• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2009.tde-10092009-101726
Documento
Autor
Nome completo
Valdir Francisco Schafer
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2009
Orientador
Banca examinadora
Manfron, Paulo Augusto (Presidente)
Medeiros, Sandro Luis Petter
Melo, Paulo Cesar Tavares de
Título em português
Produção de alface na região mesoclimática de Santa Maria, RS
Palavras-chave em português
Alface
Ambiente protegido (Plantas)
Ecofisiologia vegetal
Estufas
Produção vegetal
Resumo em português
Com os objetivos de (i) caracterizar o acúmulo de massa de matéria seca da parte aérea do desenvolvimento relativo em dois ambientes de cultivo (casa-de-vegetação e campo); e (ii) quantificar a massa de matéria seca relativa de folha nos dois ambientes de cultivo, foram conduzidos sete experimentos no Departamento de Fitotecnia da Universidade Federal de Santa Maria, Rio Grande do Sul, (latitude: 29º42 Sul, longitude: 53º42 Oeste, altitude: 95 m), com a cultura de alface, variedade cultivada Regina, nos dois ambientes de cultivo, em cinco épocas (primavera [1 experimento], verão [3], verão/outono [1], outono [1] e inverno [1]). Em função do critério utilizado (valor mínimo de massa de matéria verde de referência da parte comercializável para se proceder a colheita foi 200 g por planta), houve diferença de duração do ciclo (número de dias entre o transplante e a colheita) nos dois ambientes de cultivo (casa-de-vegetação e campo), pois o acúmulo de massa de matéria seca da parte aérea (g.planta-1) foi igual em todas as épocas de cultivo, mas a duração do ciclo foi sempre inferior na casa-de-vegetação. Em função dos resultados obtidos, pode-se concluir que: (i) as curvas de caracterização do acúmulo de massa de matéria seca (Ms) da parte aérea em função do desenvolvimento relativo (Dr) da cultura de alface foram estatisticamente utilizáveis para todas as estações estudadas em casa-de-vegetação e campo; e (ii) o órgão com maior produção de massa de matéria seca foi a folha. O percentual da matéria seca produzida destinada às folhas ficou entre 73,5% e 93,5% para casa-de-vegetação e entre 56,8 e 91,5% para o campo.
Título em inglês
Lettuce production in the mesoclimatic region of Santa Maria, State of Rio Grande do Sul, Brazil
Palavras-chave em inglês
Field production.
Lactuca sativa
Plastic greenhouse
Resumo em inglês
With the purposes of (i) characterizing the accumulation of dry mass according to the relative development in two environments of cultivation (plastic greenhouse and field); and (ii) quantifying the relative leaf dry mass in these environments, seven experiments were carried out at Crop Science Department of the Federal University of Santa Maria, State of Rio Grande do Sul, (latitude: 29º42 South, longitude: 53º42 West, altitude: 95 meters), with the lettuce crop, cultivar 'Regina', in five seasons (spring [1 experiment], summer [3], summer/autumn [1], autumn [1] and winter [1]). According to the used criterion (minimum value of the reference fresh mass of the marketable part to make the harvest was 200 g per plant), there was difference in cycle duration (number of days between the transplanting and harvesting) in two environments (plastic greenhouse and field), because the dry matter accumulation (g.plant-1) was equal in all seasons, but the cycle duration was always lower in plastic greenhouse. According to the results, we can conclude that: (i) the dry matter accumulation characterizing curves, as function of the relative development of lettuce crop, were statistically usable for all studied seasons for greenhouse and field; and (ii) the organ with higher dry matter production was the leaf. The percentage of leaf dry matter was between 73.5% and 93.5% for plastic greenhouse, and between 56.8 and 91.5% for the field.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Valdir_Schafer.pdf (481.58 Kbytes)
Data de Publicação
2009-09-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.