• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2003.tde-19102004-142337
Documento
Autor
Nome completo
Herbert Lima Corrêa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2003
Orientador
Banca examinadora
Gioso, Marco Antonio (Presidente)
Lacerda, Moacir Santos de
Rodrigues Filho, Leonardo Eloy
Título em português
Análise da resistência à fratura de dentes caninos de cães (Canis familiaris) submetidos a restaurações biológicas: experimento in vitro
Palavras-chave em português
Cães
Colagem dentária
Dente
Fraturas dos dentes
Restauração dentária
Resumo em português
Para avaliação da resistência à fratura de dentes caninos de cães restaurados biologicamente (colagem de fragmento) foram utilizados 50 dentes distribuídos em cinco grupos de dez dentes cada. Com exceção dos dentes do grupo 1, que serviram de controle, os demais foram seccionados e posteriormente restaurados com o próprio fragmento (colagem) através de diferentes protocolos: Grupo 2: pino fundido (Níquel-Cromo) e cimento resinoso; Grupo 3: pino de fibra de vidro e cimento resinoso; Grupo 4: pino de fibra de carbono e cimento resinoso; Grupo 5: não foram utilizados pinos, apenas adesivo e resina composta fotopolimerizável (colagem simples). Os dentes foram, então, submetidos a teste de resistência através da aplicação de uma carga perpendicular ao longo eixo do dente na sua face lingual. Os resultados permitiram concluir que a utilização de pinos intra-radiculares teve influência significativa na resistência à fratura dos dentes colados quando comparada ao grupo de colagem simples, no entanto, foi de 45,4 %, 14,2%, 11,4% (respectivamente para os grupos 2, 3 e 4) da resistência necessária para fraturar os dentes íntegros, enquanto para o grupo 5 foi de 7,0 %. Dessa forma, nas condições deste experimento, os protocolos nos quais se utilizam pinos intra-radiculares parecem ser os mais indicados para colagem de dentes caninos fraturados.
Título em inglês
Fracture strength analysis of canine teeth restored biologically: in vitro>/I> study
Palavras-chave em inglês
Dental bonding
Dogs
Tooth
Tooth fracture
Tooth restoration
Resumo em inglês
To determine the fracture strength of canine teeth of dogs restored biologically (bondind of tooth fragment), 50 teeth were used and distributed in 5 groups of ten teeth each. The group 1 was the control (intact teeth). In the other groups the teeth were sectioned and bonded under different protocols: Group 2: cast post (Nickel-chromium) and resin luting cement; Group 3: Fiberglass post and resin luting cement; Group 4: Carbon fiber post and resin luting cement; Group 5: no post was used, only dentin adhesive and light-cured composite resin (simple bonding). The teeth were submitted to fracture strength test through the application of a perpendicular load to the tooth long axis in its lingual face. The results showed that the use of post improved significant fracture strength of bonding teeth when compared to the group of simple bonding, however this was 45.4%, 14.2%, 11.4% (respectively for the groups 2, 3 and 4) of the load necessary to fracture the sound teeth, whereas was it 7.0% in group 5. In these experimental conditions, the protocols where posts are used seem to be more indicated to bonding tooth fragment in fractured canine tooth.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
herbert.pdf (304.54 Kbytes)
Data de Publicação
2007-04-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.