• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Bruna do Amaral Brogio
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2017
Orientador
Banca examinadora
Silva, Simone Rodrigues da (Presidente)
Avilés, Tatiana Eugenia Cantuarias
Bettiol Neto, Jose Emilio
Scarpare Filho, João Alexio
Título em português
Uso de fitorreguladores em pomar de abacateiro (Persea americana Mill.) 'Hass' cultivado em condições de sequeiro
Palavras-chave em português
Ácido Giberélico
Citocinina
Desenvolvimento Vegetativo
Paclobutrazol
Produção
Prohexadione-Cálcio
Uniconazole
Resumo em português
Embora o Brasil apresente grande potencial para a expansão da cultura do abacateiro, sobretudo devido as condições edafoclimáticas favoráveis, sua produção ainda é restrita no país, principalmente devido a fatores limitantes, como a não adoção do adensamento nos pomares comerciais e de manejos agronômicos que favoreçam a produção e qualidade de frutos; a presença de Phytophthora cinnamomi, principal patógeno que afeta a cultura em todo o mundo; o fato da grande maioria dos pomares comerciais serem cultivados sob condições de sequeiro; e devido a fatores inerentes a ecofisiologia da planta, como vigor excessivo, baixa fixação de frutos e a dificuldade em controlar a alternância de produção. A aplicação de fitorreguladores é um manejo importante e com bons resultados, nos pomares comerciais dos principais países produtores, sendo esta uma técnica que visa melhorar a produtividade, incrementar o tamanho dos frutos, diminuir a alternância produtiva e reduzir o vigor vegetativo. O objetivo desta pesquisa foi avaliar o efeito de distintos fitorreguladores no desenvolvimento vegetativo, produção, eficiência e alternância produtiva, tamanho e formato de frutos e na qualidade pós-colheita de abacateiros 'Hass' não irrigados. Entre 2013 e 2016, foram avaliados sete tratamentos via pulverização foliar: T1: água (testemunha); T2: 250 mg.L-1 Viviful® (68,75 mg.L-1 prohexadione-cálcio); T3: 0,7% Cultar® 250 SC (0,175% paclobutrazol); T4: 0,7% Sunny® (0,035% uniconazole); T5: 1% Moddus® (0,25% etil-trinexapac); T6: 1250 mg.L-1 MaxCel® (25 mg.L-1 6- benziladenina) aplicados no florescimento; e T7: 125 mg.L-1 ProGibb® 400 (50 mg.L-1 ácido giberélico) aplicado no início do mês de dezembro antes da segunda queda natural de frutos. O delineamento experimental foi conduzido em blocos ao acaso, com 7 tratamentos, 4 repetições e 2 plantas por parcela. Nos distintos tratamentos foram avaliados: tamanho da planta; crescimento dos brotos de primavera; produção, tamanho e formato de frutos e a qualidade pós-colheita. Os fitorreguladores utilizados não afetaram significativamente o desenvolvimento vegetativo, a eficiência produtiva e a produção de frutos, bem como não influenciaram na qualidade pós-colheita dos mesmos. O inibidor de giberelina uniconazole (T4) foi o responsável por reduzir significativamente o crescimento dos brotos de primavera durante os três anos de avaliações. A citocinina 6-benziladenina (T6) reduziu de forma significativa a alternância produtiva de abacateiros 'Hass' enquanto o uniconazole (T4), prohexadione-cálcio (T2) e 6-benziladenina (T6) aumentaram significativamente o tamanho dos frutos. A maioria dos fitorreguladores utilizados modificaram o formato dos frutos, tornando-os mais arredondados, com destaque para o efeito do etil-trinexapac (T5). A aplicação dos distintos fitorreguladores se apresentam inconstantes ao longo dos anos de pesquisa e não afetam número, produção de frutos (Kg.planta-1) e eficiência produtiva de abacateiros 'Hass' não irrigados.
Título em inglês
Use of plant growth regulators in 'Hass' avocado (Persea Americana Mill.) orchards under rainfed conditions
Palavras-chave em inglês
Cytokinin
Gibberelic Acid
Paclobutrazol
Prohexadione-Calcium
Uniconazole
Vegetative Growth
Yield
Resumo em inglês
Although Brazil presents great potential for the expansion of the avocado crop, especially due to the favorable edaphoclimatic conditions, its production is still restricted in the country, mainly due to limiting factors, such as the non-adoption of high-density plantings in commercial orchards and agronomic managements to support high fruit yield and quality; the presence of Phytophthora cinnamomi, the main pathogen affecting avocados around the world; the fact that most of the commercial orchards are grown under rainfed conditions; and also due to factors that are inherent to the tree's ecophysiology, such as the excessive vigor, low fruit set and difficulty in controlling the alternate bearing. Plant growth regulators (PGRs) have become important management tools in the commercial orchards of the main producer countries for improving yields, increasing fruit size, reducing alternate bearing and reducing vegetative vigor. The aim of this research was to evaluate the effect of different PGRs on vegetative growth, fruit yield, yield efficiency and alternate bearing, fruit size and shape, and post-harvest quality of 'Hass' avocados non-irrigated. Between 2013 and 2016, seven treatments were evaluated by foliar sprays : T1: water (control); T2: 250 mg.L-1 Viviful® (68,75 mg.L-1 prohexadione-calcium); T3: 0,7% Cultar® 250 SC (0,175% paclobutrazol); T4: 0,7% Sunny® (0,035% uniconazole); T5: 1% Moddus® (0,25% trinexapac-ethyl); T6: 1250 mg.L-1 MaxCel® (25 mg.L-1 6-benzyladenine) all applied in full bloom; and T7: 125 mg.L-1 ProGibb® 400 (50 mg.L-1 gibberelic acid) applied at the beginning of December, before the second natural fruit drop. The experiment was conducted in a randomized block design with seven treatments, four replications and two plants per plot. The following variables were evaluated: tree size, spring shoot growth, fruit yield, size and shape and post-harvest fruit quality. The applied PGRs did not significantly affect tree size, yield efficiency and fruit yield, nor did they influence the post-harvest fruit quality. Uniconazole (T4) was responsible of a significant shortening of spring shoots during the three years of evaluations. The cytokinin 6-benzyladenine (T6) significantly reduced alternate bearing of 'Hass' avocado trees. Spring sprays of uniconazole (T4), prohexadione-calcium (T2) and 6-benzyladenine (T6) significantly increased fruit size. Most of the PGRs modified -fruit shape of 'Hass' avocados to a more rounded format, with trinexapac-ethyl (T5) showing a stronger effect. The application of the different PGRs are inconsistent throughout the years of research and do not affect fruit number and yield (kg.tree-1) and yield efficiency of non-irrigated 'Hass' avocados.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Há arquivos retidos devido a solicitação (publicação de dados, patentes ou diretos autorais).
Data de Liberação
2019-08-28
Data de Publicação
2017-09-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.