• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2008.tde-09012009-155210
Documento
Autor
Nome completo
Rebeca Alves Weigel
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Sucupira, Maria Claudia Araripe (Presidente)
Ortolani, Enrico Lippi
Soares, Pierre Castro
Título em português
Avaliação do metabolismo oxidativo e da histopatologia renal e hepática de ovinos intoxicados por cobre e tratados com tetratiomolibdato e vitaminas antioxidantes
Palavras-chave em português
Avaliação anatomo-patológica
Estresse oxidativo
Intoxicação cumulativa por cobre
Ruminante
Resumo em português
Para avaliar o benefício da utilização parenteral das vitaminas C e/ou E associadas ao quelante de cobre, tetratiomolibdato de amônio (TTM), na recuperação de ovinos com intoxicação cumulativa por cobre (ICC), foram analisados os parâmetros vitais; o metabolismo oxidativo, através das concentrações séricas de ácido úrico e malondialdeído, atividade sanguínea da glutationa reduzida, habilidade de redução férrica plasmática, atividade urinária de N-acetil-β-D-glucosamidase; peso vivo, hematócrito, concentração sérica de cobre, uréia, creatinina e as alterações anatomo-patológicas de 26 ovinos da raça Santa Inês, machos, com peso médio de 25 kg e distribuídos em quatro tratamentos: apenas com TTM, TTM + vitamina C (TTM+VC), TTM + vitamina E (TTM+VE) e TTM + vitaminas C e E (TTM+VCE). A associação das duas vitaminas aumentou o tempo de recuperação renal, porém reduziu a concentração sérica de cobre. A vitamina E mostrou efeito adverso ao esperado em relação à glutationa reduzida e ao malondialdeído séricos. Em algumas variáveis, como concentração sérica de creatinina e glutationa reduzida a utilização da vitamina C proporcionou tendência para melhores resultados em relação aos demais grupos, principalmente ao que possuíam vitamina E no tratamento, coincidentemente os animais deste grupo (TTM+VC) apresentaram a maior taxa de sobrevivência. Os estudos histopatológios e histoquímicos revelaram que a principal lesão hepática encontrada foi infiltrado inflamatório. Nos rins foram freqüentes o infiltrado inflamatório, glomérulonefrite e pigmentos. Constatou-se que, embora tenham ocorrido algumas variações pontuais entre os grupos, o tratamento com TTM associado às vitaminas C e/ou E não surtiu benefícios na recuperação física dos animais nem na redução do estresse oxidativo.
Título em inglês
Evaluation of the oxidative metabolism and kidney and liver histopathology in copper intoxicated lambs treated with tetrathiomolybdate and/or antioxidative vitamins
Palavras-chave em inglês
Copper cumulative poisoning
Oxidative Stress
Pathological Anatomy
Ruminant
Resumo em inglês
The efficiency of intra muscular vitamin C (VC) and/or E (VE) associated with the classical copper chelate tetrathiomolybdate (TTM) in cumulative copper poisoning treatment was evaluated. Twenty six Santa Inês male lambs weighting 25 kg were distributed in four treatment groups (TTM; TTM+VC; TTM+VE; TTM+VCE). The oxidative metabolism was analyzed through measurement of: serum concentrations of uric acid, malondialdehyde (MDA), blood reduced glutathione, ferric reducing ability of plasma and urinary activity of N-acetyl-β-D-glucosamidase. Live weight, hematocrit; copper, urea and creatinine serum concentrations and histopathological changes were determinated. Vitamins C and E association increased the time of renal recuperation, but reduced copper serum concentration. Serum MDA raised and blood reduced glutathione concentrations diminished in animals of TTM+VE group. Serum creatinine and blood reduced glutathione concentrations had tendency of better results in TTM+VC than TTM+VE and TTM+VCE. Survival index was greater in TTM+VC. Histopathology and histochemistry showed inflammatory infiltrate in liver as well as Glomerulonephritis, inflammatory infiltrate and pigments in the kidneys, in almost all animals. The association of TTM with vitamins C and/or E didnt reduce oxidative stress and had no positive effect on treatment.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2009-01-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.