and decreasing cell soluble contents as the cutting intervals were increased. Average silage pH values were 4.9. Small particle size (31 mm) silages had higher (P<0.01) FMD (633 kg m -3 ). The higher DM content observed in the winter cut silages led to increased gases losses and DMRR and lower effluent yield. The 60-d cutting interval is recommended based on productivity (27 t ha -1 year -1 ), digestibility (63.1%) and fermentation losses (3.4% DM) values.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
lucas.pdf (887.42 Kbytes)
Data de Publicação
2003-10-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.