• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.102.2014.tde-08012015-153002
Documento
Autor
Nome completo
Gradisca de Oliveira Werneck de Capistrano
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2014
Orientador
Banca examinadora
Lancha, Joubert José (Presidente)
Agostino, Mario Henrique Simao D
Castral, Paulo Cesar
Correia, Telma de Barros
Fernandes, Francisco Jose Barata
Título em português
A vila nos textos de Alberti e Palladio
Palavras-chave em português
Andrea Palladio
Leon Battista Alberti
Tratados de arquitetura
Vilas
Resumo em português
Alberti e Palladio foram dois dos principais nomes na constituição dos modelos de vilas que caracterizaram o Renascimento italiano. Enquanto Alberti, em seu De re aedificatoria, estabeleceu as bases e a fundamentação teórica sobre o tema, no início do período, Palladio com I Quattro Libri dell'Architettura, sistematizou um repertório formal que o tornou responsável pela difusão do modelo ao redor do mundo. Tendo-se em vista a importância da contribuição de ambos os autores e considerando que Palladio leu o tratado de Alberti, foi feito um estudo comparativo desses dois modelos de vila, visando detectar suas aproximações e divergências. Partindo-se da exposição do tema no corpo dos tratados e passando pelas definições do termo vila são abordados diversos aspectos da argumentação dos dois autores. Considerando a grande contribuição de Alberti e Palladio no campo da representação gráfica da arquitetura e do processo intelectual de projeto, foi discutida a relação desses dois temas, tanto na composição quanto na apresentação das vilas (especificamente no tratado paladiano). São analisadas ainda, o estabelecimento das hierarquias que são utilizadas na adequação das vilas à classes sociais de seus proprietários, a setorização proposta na organização da vila e da casa de vila e, por fim, a compartimentação desses edifícios. Mesmo considerando que os dois autores leram Vitruvio, de onde poderiam ter surgido diversos pontos que apresentam em comum, deve-se considerar que, para o projeto e a concepção das vilas, o texto de Vitruvio foi de pouca utilidade. Sendo assim, é surpreendente e também reveladora a semelhança que se percebe nas vilas de Alberti e Palladio. Em diversos trechos dos tratados, os discursos são tão próximos que parecem complementares, como também se pode utilizar projetos paladianos para exemplificar indicações teorizadas por Alberti. Esse trabalho não pretende esgotar o argumento, mas verificar a existência de uma relação entre a vila para ambos e, com essa relação mostrando-se tão forte, superaram-se todas as expectativas iniciais.
Título em inglês
The villa in the writings of Alberti and Palladio
Palavras-chave em inglês
Andrea Palladio
Architecture treaties
Leon Battista Alberti
Villa
Resumo em inglês
Alberti and Palladio were two of the leading names in the establishment of models for villas, which characterized the Italian Renaissance. At the beginning of the Renaissance period, Alberti in his De Re Aedificatoria established the foundation and the theoretical background of the subject. Afterward Palladio, in his I Quattro Libri Dell'Architettura, systematized a set of formal rules that made him responsible for the diffusion of a general model of villa around the world. Bearing in mind the importance of the contribution of both authors and considering that Palladio read Alberti´s treatise, we made a comparative study of these two models of villa, in order to detect their similarities and differences. Several aspects of both authors' arguments are addressed, starting from the development of the subject in the body of the treaties and including the different definitions of the term villa. Given the important contributions of Alberti and Palladio in the field of graphic representation of architecture and intellectual process of project, the relationship between these two topics was discussed, both in the composition and in the presentation of villas (specifically in the Palladian treaty). Furthermore, we analyzed the establishment of hierarchies used in adapting the villas to the social class of their owners; we investigated the sections proposed for the organization of the villa and, finally, we examined the partitions of these buildings. Although the two authors read Vitruvius, who could have provided them with a common theoretical background, it must be stressed that Vitruvius´s writings were of little use in the conception and project of villas. Therefore, it is surprising and revealing the resemblance noticed in the villas of Alberti and Palladio. In different parts of the treaties, discussions are so close that they seem complementary. Besides, Palladian projects can also be used to exemplify indications theorized by Alberti. The present study does not bring to an end the discussion; instead, it intends to check the existence of a relationship between the ideas of in both authors. We demonstrate that this relationship is actually strong, overcoming all the initial speculations of tight connections.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-03-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.