• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2009.tde-23042009-113856
Documento
Autor
Nome completo
Erika Rosendo de Sena Gandra
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2009
Orientador
Banca examinadora
Trindade Neto, Messias Alves da (Presidente)
Albuquerque, Ricardo de
Budiño, Fábio Enrique Lemos
Título em português
Relação lisina digestível: energia metabolizável em dietas de suínos dos 24 aos 50 kg criados em condições de segregação sanitária: desempenho, digestibilidade e metabolismo, imunidade (parâmetros sanguíneos)
Palavras-chave em português
Aminoácido
Crescimento
Digestibilidade
Parâmetros sanguíneos
Suíno
Resumo em português
Avaliou-se a relação lisina digestível: energia metabolizável em dietas de machos castrados e marras dos 24 aos 50 kg. O delineamento experimental usado foi blocos ao acaso, com cinco tratamentos, oito repetições, um animal por unidade experimental no ensaio de desempenho e quarto repetições e um animal por unidade experimental no de metabolismo. Nos parâmetros sanguineos, foi usado delineamento inteiramente casualizado, quarto repetições por sexo e um animal por unidade experimental. Os tratamentos foram 0,80; 0,90; 1,00; 1,10 e 1,20% de lisina digestível. Avaliaram-se as características de desempenho, digestibilidade e metabolismo e os parâmetros sanguineos. Houve efeito quadrático do nível de lisina digestível no peso dos suínos e na conversão alimentar das fêmeas. O ganho de peso relativo, a eficiência de proteína bruta e a conversão alimentar melhoraram linearmente para machos castrados. Constatou-se efeito quadrático do aminoácido na excreção e retenção do nitrogênio urinário, efeito também observado na energia excretada na urina e energia digestível. No perfil de neutrófilos de machos castrados e na relação neutrófilo x linfócito de ambos os sexos houve resposta quadrática do teor dietético de lisina. Comparado ao grupo controle, constatou-se efeito positivo da segregação sanitária. O máximo desempenho de machos castrados e fêmeas dos 24 aos 50 kg, do genótipo estudado, foi obtido com 1,08% de lisina digestível, no entanto o valor médio corrigido pelo ensaio de digestibilidade e metabolismo sugere 0,910% ou 17,1 g do aminoácido por dia ou 2,72 g/Mcal de EM. Quanto à segregação sanitária, as fêmeas apresentaram maior resistência à exposição de patógenos, caracterizando menor susceptibilidade a esse tipo de estresse.
Título em inglês
Relationship between digestible lysine and metabolizable energy in gilts diets from 24 at 50 kg in sanitary segregation: performance, digestibility and metabolism, immunity (blood parameters)
Palavras-chave em inglês
Amino acid
Blood parameters
Digestibility
Growth
Swine
Resumo em inglês
It was studied the relationship between digestible lysine and metabolizable energy in barrows and gilts diets 24 at 50 kg body weight. The design used was randomized blocks, five treatments, eight replications, an animal for experimental unit in performance assay and four replications and an animal for experimental unit in metabolism. In blood profile assay were used design completely randomized, four replications for sex and one animal for experimental unit. The treatments were 0.80, 0.90, 1.00, 1.10 and 1.20% of digestible lysine. Performance caracteristics, digestibility and metabolism and the blood profile was studied. Quadratic effect of digesltible lysine levels was observed in body weight in swine and in feed conversion in gilts. The relative body gain, crudo protein eficience and feed conversion make better linearly for barrows. There was quadratic effect of amino acid in nitrogen excretion and retention, this effect was observed too in urine excreted energy and digestible energy. In barrows neutrophil profile and in neutrophil/lymphocyte ratio for both sexes, were quadratic response by lysine dietary. Compared with control group, there was positive effect of segregation health. The maximum barrows and gilts performance from 24 to 50 kg, by studied genotype, was obtained with 1.08% lysine digestible, but the average value corrected for digestibility and metabolism suggests 0,910% or 17.1 g amino acid per day or 2.72 g/Mcal of ME. About sanitary segregation, gilts showed greater patogens resistence with less susceptibility to stress.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2009-06-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.