• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2014.tde-26062014-091619
Documento
Autor
Nome completo
Tiago Antônio Del Valle
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2014
Orientador
Banca examinadora
Rennó, Francisco Palma (Presidente)
Reis, Ronaldo Braga
Santos, Marcos Veiga dos
Título em português
Quitosana associada a fonte de lipídeos na alimentação de vacas em lactação
Palavras-chave em português
Aditivo
Digestibilidade
Eficiência
Leite
Rúmen
Resumo em português
Objetivou-se avaliar os efeitos da inclusão de quitosana e óleo de soja nas dietas de vacas leiteiras no terço médio da lactação, sobre o consumo e digestibilidade aparente total da matéria seca e nutrientes, fermentação e síntese de proteína microbiana ruminal, produção e composição do leite, concentrações de parâmetros sanguíneos e os balanços de energia e de nitrogênio. Foram utilizadas 24 vacas da raça Holandesa, sendo quatro canuladas no rúmen e 20 não canuladas, com 581,2 ± 73,6 kg de PC, DEL médio de 174,7 ± 53,1 e produção de leite inicial de 36,14 ± 5,32 kg de leite por dia, que foram distribuídas em seis Quadrados Latinos balanceados e contemporâneos, para receber uma das quatro dietas experimentais, obtidas pela combinação dos fatores quitosana (aproximadamente 150 mg/kg de peso corporal) e óleo de soja (3,3% da MS da dieta): C controle; Q quitosana; O óleo de soja e QO quitosana associada ao óleo de soja. Foi observada interação entre os fatores avaliados para o consumo de MS, MO, PB, FDN, CNF e NDT. O consumo foi reduzido pela inclusão de quitosana nas dietas sem óleo, enquanto que, na presença deste, a quitosana não influenciou o consumo. A inclusão de óleo de soja reduziu o consumo de MS, MO, PB, FDN, CNF e NDT e aumentou o consumo de EE, independentemente da inclusão de quitosana na dieta. A inclusão de quitosana aumentou os coeficientes de digestibilidade (CD) da MS, MO e PB e não alterou o CDFDN. O CDEE foi alterado positivamente pela inclusão de óleo de soja na dieta. Tanto a inclusão de quitosana quanto a de óleo de soja aumentaram o colesterol total sérico. Na ureia plasmática foi observada interação, onde a concentração maior foi observada na dieta Q em relação a C, não diferindo entre as dietas contendo óleo de soja (O e QO). As concentrações de AST foram influenciadas positivamente pela suplementação de óleo de soja nas dietas. Observou-se interação para eficiência de utilização da energia e do nitrogênio, onde observou-se aumento pela inclusão quitosana nas dietas sem óleo de soja e reduziram quando da inclusão em dietas contendo óleo. As inclusões de quitosana e de óleo de soja não influenciaram a síntese de proteína microbiana ruminal. A inclusão de óleo de soja aumentou a concentração de propionato e reduziu acetato e consequentemente a relação C2:C3, no rúmen. A produção de leite não foi influenciada pela inclusão de quitosana na dietas sem óleo de soja e foi reduzida quando esta foi realizada em dietas contendo óleo de soja. A eficiência de conversão da MS consumida em leite foi reduzida nas dietas contendo óleo e aumentada nas dietas sem óleo de soja, pela inclusão de quitosana. Assim, considerando principalmente o desempenho produtivo dos animais, a inclusão de quitosana nas dietas de vacas leiteiras no terço médio de lactação é viável, desde que esta não esteja associada a suplementação com fontes de lipídeos.
Título em inglês
Chitosan associated to fat source in the diet of lactating cows
Palavras-chave em inglês
Additive
Digestibility
Efficiency
Milk
Rumen
Resumo em inglês
The aim of this study was to evaluate the effects of addition of chitosan in the diets of dairy cows in lactation, containing or not soybean oil, over intake, and total apparent digestibility of dry matter and nutrients, ruminal fermentation and microbial protein synthesis, milk yield and composition, concentrations of blood parameters and energy and nitrogen balances. 24 Holstein cows were used , four rumen cannulated and 20 non-cannulated with 581.2 ± 73.6 kg of BW, DIM average of 174.7 ± 53.1 and 36,14 ± 5,32 kg per day of initial milk wield which were distributed in six Latin squares balanced and contemporary to receive one of four diets, that were obtained by a combination of factors chitosan (approximately 150 mg / kg body weight) and soybean oil (3.3% of diet DM): control (C) , chitosan (Q), soybean oil (O) and chitosan associated with soybean oil (QO). Diets The consumption was reduced by the addition of chitosan in the diets without oil, whereas the presence of this, the chitosan does not affect the intake. The addition of soybean oil reduced the intake of DM, OM , CP, NDF , NFC and TDN and increased consumption of EE, regardless of the addition of chitosan in the diet . The addition of chitosan increased the digestibility coefficients (DC) of DM, OM and CP and did not alter the NDFDC . The EEDC was changed positively by addition of soybean oil in the diet. Both the addition of chitosan as soybean oil increased the total serum cholesterol. In plasma urea interaction, where the highest concentration was observed in the diet Q over C , did not differ between diets containing soybean oil (O and QO) was observed. AST concentrations were affected by supplementation of soybean oil in the diets. Observed interaction for efficient use of energy and nitrogen, which showed increase by adding chitosan in diets without soybean oil and reduced upon addition in diets containing oil. The experimental diets did not affect the synthesis of rumen microbial protein. The addition of soybean oil increased the concentration of propionate and acetate and thus reduced the ratio C2:C3 rumen. Milk production was not affected by the addition of chitosan in the diets without soybean oil, and was reduced on diets containing soybean oil. The conversion efficiency of DM intake in milk was reduced in diets containing oil and increased in diets without soybean oil, adding the chitosan. Thus, considering mainly the productive performance of the animals, the addition of chitosan in the diets of dairy cows in mid lactating is feasible, provided that this is not associated with supplementation with lipid sources.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-08-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.