• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Tatiana Solimeo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Magalhães, Valéria Barbosa de (Presidente)
Araujo, Jose Renato de Campos
Castro, Claudia Medeiros de
Waldman, Tatiana Chang
Título em português
Migrantes bolivianas e a gravidez: saúde pública na zona leste, trajetórias e especificidades
Palavras-chave em português
Maternidade
Migração internacional
Mulheres bolivianas
Zona Leste
Resumo em português
"Migrantes Bolivianas e a Gravidez: Saúde Pública na Zona Leste, Trajetórias e Especificidades" é uma pesquisa dos estudos culturais, que tem como eixo norteador entrevistas realizadas com gestantes migrantes bolivianas nos bairros da Penha e Cangaíba.O foco da pesquisa são mulheres bolivianas gestantes e seu relacionamento com as políticas públicas de maternidade dentro das Unidades Básicas de Saúde -UBS. O objetivo é conhecer as experiências vividas pelas mulheres bolivianas desde sua trajetória, o momento que se reconhece como migrante e como a sua condição de gênero interfere nesse processo. Bem como assimilar os padrões da inserção territorial desse grupo específico, sendo fundamental para interpretar os processos de exclusão e segregação da cidade. Pretende-se compreender as especificidades da experiência de migrar sendo mulher e como as diferenças culturais e identitárias afetam esse processo. Para isto, realizou-se uma análise qualitativa de 15 entrevistas, tendo resultados que sinalizam sobre a inserção das bolivianas na Penha e o quanto as diferenças de gênero redefinem o processo da imigração
Título em inglês
Bolivian migrants and pregnancy: public health at east zone, trajectory and specificities
Palavras-chave em inglês
Bolivian women
East Zone
International migration
Maternity
Resumo em inglês
"Bolivian Migrants and Pregnancy: Public Health at East Zone, Trajectory and Specificities" is a research in Cultural Studies which is guided by interviews with Bolivian pregnant migrants at Penha and Cangaíba neighborhood. The focus of the research is Bolivian pregnant migrant and their relationship with health public policies inside the health Basic Health Units, so called UBS. The objective is to get to know the experience lived by those Bolivian women since their trajectories, the moment they recognize themselves as migrants and how the gender condition interfere in this process, as well as to comprehend the stands insertion conditions at this specific territory, fundamental to understand the segregation and exclusion processes of the city. The research intent to understand the specificities of the experience of migration being a woman and how cultural and identity differences affects this process. For that, 15 qualitative interviews were made and obtained results that indicate about Bolivian women insertion and how gender differences redefine the immigration process
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
ts.pdf (1.65 Mbytes)
Data de Publicação
2019-05-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.