• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Taís Cristina de Menezes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2018
Orientador
Banca examinadora
Miranda, Silvia Helena Galvao de (Presidente)
Buainain, Antonio Marcio
Ferreira Filho, Joaquim Bento de Souza
Grisi Filho, José Henrique de Hildebrand e
Título em português
Movimentação de bovinos no Mato Grosso do Sul e implicações econômicas de potenciais surtos de febre aftosa
Palavras-chave em português
Análise de redes socioeconômicas
Febre aftosa
Guia de trânsito animal
Impactos econômicos
Resumo em português
O presente trabalho busca analisar a dinâmica econômica dos fluxos da pecuária bovina no Mato Grosso do Sul (MS) e identificar sua distribuição geográfica dentro do estado. Dado que as barreiras sanitárias e técnicas constituem, atualmente, alguns dos principais obstáculos ao comércio internacional, o conhecimento sobre as características dessa dinâmica e a identificação dos municípios centrais na pecuária do estado permitem analisar o processo de difusão da febre aftosa no MS em um eventual de surto da doença. Dessa forma, foram identificadas as áreas de maior risco de ocorrência e de potenciais maiores impactos econômicos. A metodologia aplicada consiste na análise de redes socioeconômicas, construídas a partir das Guias de Trânsito Animal registradas no estado em 2014 e 2015. Verificou-se que a movimentação dentro do MS se traduz em redes fortemente conectadas, o que poderia resultar em uma alta velocidade de difusão da doença no território. Os municípios de Campo Grande, Corumbá e Ribas do Rio Pardo mostraram-se os mais centrais nesse processo, pois recebem e enviam muitos animais para outros municípios, além de atuarem como intermediadores de fluxos animais dentro das redes de movimentação. Por conta do fornecimento de animais para outros estados, a difusão pode ocorrer a nível nacional, elevando os impactos econômicos da doença. Nesse sentido, foram estimadas as perdas de exportação e custos de controle do último surto de febre aftosa ocorrido no MS, em 2005/2006. As exportações do estado recuaram 81% em 2006, com relação ao ano anterior. A partir do modelo teórico de simulação e das estimativas de custos do último surto, conclui-se que, diante de uma potencial difusão de febre aftosa, com origem no MS, os impactos diretos na pecuária bovina seriam significativos, o que torna indispensável a promoção de estudos sobre impactos e riscos da entrada e difusão da doença no país, de modo a otimizar a alocação de recursos em termos de sua prevenção e, em caso de crise, no Plano de Emergência.
Título em inglês
Bovine cattle movement in Mato Grosso do Sul state and economic implications of potential outbreaks of foot-and-mouth disease
Palavras-chave em inglês
Animal traffic guide
Economic impacts
Foot-and-mouth disease
Social network analysis
Resumo em inglês
This work seeks to analyze the economic dynamics of cattle flows in Mato Grosso do Sul (MS) state and to identify their geographic distribution within the state. Given that sanitary and technical barriers are currently some of the main obstacles to international trade, knowledge about the characteristics of this dynamics and the identification of central municipalities in terms of livestock flows allow analyzing the diffusion process of the foot-and-mouth disease in MS in a possible outbreak. In this way, the municipalities with the greatest risk of occurrence and potential economic impacts were identified. The applied methodology consists on socioeconomic network analysis, constructed from the Animal Transit Guides registered in MS in 2014 and 2015. The cattle movement within MS produces heavily connected networks, which could result in a high-speed dissemination of the disease in the territory. The municipalities of Campo Grande, Corumbá and Ribas do Rio Pardo were the most central in this process, since they receive and send many animals to other municipalities, besides acting as intermediaries of animal flows within the movement networks. Due to the supply of animals to other states, the diffusion can occur at a national level, raising the economic impacts of an outbreak. In this sense, the export losses and the costs of emergence to control last FMD outubreak in MS, in 2005/2006, were estimated. The State exports declined 81% in 2006, compared to the previous year. Considering the theoretical model of simulation and the costs and losses estimated for the last outbreak, we conclude that a potential diffusion of the FMD, originating in MS, might generate significant direct impacts on livestock. This conclusion highlights how essential it is to promote studies about the impacts and risks of the FMD entry and diffusion in Brazil, in order to optimize the allocation of resources to prevention strategies and, in case of an outbreak, to implement the Emergency Plan.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-01-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.