• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2009.tde-11032009-091021
Documento
Autor
Nome completo
Luís Fernando Sarmento Rangel
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2009
Orientador
Banca examinadora
Menten, José Fernando Machado (Presidente)
Lima, Gustavo Julio Mello Monteiro de
Miyada, Valdomiro Shigueru
Título em português
Uso do plasma spray dried na dieta de suínos para prevenção da circovirose suína e doenças associadas
Palavras-chave em português
Circovirus Prevenção e controle
Dieta animal
Leitões - Desempenho
Patologia veterinária
Plasma
Rações
Suínos.
Resumo em português
O trabalho foi realizado em granja com histórico de ocorrência de Circovirose Suína e Doenças Associadas - PCVAD maior que 5%. Foram utilizados 560 leitões na fase de creche (25 - 66 dias de idade) e 468 no início de crescimento (66 - 94 dias de idade), em experimento delineado em blocos ao acaso, com dois tratamentos e 9 repetições por tratamento na creche e 18 repetições no crescimento. Os tratamentos: Plasma - os leitões foram alimentados com rações contendo plasma (AP 920®) conforme segue: 6,0% na ração pré-inicial I (15 dias); 3,0% na ração pré-inicial II (13 dias); 1,5% de na ração inicial (14 dias); e 1,0% na ração de crescimento I (14 dias), seguindo-se por mais 14 dias com a mesma ração sem plasma. Controle: os leitões foram alimentados com as mesmas rações, porém sem plasma. As rações utilizadas foram formuladas para satisfazer as necessidades nutricionais dos leitões. As variáveis avaliadas: ganho de peso, consumo de ração, conversão alimentar, ocorrência da PCVAD, taxa de mortalidade pela PCVAD e anticorpos anti-PCV2. Houve diferença significativa (P<0,05) no peso dos leitões e no ganho de peso diário em todas as medidas realizadas na fase de creche. A diferença de peso no final da creche foi de 1,92 kg/leitão a mais para o Plasma. Não houve diferença estatística (P>0,05) no coeficiente de variação do peso dos leitões em todas as medidas realizadas. O consumo médio de ração com plasma foi superior (P<0,05) em todas as fases de creche. A conversão alimentar foi melhor (P=0,087) no Plasma. As idades calculadas dos leitões, para o peso ideal para venda (22 e 24 kg), indicaram que os leitões do Plasma atingiriam tais pesos 2,3 e 2,2 dias antes que os controles, respectivamente. Na fase inicial de crescimento, houve diferença significativa (P<0,05) no consumo de ração e no peso final (94 dias de idade) com uma diferença final de 2,28 kg/suíno a mais no grupo Plasma. Isso tem conseqüências importantes no manejo das granjas, permitindo um período maior de vazio sanitário. Aos 39, 52 e 66 dias de idade, houve menor freqüência (P<0,05) de leitões com sinais da PCVAD no Plasma. Verificou-se que a infecção pelo PCV2 estava disseminada nos leitões de ambos os tratamentos. Houve efeito de bloco e idade no título de anticorpos para o PCV2. No período total, o aumento nesse título foi parcial (P=0,0856) para o Plasma. Porém, aos 52 dias de idade, os leitões alimentados com plasma apresentaram aumento nesse título (P<0,05). Isso sugere que os leitões que receberam plasma apresentavam melhor capacidade de resposta imunológica ao PCV2. Os leitões tratados com plasma apresentaram: melhor ganho de peso na creche, que foi ampliado no início do crescimento, reduzindo em 2,3 dias a idade para atingir 22,0 kg; melhor capacidade de resposta imunológica ao PCV2 aos 52 dias de idade e menor manifestação de PCVAD. O aumento no ganho de peso nos leitões foi atribuído ao aumento no consumo de ração e à menor ocorrência de leitões com sinais de PCVAD.
Título em inglês
The use of plasma spray dried in the prevention of porcine circovirus and associated diseases
Palavras-chave em inglês
Animal Diet
Circovirus Prevention and Control
Feed
Piglets Performance
Plasma
Swine I.
Veterinary Pathology
Resumo em inglês
The work was conducted in a farm with historical data, recording pigs with clinical Porcine Circovirus and Associated Diseases - PCVAD higher than 5%. In the nursery 560 pigs (25-66 days of age) and early in growing phase 468 piglets (66-94 days of age) were used in random blocks design with two treatments and 9 replicates in the nursery and 18 replicates in growing phase per treatment. Treatments: Plasma - pigs were fed plasma (AP 920®) containing diets as follows: 6% in the pre-starter I (15 days); 3% in the pre-starter II (13 days); 1.5% in the starter phase (14 days); and 1% in the growing phase (14 days), followed by 14 days with the same feed without plasma. Control: pigs were fed with the same feeds from the Plasma treatment but without plasma. Both feeds were formulated to meet the nutritional requirements of the pigs in different stages. Evaluated variables: weight gain, feed intake, feed conversion, clinical presence of PCVAD, mortality rate related with PCVAD and antibodies against PCV2. There was a significant difference (P<0.05) in the pigs weight and in the weight gain the nursery. The weight difference at the end of the nursery phase was 1.92 kg/pig grater to the plasma group. There was no statistical difference (P>0.05) in the coefficient of variation of weight in all measurements performed. The average feed intake was higher (P<0.05) on Plasma in all nursery phases. A better feed conversion was observed on Plasma (P=0.087). The calculated age of pigs to reach the ideal sale weight (22-24 kg) indicated that Plasma achieved those weights 2.3-2.2 days prior than the Control respectively. In the growing phase there was a significant difference (P<0.05) in the feed intake and final weight (94 days of age) with a final weight 2.28 kg/pig heavier for Plasma. This has important consequences in the management of a farm, allowing a longer downtime period between groups. At 39, 52 and 66 days of age, there was less frequency (P<0.05) of pigs with sings of PCVAD in the plasma fed group. It was observed that the infection by PCV2 was widely spread in both treatments pigs. There was block and age effect in the PCV2 antibody titers. There was a partial treatment effect (P=0.0856) over the PCV2 antibodies when the data was evaluated at different sampling ages. However, at 52 days of age, there was an increase in the PCV2 antibody titers (P<0.05) of pigs that received plasma. This observation suggests that plasma fed pigs had a better immune response to PCV2. The plasma fed pigs showed better weight gain in the nursery. That effect was amplified in the beginning of the growing phase, leading to a reduction in 2.3 days the age to reach 22.0 kg of body weight, better immune response to PCV2 at 52 days of age and less presence of sings of PCVAD. The increase in the weight gain was due to an increase in feed intake and lower incidence of pigs with sings of PCVAD.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Luiz_Rangel.pdf (231.83 Kbytes)
Data de Publicação
2009-03-18
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • RANGEL, L. F. S., et al. Efeito do plasma na dieta de leitões desafiados pela circovirose. In Simpósio sobre Manejo e Nutrição de Aves e Suínos, Campinas, SP, 2008. Simpósio sobre Manejo e Nutrição de Aves e Suínos.Campinas, SP : Colégio Brasileiro de Nutrição Animal, 2008.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.