• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2001.tde-11062002-105021
Documento
Autor
Nome completo
Paola Ranzani Gabarra
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2001
Orientador
Banca examinadora
Santos, Flavio Augusto Portela (Presidente)
Nussio, Luiz Gustavo
Simas, Jose Manuel Correia de
Título em português
Digestibilidade de nutrientes e parâmetros ruminais e sanguíneos de novilhos nelore alimentados com fontes protéicas e energéticas com diferentes degradabilidades ruminais.
Palavras-chave em português
confinamento animal
degradação
dieta animal
digestabilidade
fermentação ruminal
fonte protéica
novilho Nelore
nutrição animal
Resumo em português
Foram utilizados 4 novilhos Nelore, pesando ao redor de 300 Kg, canulados no rúmen e duodeno, em um delineamento em Quadrado Latino 4x4, com o objetivo de se testar a possibilidade de melhor sincronização da degradação ruminal de fontes energéticas e protéicas, através da utilização de 2 formas de processamento de milho (moagem fina (1,5mm) x floculação (300g/l) e 2 fontes protéicas (farelo de soja x uréia). As dietas continham 13% de feno de gramínea tropical e 87% de concentrado, resultando em valores de PB ao redor de 13% e 83% de NDT. A floculação do milho resultou em menor concentração de amido no conteúdo duodenal, sugerindo uma maior degradação deste no rúmen, o que explica a redução de N-NH3 (P<0,01), de pH (P<0,15) e o aumento de C3 (P<0,01) no fluido ruminal. A concentração de uréia plasmática também foi reduzida com a floculação do milho em comparação com a moagem fina. O provável aumento da degradação ruminal do amido através da floculação do milho, resultou em aumento significativo (P<0,01) da digestibilidade deste nutriente no trato digestivo total, com um incremento ao redor de 10 unidades percentuais (89,22 x 98,90%) em comparação com a moagem fina. Entretanto, a digestibilidade da MS no trato digestivo total não foi aumentada (P>0,05) com a floculação do milho, provavelmente devido à redução (P<0,01) da digestibilidade do FDN. A substituição do farelo de soja por uréia não afetou (P>0,05) a fermentação ruminal, nem o consumo e a digestão de nutrientes no trato digestivo total.
Título em inglês
Protein and starch sources varying in rumen degradability on nutrient digestibilities, ruminal and blood parameters of nelore steers.
Palavras-chave em inglês
animal diet
animal nutrition
degradation
digestibility
feedlot
Nelore steer
protein source
ruminal fermentation
Resumo em inglês
Four Nelore steers, cannulated in the duodenum and in the rumen, averaging 300 kg of live weight, were used in a 4x4 Latin Square design, to test the improvement of ruminal synchronization of starch and protein degradation. Two methods of corn processing (fine grinding (1,5mm) vs steam flaking (300g/l)) and 2 protein sources (soybean meal vs urea) were compared in a 2x2 factorial arrangement. The diets contained 13% of tropical grass hay and 87% of concentrate, averaging 13% CP and 83% TDN. Steam flaking of corn decreased (P<0,01) starch concentration in duodenal digesta, suggesting a higher ruminal degradation of this nutrient. This would explain the actual decrease in ruminal N-NH3 (P<0,01) and pH (P<0,15) and the increase in molar concentration of ruminal C3 (P<0,01). PUN concentration was decreased (P<0,01) by steam flaking of corn compared to fine grinding. The probable increase of starch degraded in the rumen and post rumen, due to steam flaking, increased (P<0,01) digestibility of this nutrient in the total tract (89,22 x 98,90%), compared to fine grinding. However, the total tract DM digestibility was not increased (P>0,05) by steam flaking, probably due to the decrease (P<0,01) in NDF digestibility. The replacement of soybean meal by urea had no effect (P>0,05) on ruminal fermentation and on intake and total tract digestion of nutrients.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
paola.pdf (2.11 Mbytes)
Data de Publicação
2002-06-17
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • GABARRA, Paola R. Fontes protéicas e energéticas com diferentes degradabilidades ruminais para novilhos de corte. Animal Sciences, Acta Scientiarum [online], 2007, vol. 29, n. 2, p. 195-202. [acesso 2012-02-09]. Disponível em : <http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciAnimSci/article/view/225/177>
  • GABARRA, Paola Ranzani, et al. Fontes protéicas e energéticas com diferentes degradabilidades ruminais para novilhos de corte. Acta Scientiarum (UEM), 2007, vol. 29, p. 195-202.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.