• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.100.2016.tde-04082016-144047
Documento
Autor
Nome completo
Amanda Sousa Monteiro
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Baruque-Ramos, Júlia (Presidente)
Borelli, Camilla
Sayeg, Isaac Jamil
Zonatti, Welton Fernando
Título em português
Tururi (Manicaria saccifera Gaertn.): caracterização têxtil, processos e técnicas artesanais em comunidade local amazônica (PA - Brasil)
Palavras-chave em português
Caracterização
Design
Manicaria saccifera
Têxtil
Tururi
Ubuçu
Resumo em português
Na indústria têxtil, novos produtos sustentáveis ganham espaço e há uma demanda crescente para a utilização de materiais biodegradáveis, como as fibras naturais. Um material com grande potencial é o tururi (Manicaria saccifera Gaertn.). O tururi forma uma rede que protege os frutos que pendem da palmeira chamada Ubuçu, originária da região amazônica do Brasil. O objetivo deste trabalho foi narrar o processo de extração e beneficiamento em comunidade amazônica na cidade de Muaná (Pará-Brasil) e realizar a caracterização têxtil do tururi através da determinação de título médio, gramatura, testes de tração e alongamento (resistência, tenacidade, alongamento, módulo de Young), valores de regain, microscopia transversal e longitudinal e FTIR do material fibroso. Os principais resultados foram: i) título médio da fibra extraída do tururi 100,3±14,5 tex (CV=14,5%); ii) valores de tração para a fibra de extraída do tururi: carga de ruptura 17,7±4,2 N (CV=23,5%); tenacidade na quebra 18±3,2 cN/tex (CV=18%); alongamento 10,5±2% (CV=20%); módulo de Young 3,4±0,5 N/tex (CV=14,4%); iii) gramatura de 182±18 g/m2 (CV=10%); iv) espessura de 0,71±0,10 mm (CV=14%); v) no teste de tração realizado com as tiras de tururi, os valores obtidos foram: carga na ruptura 213±93 N (CV=43%); resistência tênsil máxima 17,6±7,8 MPa (CV=44%); alongamento na quebra 5,9±1,0% (CV=17%); módulo de Young 552±288 MPa (CV=52%). Os testes realizados com o tururi descolorido mostram resultados sem diferença estatisticamente significativa com os realizados com o material natural. O valor de regain obtido foi 12,0±0,5% (CV=4,3%). A microscopia do material fibroso mostrou morfologia típica de fibras celulósicas. Esses resultados preliminares indicam que tururi têm potencial de emprego em diferentes tipos de produtos têxteis, de moda, artesanato ou compósitos, que poderiam ser usados em artigos de mobiliário ou na construção civil
Título em inglês
Tururi (Manicaria saccifera Gaertn.): textile characterization, processes and handicraft techniques in Amazon local community (PA - Brazil)
Palavras-chave em inglês
Amazon
Characterization
Manicaria saccifera
Textile
Tururi
Ubuçu
Resumo em inglês
In the textile industry, new sustainable products gain space and there is an increasing demand to use biodegradable materials such as natural fibers. A material with great potential is tururi (Manicaria saccifera Gaertn.). Tururi forms a network that protects the fruits that hangs from a palm tree called Ubuçu, native to the Amazon region of Brazil. The aim of this study was to narrate the extraction and processing processes in Amazonian community in the city of Muaná (Pará, Brazil) and perform the textile characterization of tururi by determining average count number, weight, tensile testing and elongation (strength, tenacity, elongation, Young's modulus), regain values, transverse and longitudinal microscopy and FTIR of the fibrous material. The main results were: i) average count number of fiber extracted from tururi 100.3±14.5 tex (CV=14.5%); ii) tensile values for fiber extracted from tururi: break load 17.7±4.2 N (CV=23.5%); break tenacity 18±3.2 cN/tex (CV=18%); elongation 10.5±2% (CV=20%); Young's modulus 3.4±0.5 N/tex (CV=14.4%); iii) weight 182±18 g/m2 (CV=10%); iv) thickness 0.71±0.10 mm (CV=14%); v) for the tensile test with strips from tururi, the values obtained were: break load 213±93 N (CV=43%); maximum tensile strength MPa 17.6±7.8 (CV=44%); break elongation 5.9%±1.0 (CV=17%); Young's modulus 552±288 MPa (CV=52%). The tests performed with the discolored tururi show results with no statistically significant difference with those made with natural material. The regain value obtained was 12.0 ±0.5% (CV=4.3%). The fibrous material microscopy showed typical morphology of cellulosic fibers. These preliminary results indicate that tururi presents employment potential in different types of textiles, fashion, handicrafts or composites, which could be used in furniture or construction
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-08-31
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.