• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2008.tde-18112008-154538
Documento
Autor
Nome completo
Vivian Cristina Pietrobon
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2008
Orientador
Banca examinadora
Monteiro, Regina Teresa Rosim (Presidente)
Jorge, Joao Atilio
Lacava, Paulo Teixeira
Título em português
Hidrólise do bagaço de cana-de-açúcar pré-tratado com ácido e álcali utilizando enzimas microbianas comerciais
Palavras-chave em português
Açúcares
Bagaços
Cana-de-açucar
Enzimas celulolíticas
Hidrólise.
Resumo em português
O álcool, considerado um subproduto de grande importância da cultura de cana-deaçúcar, tem apresentado grande interesse nos últimos anos devido a questões econômicas e ambientais. A estimativa de produção para a safra 2007-2008, de acordo com a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), é de 251,59 milhões de toneladas de álcool. Por ser considerada uma fonte de energia alternativa (em substituição aos combustíveis fósseis) e renovável, muitos estudos estão sendo direcionados à cultura da cana-de-açúcar como, por exemplo, o aproveitamento do bagaço considerado um resíduo do setor sucroalcooleiro. O intuito deste trabalho foi o de realizar a hidrólise do bagaço de cana-de-açúcar por meio de enzimas celulolíticas comerciais visando identificar e quantificar açúcares fermentescíveis. Com essa finalidade, primeiramente, foram selecionadas as seguintes enzimas comerciais HPL1800, CL3708, P1250 e P4500; as quais apresentaram maior atividade celulolítica total em papel de filtro. Posteriormente foram testados dois pré-tratamentos do bagaço (ácido ou alcalino) e verificadas a atuação dessas enzimas em cada pré-tratamento do bagaço de cana-de-açúcar pelas metodologias do ácido dinitrosalicílico (DNS) e da cromatografia líquida (HPAEC - PAD). Os dados obtidos por ambas as metodologias foram analisados estatisticamente e concluiu-se que a ação conjunta do pré-tratamento ácido 0,5%, autoclave a 121ºC por 30 minutos e a enzima P4500 foram as melhores formas de tratamento para a obtenção de açúcares.
Título em inglês
Sugar cane bagasse hydrolysis with acid and alkali pre-treatment using commercial microbial enzymes
Palavras-chave em inglês
bagasse
cellulolytic enzymes
hydrolysis.
sugar cane
ugars
Resumo em inglês
Ethanol is considered an important by-product from sugar cane culture. Nowadays it has been shown great importance in economics and environmental questions. The estimate ethanol production 2007-2008 is about 251.59 millions of tons, according to Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Alcohol is considered an alternative and renewable source of energy; this has lead several new studies on development of sugarcane culture and its derivatives, such as bagasse which is considered a residue from sugarcane industry. The aim of this research is the enzymatic hydrolysis of sugarcane bagasse for sugar production and its quantification and identification. The first step consisted at the selection of higher cellulolytic activity commercial enzymes in filter paper. The four enzymes selected were: HPL1800, CL3708, P1250 and P4500. After that, their performances were tested with two different pre-treated (acid and alkali) bagasse. The total sugars presents in the hydrolyzed were measured by dinitrosalicilic acid (DNS) and liquid chromatography (HPAEC - PAD) methodologies. The results were analyzed with statistics program. The datelines showed that joint action of 0.5% acid pre-treatment, 121ºC per 30 minutes and enzyme P4500 were the best treatment to sugars attainment.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Vivian_Pietrobon.pdf (398.58 Kbytes)
Data de Publicação
2008-11-19
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • PIETROBON, Vivian Cristina, et al. Enzimatic hydrolysis of sugar cane bagasse pretreated with acid and alkali. Brazilian Archives of Biology and Technology , 2011, vol. 54, p. 229-233.
  • FERREIRA, Luiz Fernando Romanholo, et al. Biodegradação da Vinhaça. In III Workshop de Biodegradação e Biorremediação, Campinas, 2009. III Workshop de Biodegradação e Biorremediação.Campinas : Embrapa, 2009. Resumo.
  • FERREIRA, Luiz Fernando Romanholo, et al. Produção de ligninases por Phanerochaete crysosporium através de fermentação em estado sólido. In X Encontro Nacional de Microbiologia Ambiental, Goiania, 2006. X Encontro Nacional de Microbiologia Ambiental., 2006. Resumo.
  • PIETROBON, Vivian Cristina, et al. Quantificação de açúcares presentes em hidrolisado de bagaço de cana-de-açúcar. In 4ºCongresso Internacional de Bioenergia, 1º Congresso Brasileiro de Geração Distribuída e Energia Renováveis e II BIOTech Fair, Curitiba, 2009. 4ºCongresso Internacional de Bioenergia, 1º Congresso Brasileiro de Geração Distribuída e Energia Renováveis.Curitiba : UFPR; FUPEF, 2009. Resumo.
  • PIETROBON, Vivian Cristina, e MONTEIRO, Regina Teresa Rosim. Hidrólise enzimática do bagaço de cana de açúcar por fungos lignocelulolíticos. In IEncontro Nacional de Pós-Graduação Programa Microbiologia, Piracicaba, 2006. IEncontro Nacional de Pò-Graduação e IIII Forum dos Coordenadores dos Programas de Microbiologia da Área de Ciências Agrárias I.Piracicaba : ESALQ/USP, 2006. Resumo.
  • Pompeu, G.B., et al. Comportamento enzimático de fungos lignocelulolíticos em bagaço de cana-de-açúcar. In II Simposio Científico dos Pós-Graduandos do CENA-USP, Piracicaba, 2009. II Simposio Científico dos Pós-Graduandos do CENA-USP.Piracicaba : USP, 2009. Resumo.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.