• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2004.tde-23082007-115654
Documento
Autor
Nome completo
Ana Lucia Sicchiroli Paschoal Cardoso
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2004
Orientador
Banca examinadora
Albuquerque, Ricardo de (Presidente)
Faria, Douglas Emygdio de
Trindade Neto, Messias Alves da
Título em português
Influência de níveis de zinco e vitamina E, isolados e associados, sobre o desempenho e a resposta imunológica humoral em frangos de corte
Palavras-chave em português
Formação de anticorpos
Frangos de corte
Frangos de corte (rendimento)
Vitamina E
Zinco
Resumo em português
O objetivo deste experimento foi verificar a influência de diferentes níveis de inclusão nas rações de frangos de corte de vitamina E (Vit E) (0, 12 e 120mg/kg) e do zinco (Zn) (0, 40 e 400mg/kg), isolados e associados, sobre resposta imunológica humoral das aves e sua influência sobre o desempenho e rendimento de carcaça. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso em esquema fatorial 3 X 3, com 9 tratamentos e 4 repetições. Para tanto, utilizaram-se 1440 pintos de um dia de idade, metade de cada sexo, distribuídos em 36 parcelas experimentais com 40 aves cada. Os frangos foram criados de 1 a 42 dias de idade, vacinados contra a doença de Newcastle, cepa LaSota, no 14º dia de vida e foram abatidos aos 43 dias de idade. A resposta imunológica humoral dos frangos foi avaliada mediante os testes ELISA e HI no período pré-vacinal aos 14 dias de idade, e pós-vacinal aos 28, 35 e 41 dias de idade das aves. Os dados de desempenho e rendimento de carcaça foram submetidos à análise de variância realizada pelo PROC GLM do SAS. Os dados referentes à resposta imunológica humoral foram analisados através do PROC MIXED do SAS. O aumento da suplementação de zinco na dieta dos frangos de corte resultou em melhoria significativa (p<0,05) no ganho de peso diário das aves no período total de criação, e no ganho médio de peso vivo dos frangos nas fases inicial e de crescimento e no período total de criação. O consumo de ração pelos frangos foi influenciado pelos níveis de Zn utilizados em todas as fases e no período total de criação dos frangos, observando-se uma diminuição da ingestão alimentar nos frangos que receberam 400mg/kg de Zn, exceto na fase final de criação. Os tratamentos utilizados não influenciaram a conversão alimentar, a mortalidade e os parâmetros do rendimento de carcaça. A interação entre os maiores níveis do Zn e da Vit E na ração proporcionou os maiores títulos de anticorpos mediante o uso do teste ELISA, referentes aos 14º, 28º, 35º e 41º dias de idade dos frangos. O aumento dos níveis do Zn e da Vit E isolados na ração promoveu maiores títulos de anticorpos hemaglutinantes, através do teste HI, referentes ao 14º, 28º e 35º dias de idade dos frangos. No 41º dia de idade das aves, a interação entre os maiores níveis de Zn e Vit E, proporcionou os maiores títulos de anticorpos.
Título em inglês
Influence of zinc levels and vitamin E, isolated and associated, on the performance and the humoral immune response in broilers
Palavras-chave em inglês
Broilers
Broilers (yield)
Formation of antibodies
Vitamin E. Zinc
Resumo em inglês
The objective of this experiment was to verify the influence of different inclusion levels in the rations of broilers of vitamin E (Vit E) (0, 12 and 120mg/kg) and of the zinc (Zn) (0, 40 and 400mg/kg), isolated and associated, on humoral immune response of the birds and her influence on the performance and carcass yield.The used experimental design was it of blocks at random in factorial outline 3 x 3, with 9 treatments and 4 repetitions. For so much, it was used 1440 chicks of a day of age, half of each sex, distributed in 36 experimental portions with 40 birds each. The chickens were created from 1 to 42 days of age, vaccinated against the disease of Newcastle, stump LaSota, in the 14th day of life and they were slaughtered to the 43 days of age. The humoral immune response of the chickens was evaluated by the tests ELISA and HI in the period pre vaccinal to the 14 days of age, and post vaccinal to the 28, 35 and 41 days of age of the birds. The performance data and carcass yield were submitted to the variance analysis accomplished by PROC GLM of the SAS. The referring data to the humoral immune response were analyzed through PROC MIXED of the SAS. The increase of the supplementation of zinc in the diet of the broilers resulted in significant improvement (p<0,05) in the earnings of daily weight of the birds in the total period of creation, and in the medium earnings of alive weight of the chickens in the phases initial and of growth and in the total period of creation. The ration consumption for the chickens was influenced by the levels of zinc used in all of the phases and in the total period of creation of the chickens, being observed a decrease of the alimentary ingestion in the chickens that received 400mg/kg of Zn, except in the final phase of creation. The used treatments didn't influence the alimentary conversion, the mortality and the parameters of the carcass yield. The interaction among the largest levels among the Zn and of the Vit E in the ration provided the largest titles of antibodies by the use of the test ELISA, regarding the 14th, 28th, 35th and 41st days of age of the chickens. The increase of the levels of the Zn and of the Vit E isolated in the ration promoted larger titles of antibodies hemagglutinants, through the HI test, regarding the 14th, 28th and 35th days of age of the chickens. In the 41st day of age of the birds, the interaction among the largest Zn levels and of Vit E, it provided the largest titles of antibodies.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-02-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.