• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2006.tde-13072006-143848
Documento
Autor
Nome completo
Clayton Quirino Mendes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2006
Orientador
Banca examinadora
Susin, Ivanete (Presidente)
Costa, Ciniro
Nussio, Luiz Gustavo
Título em português
Silagem de cana-de-açúcar na alimentação de ovinos e caprinos: valor nutritivo, desempenho e comportamento ingestivo
Palavras-chave em português
cana-de-açúcar
caprinos
comportamento ingestivo animal
inoculação
nutrição animal
ovinos
silagem
valor nutritivo
Resumo em português
A ensilagem da cana-de-açúcar sem o controle da produção de etanol resulta em silagens de baixa qualidade, podendo reduzir o consumo voluntário e o desempenho animal. O valor nutritivo de silagens de cana-de-açúcar e seus efeitos sobre o desempenho e o comportamento ingestivo de cabras em lactação e de cordeiros confinados foram avaliados em diferentes ensaios. Trinta e nove cabras da raça Saanen foram utilizadas para avaliar o consumo de matéria seca (CMS), a produção e composição do leite, os componentes sangüíneos e o comportamento ingestivo. Trinta cordeiros da raça Santa Inês foram confinados para avaliar o desempenho, as características da carcaça e o comportamento ingestivo. Os animais foram alimentados com rações compostas de 50% de volumoso e 50% de concentrado, diferindo quanto ao tipo do volumoso utilizado: cana-de-açúcar in natura, silagem de cana-de-açúcar sem aditivo e silagem de cana-de-açúcar aditivada com L. buchneri (5x104 ufc/g MV), constituindo os tratamentos experimentais SC, SCS e SCS+Lb, respectivamente. O comportamento ingestivo foi realizado individualmente, com observações feitas a cada cinco minutos. Amostras das silagens foram analisadas para matéria seca (MS), proteína bruta (PB), fibra em detergente neutro (FDN), fibra em detergente ácido (FDA), carboidratos solúveis (CHOS), ácido acético e etanol, e as médias foram comparadas com a cana-de-açúcar in natura. A estabilidade aeróbia foi avaliada através do controle da temperatura, pH e perdas de MS das silagens expostas ao ar. Para determinar os coeficientes de digestibilidade e o balanço de nitrogênio das rações utilizadas na avaliação de desempenho, 12 borregos foram mantidos em gaiolas para ensaios de metabolismo. O CMS foi maior (P<0,01) para as cabras que receberam o tratamento SC. Não houve diferença (P>0,05) para a produção de leite e produção de leite corrigida para 3,5% de gordura. Os teores de gordura e de sólidos totais no leite foram maiores para as dietas contendo silagem, sendo superior (P<0,01) para o tratamento SCS+Lb. A concentração plasmática de ácidos graxos não esterificados (AGNE) e o tempo despendido com ruminação (min/g MS) foi maior (P<0,05) para os animais alimentados com as silagens. Não houve diferença (P>0,05) para o CMS, ganho de peso vivo, conversão alimentar e parâmetros de carcaça dos cordeiros. O tempo de ingestão (min/g FDN) e a eficiência de ruminação foram inferiores (P<0,05) nos cordeiros alimetados com silagem de cana-de-açúcar. A ensilagem da cana-de-açúcar resultou em redução (P<0,01) no teor de carboidratos solúveis e aumento (P<0,01) nas concentrações da FDN, FDA, hemicelulose e ácido acético. Os teores de MS, CHOS e ácido acético foram maiores (P<0,01) para o tratamento SCS+Lb. Não houve diferença (P>0,01) no teor de etanol entre as silagens. A silagem aditivada apresentou menores (P<0,05) perdas de MS, manutenção do pH e maior (P<0,05) estabilidade durante o período de avaliação em aerobiose. O consumo e a digestibilidade aparente da FDN, FDA e hemicelulose foram maiores (P<0,05) para a rações contendo silagem.
Título em inglês
Sugar cane silage for sheep and goats: nutritive value, performance and ingestive behavior
Palavras-chave em inglês
acetic acid
digestibility
ethanol
forage conservation
heterolactic fermentation
microbian inoculant
Resumo em inglês
Sugar cane ensiled without controlling ethanol production results in low quality roughage and may decrease voluntary feed intake and animal performance. Sugar cane silages nutritive value and their effects on performance and ingestive behavior of lactating goats and feedlot lambs were evaluated in different trials. Thirty-nine Saanen does were used to evaluate dry matter intake (DMI), milk yield and composition, blood parameters and ingestive behavior. Thirty Santa Ines ram lambs were penned to evaluate performance, carcass characteristics and ingestive behavior. Animals were fed a 50:50 (concentrate:roughage ratio) total mixed ration, with different roughages: fresh sugar cane, sugarcane silage without additive and sugar cane silage treated with Lactobacillus buchneri (5x104 cfu/g wet basis) corresponding to the experimental treatments SC, SCS and SCS+Lb, respectively. Ingestive behavior was evaluated individually every 5 minutes for 24 h. Silages were sampled and analyzed for dry matter (DM), crude protein (CP), neutral detergent fiber (NDF), acid detergent fiber (ADF), soluble carbohydrates (CHOS), acetic acid and ethanol and compared with fresh sugar cane. Aerobic stability was evaluated by controlling the temperature, pH and dry matter losses of silages exposed to air for a period of ten days. To evaluate apparent digestibility and N metabolism of diets used in the performance trials, 12 ram lambs were placed in metabolism crates. DMI was higher (P<0.01) for goats fed SC. Milk production (MP) and fat corrected milk yield were similar (P>0.05). Milk fat and total solids were greater for diets containing silages. Does fed SCS+Lb diet had higher (P<0.01) milk fat content than SCS. NEFA concentration and time spent with rumination (min/g DM) was higher (P<0.05) for animals fed silage diets. There were no differences (P>0.05) on dry matter intake, average daily gain, feed conversion and carcass parameters of the feedlot lambs. Eating time (min/g NDF) and rumination efficiency (g DM/h) were lower (P<0.05) for lambs fed silage diets. Sugar cane silage decreased (P<0.01) soluble carbohydrates concentrations and increased (P<0.01) NDF, ADF, hemicelulose and acetic acid levels. DM, soluble carbohydrates and acetic acid were higher (P<0,01) for SCS+Lb. There was no difference (P>0.01) on ethanol levels between silages. SCS+Lb treatment had lower (P<0.01) dry matter losses, unchanged pH and greater (P<0.05) aerobic stability. NDF, ADF and hemicelulose intakes and apparent digestibility were higher (P<0.05) for silage treatments.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Clayton.pdf (380.01 Kbytes)
Data de Publicação
2006-07-31
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.