• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2015.tde-31082015-171723
Documento
Autor
Nome completo
Matheus Orlandin Frasseto
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2015
Orientador
Banca examinadora
Silva, Luis Felipe Prada e (Presidente)
Herling, Valdo Rodrigues
Meirelles, Paulo Roberto de Lima
Título em português
Avaliação da eficiência biológica e doses crescentes de adubação em pastagens de capim-marandu e capim-mombaça durante o verão e outono em sistema de cria
Palavras-chave em português
Nitrogênio
Potássio
Qualidade de forragem
Suplementação
Taxa de lotação
Resumo em português
Esse estudo foi composto por dois experimentos, o primeiro referente ao pastejo durante o período de verão e outono cujo objetivo foi avaliar a resposta de duas espécies forrageiras (capim-marandu e capim-mombaça) com doses crescentes de adubação. O segundo correspondeu ao período seco, quando os animais foram confinados com objetivo de avaliar a suplementação da silagem de cana-de-açúcar com duas fontes proteicas (farelo de soja e farelo de algodão) no desempenho animal de três categorias (vaca, novilha e bezerro). O estudo foi conduzido no Laboratório de Pesquisas em Gado de Corte (LPGC), da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade de São Paulo, campus Pirassununga. Para o experimento 1, a área experimental foi composta por 12 ha, divididos em oito módulos de pastejo (4 para o capim-marandu e 4 para o capim-mombaça), sendo utilizados 2 módulos como reserva, e cada módulo foi composto por 6 piquetes. O delineamento utilizado foi de blocos casualizados em arranjo fatorial 2x3 sendo duas espécies forrageiras (Brachiaria brizantha cv. Marandu e Panicum maximum cv. Mombaça) e três doses de adubação por ciclo de pastejo, totalizando 42, 333 e 667 kg de N e K2O ha-1 para o capim-marandu e 50, 400 e 800 kg de N e K2O ha-1 para o capim-mombaça, avaliados durante o verão e outono. Foram avaliadas as seguintes características: altura de entrada e saída das forrageiras, período de descanso, taxa de lotação, composição bromatológica de folha e colmo, relação folha/colmo/material morto e desempenho dos animais em pastejo. Para avaliação do desempenho animal, foram utilizadas 60 novilhas da raça Nelore, divididas nas seis unidades experimentais. Para ajuste da taxa de lotação, foram utilizadas vacas e novilhas do rebanho LPGC. No experimento 2 os animais foram alocados nas áreas de lazer, dos módulos de pastejo. A alimentação foi composta por silagem de cana-de-açúcar e duas fontes proteicas (farelo de soja ou farelo de algodão), sendo a relação volumoso:concentrado de 80:20. Os animais receberam alimentação ad libitum uma vez ao dia e os animais foram pesados a cada 21 dias a fim de avaliar o desempenho individual. De maneira geral, o incremento na dose de adubação aumentou linearmente (P<0,05) a altura de entrada, altura de saída, período de descanso, taxa de lotação (6,0 até 10,5 UA ha-1), PB, Lig/FDN, DIVMS, DIVFDN, proporção de colmo, e reduziu o teor de MS e folhas. O capim-mombaça apresentou menor período de descanso e teor de Lig/FDN, e maior teor de MM, FDN e Lig/FDN (P<0,05) em relação ao capim-marandu. Na estação de verão houve um aumento na altura de entrada, no teor de FDN, Lig/FDN e redução no teor de PB, DIVMS e DIFDN. Para o desempenho animal, não houve diferença entre doses de adubação (P=0,55) e espécie forrageira (P=0,07), sendo média de 0,850 kg dia-1. A suplementação com fontes proteicas apresentou efeito para a interação categoria*tratamento no CMS (P=0,03), sendo que vacas alimentadas com farelo de soja tiveram maior CMS em comparação às alimentadas com farelo de algodão. O desempenho animal não foi influenciado pelas fontes proteicas (P=0,10), no entanto houve efeito para categoria animal (P<0,05), sendo 0,677, 0,416 e 0,244 kg dia-1 para vacas novilhas e bezerros. Portanto, o uso de doses crescentes de adubação e o confinamento das categorias de cria permitiu o aumento na eficiência do uso da terra.
Título em inglês
Biological efficiency evaluation of increasing doses of fertilizers on marandu and mombaça pasture prairies during summer and autumn in a calf rearing system
Palavras-chave em inglês
Forage quality
Nitrogen
Potassium
Stocking rate
Supplementation
Resumo em inglês
This study consisted of two experiments, the first referring to rotational grazing system during the summer and fall that aimed to evaluate the response of two forage species (marandugrass and mombaça) with increasing doses of fertilizer. The second corresponded to dry season, when animals were confined to evaluate the supplementation with sugarcane silage with two protein sources (soybean meal and cottonseed meal) on animal performance of animal three categories (cow, heifer and calf). The study was conducted at the Laboratory of Research in Beef Cattle (LPGC), Faculty of Veterinary Medicine and Animal Science, University of São Paulo, campus Pirassununga. For the experiment 1, the experimental area was composed of 12 ha, divided into eight grazing modules (4 for marandugrass and 4 for mombaça), 2 of these modules were used as reservation. The design was a randomized complete block in factorial arrangement of treatments 2 x 3 with 2 forage species (Brachiaria brizantha cv. Marandu and Panicum maximum cv. Mombaça) and 3 fertilizer levels by grazing cycle, totalying 42, 333 and 667 kg N and K2O ha-1 for Marandu grass and 50, 400 and 800 kg N and K2O ha-1 for Mombaça grass evaluated during the summer and fall. The following characteristics were evaluated: pre and post-grazing sward height of forage, grazing interval, stocking rate, chemical composition of leaf and stem, leaf/stem/dead material ratio and performance of grazing animals. For evaluation of animal performance, we used 60 Nellore heifers, divided into six experimental units. To adjust the stocking rate, cows and heifers, from LPGC herd, were used. In experiment 2 the animals were kept at the resting areas of grazing modules. The feed consisted of sugarcane silage and two protein sources (soybean meal or cottonseed meal), at a forage-to-concentrate ratio 80:20. The animals were fed ad libitum once daily and weighed every 21 days to assess individual performance. Overall, the increase in the dose of fertilizer increased linearly (P < 0.05) the pre and post-grazing sward height, grazing interval, stocking rate (6.0 to 10.5 AU ha-1), PB, Lig/NDF, IVDMD, IVNDFD, stem content, and reduced DM content and leaves. The mombaça showed lower grazing interval and Lig/NDF content and higher MM content, NDF and Lig/NDF (P < 0.05) compared to brachiaria grass. In the summer season there was an increase in the pre-grazing sward height, NDF, Lig/NDF and reduced CP content and IVDMD and IVNDFD. For the animal performance, there was not differences between fertilization doses (P = 0.55) and forage specie (P = 0.07), the ADG was 0.850 kg dia-1. Supplementation with protein sources presented effect of category*treatment interaction for DMI of cows (P = 0.03), while cows fed soybean meal had higher DMI than those fed cottonseed meal. The ADG was not affected by protein sources (P = 0.10), however, there was a category effect (P < 0.05), the means was 0.677, 0.416 and 0.244 kg dia-1 for cows, heifers and calves, respectively. Therefore, the use of increasing doses of fertilizers and the feedlot of calf rearing categories increased the land use efficiency.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-09-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.