• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2002.tde-03022003-140401
Documento
Autor
Nome completo
Daniela Arnold Tisot
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2002
Orientador
Banca examinadora
Dourado Neto, Durval (Presidente)
Bacchi, Osny Oliveira Santos
Fancelli, Antonio Luiz
Título em português
Produtividade de grãos e variação temporal de fitomassa seca da cultura de feijão em função de doses de nitrogênio.
Palavras-chave em português
adubação
feijão
fertilizantes nitrogenados
grão
matéria seca
rendimento
variação
Resumo em português
Com o objetivo de caracterizar a variação temporal de fitomassa seca de raízes, hastes, folhas e órgãos reprodutivos, e de verificar o efeito da adubação nitrogenada no rendimento de grãos e na produção de fitomassa seca dos diferentes órgãos da cultura de feijão (Phaseolus vulgaris L.) no florescimento, conduziu- se um experimento na área do Departamento de Produção Vegetal, Esalq, Universidade de São Paulo, Piracicaba-SP. O solo foi classificado como NITOSSOLO VERMELHO Eutroférrico; a variedade cultivada foi IAC-Carioca Tybatã (hábito de crescimento indeterminado), e o delineamento estatístico foi o inteiramente casualizado. Os tratamentos foram constituídos de combinações dos fatores doses de nitrogênio (0, 60 e 120 kg.ha -1 ) e épocas de avaliação (nove estádios feno lógicos). Os seguintes parâmetros foram avaliados: fenologia da cultura, a fitomassa seca de raízes, hastes, folhas e órgãos reprodutivos, em cada estádio fenológico, e o rendimento de grãos e seus componentes. Para descrever o padrão de variação da fitomassa seca de raízes, hastes, folhas, órgãos reprodutivos e fitomassa seca total, foram ajustados modelos não lineares utilizando o procedimento NLIN (Non LINear regression) do SAS â System (SAS Institute, 1998). De acordo com o que foi discutido, os resultados permitem concluir que: (i) os modelos propostos são adequados para caracterizar a variação de fitomassa seca de raízes, hastes, folhas e órgãos reprodutivos durante o ciclo da cultura de feijão (Phaseolus vulgaris L.), (ii) no florescimento e na colheita, a fitomassa seca dos diferentes órgãos da cultura de feijão e o rendimento de grãos, respectivamente, variam com a adubação nitrogenada segundo uma função quadrática, (iii) o máximo rendimento de grãos é obtido com a dose de 60 kg.ha -1 de nitrogênio, e (iv) a variação da fitomassa seca relativa em função do desenvolvimento relativo da cultura de feijão apresenta o mesmo padrão de comportamento independentemente da dose de nitrogênio, o que possibilita extrapolar e comparar resultados de experimentos cond uzidos em diferentes locais e épocas.
Título em inglês
Grain yield and temporal variation of dry mass of the common bean crop as function of nitrogen doses.
Palavras-chave em inglês
common bean
dry mass
fertilization
grain
nitrogen fertilizer
variation
yield
Resumo em inglês
With the purpose of characterizing the temporal variation of the roots, stems, leaves and reproductive organs dry mass of the common bean (Phaseolus vulgaris L.), and of verifying the effect of nitrogen fertilization on its grain yield and dry mass accumulated into the different plant organs at flowering, an field experiment was carried out at Crop Science Department, Esalq, University of São Paulo, Piracicaba, Brazil. The soil was classified as Rhodic kandiustalfs; the cultivar was IAC-Carioca Tybatã (indeterminate genotype) and the statistical experimental design was completely randomized. The treatments were nitrogen doses (0, 60 and 120 kg.ha -1 ) associated with nine crop phenological stages. The following parameters were evaluated: crop phenology; roots, stems, leaves and reproductive organs dry mass for each phenological stage; and the grain yield and its components. Non linear models were used to describe the standard variation of roots, stems, leaves, reproductive organs and total dry mass using the NLIN procedure (Non LINear regression) of the SAS â System (SAS Institute, 1998). According to the discussion, the results allowed to conclude that: (i) the proposed models are appropriate to characterize the roots, stems, leaves and reproductive organs dry mass variation during the common bean (Phaseolus vulgaris L.) crop cycle, (ii) the dry mass of all organs and grain yield of common bean, in response to nitrogen fertilization at flowering and harvest, respectively, follow a quadratic function, (iii) the maximum grain yield is obtained with 60 kg.ha -1 of nitrogen, and (iv) the relative dry mass as function of the common bean development stage presents the same performance independently of the nitrogen dose, therefore, the results can be extrapolated and compared with data obtained in different situations.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Daniela.pdf (384.05 Kbytes)
Data de Publicação
2003-02-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.