• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.10.2018.tde-20022018-142816
Documento
Autor
Nome completo
Marcos André Arcari
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Santos, Marcos Veiga dos (Presidente)
Bueno, Ives Cláudio da Silva
Rennó, Francisco Palma
Saran Netto, Arlindo
Sousa, Dannylo Oliveira de
Título em português
Efeito da vitreosidade, granulometria e inoculante bacteriano sobre a composição e qualidade de silagens de milho e sorgo reidratados
Palavras-chave em português
Amido
Ensilagem
Granulometria
Proteína
Vitreosidade
Resumo em português
Estudos prévios indicaram que a reidratação e ensilagem de milho moído aumentam a digestibilidade do amido de acordo com o avanço do tempo de ensilagem. Deste modo, a substituição do milho seco moído por silagem de milho reidratado (SMR) na dieta de vacas leiteiras pode aumentar a digestibilidade do amido e da proteína dos grãos, e consequentemente o desempenho de vacas leiteiras. Entretanto, ainda não foram realizados estudos que avaliaram a influência da granulometria, uso de inoculante bacteriano e vitreosidade de grãos de milho e sorgo sobre a composição, qualidade e digestibilidade da SMR ao longo do tempo de ensilagem. Além disso, são escassos os estudos sobre a inclusão de silagem de milho reidratado em dietas de vacas leiteiras com variação do teor de PB e de proteína degradável no rúmen (PDR). Para investigar a influência do uso de inoculante, da granulometria, do teor de vitreosidade e do tempo de ensilagem sobre as características de composição da silagem de milho e sorgo reidratado e da variação do teor e degradabilidade da proteína em dietas de vacas leiteiras que utilizam SMR foram desenvolvidos um conjunto de 5 experimentos. As variáveis resposta avaliadas foram o desempenho produtivo e balanço de nitrogênio de vacas leiteiras alimentadas com SMR (Exp 1 e 2) e a composição química, o perfil fermentativo e a digestibilidade do amido e da proteína da silagem ao longo do período de ensilagem (Exp 3, 4 e 5). Desta forma, este estudo foi organizado em 5 experimentos sequenciais, sendo dois (Exp. 1 e 2) com uso de vacas em lactação e os demais (Exp. 3, 4 e 5) com o uso de mini-silos experimentais. Os objetivos específicos dos Exp. 1 e 2 foram avaliar o efeito de: 1) teor de proteína bruta (130, 160 e 180 g PB/kg MS) em dietas de vacas leiteiras com substituição total do milho seco moído por SMR, 2) teor de proteína degradável no rúmen (PDR) por meio da variação do teor de ureia da dieta de vacas leiteiras (80, 100 e 120 g PDR/kg PB) com substituição total do milho seco moído por SMR. Para os Exp. 1 e 2, foram utilizadas 15 vacas Holandesas em estágio intermediário de lactação (> 100 < 200 dias), com peso vivo de aproximadamente 550 kg, distribuídas em delineamento quadrado latino com 5 quadrados contemporâneos 3 × 3 com 3 períodos de 21 dias e 3 tratamentos. As vacas foram alojadas em estábulo tipo free-stall, alimentadas duas vezes ao dia com controle individual de consumo de alimentos e regime de duas ordenhas/dia. Nos Exp. 1 e 2, as variáveis resposta avaliadas foram: consumo de nutrientes, digestibilidade aparente total, produção e composição do leite, parâmetros fermentativos do rúmen e balanço de nitrogênio. Os Exp. 3, 4 e 5 foram realizados em mini silos experimentais (500g) com silagem de milho e sorgo reidratados, cujos objetivos foram avaliar sobre as variáveis resposta, respectivamente, o efeito de: 3) do teor de vitreosidade (baixo, médio e alta) de 3 cultivares de milho, da inclusão de inoculante (Lactobacilus buchneri) ou não e do tempo de ensilagem (0, 15, 30, 60, 120, 240 e 400 dias); 4) granulometria (inteiro, 8, 2 e 1mm) de milho alta vitreosidade, do uso de inoculante (controle ou Lactobacilus buchneri) e do tempo de ensilagem (0, 15, 30, 60, 120, 240 e 400 dias); 5) granulometria (8, 2 e 1mm) de 1 cultivar de sorgo, do uso de inoculante (Controle; Lactobacilus buchneri; Lactobacilus plantarum e Pediococus acidilactici e Lactobacilus buchneri (50%) + Lactobacilus plantarum e Pediococus acidilactici (50%)) e do efeito do tempo de ensilagem (0, 15, 30, 120 e 360 dias). As variáveis resposta analisadas nos experimentos 3, 4 e 5 foram a composição química da silagem (MS, PB, proteína solúvel, amido, N-NH3, pH) e digestibilidade in situ em 7 horas do amido e da proteína da silagem. Para o experimento 5 foram ainda avaliados a produção e composição dos gases de fermentação. A silagem de grãos de milho e sorgo reidratados apresentaram características peculiares de fermentação e aumento de digestibilidade de acordo com o tamanho de partícula, vitreosidade, uso de inoculante ao longo do tempo de ensilagem. Os resultados observados no presente conjunto de experimentos sugerem que particularidades inerentes ao processamento prévio a ensilagem, inoculação ou aos híbridos utilizados para confecção da silagem podem influenciar na melhoria da conservação e digestibilidade da silagem. Além disso, o uso de silagem de milho reidratado, mesmo apresentando alta digestibilidade aparente total do amido, não possibilitou o uso de menor teor de PB ou maior teor de PDR que aqueles preditos pelo NRC 2001.
Título em inglês
Effect of vitreousness, granulometry and bacterial inoculant on the composition and quality of rehydrated corn and sorghum silages
Palavras-chave em inglês
Granulometry
Protein
Silage
Starch
Vitreousness
Resumo em inglês
Previous studies have indicated that the inclusion of ground rehydrated corn silage (RCS) in dairy cows diet can increase the starch digestibility and the grain protein, increasing the dairy cows performance. However, no studies were carried out to evaluate the influence of grain particle size, bacterial inoculant use and grain vitreousness of corn and sorghum on the composition, quality and digestibility of RCS throughout the ensiling time. In addition, there are few studies about inclusion of RCS in dairy cows diet with some variation of CP content and rumen degradable protein (RDP). To investigate the influence of inoculant use, granulometry, vitreousness content and ensilage time on the chemical composition of ground rehydrated corn and sorghum silage, and the protein content variation and degradability in dairy cow diets, there were developed a set of 5 experiments. The variables evaluated were the productive performance and nitrogen balance of dairy cows fed RCS (Exp 1 and 2) and the chemical composition, fermentative profile and digestibility of the silage and starch during the ensiling time (Exp 3, 4 and 5). Thus, this study was organized in 5 sequential experiments, in which two of them (Exp. 1 and 2) used lactating cows and the others (Exp 3, 4 and 5) used experimental mini silos. The specific objectives of Exp. 1 and 2 were to evaluate the effect in dairy cows diet of: 1) CP content (130, 160 and 180 g CP/kg DM) with total substitution by RCS, 2) RDP content by urea content variation (80, 100 and 120 g RDP / kg PB) with total substitution of ground dry corn by RCS. For Exp. 1 and 2, there were used 15 Holstein cows in third lactation (> 100 <200 days), approximately 550 kg BW, distributed in a 3 × 3 latin square design with 5 contemporary squares, with 3 periods of 21 days and 3 treatments. The cows were alocated in a free-stall, fed twice a day with a feed intake individual control and twice milking per day. In Exp. 1 and 2, the variables evaluated were: nutrient intake, total apparent digestibility, milk yield and composition, rumen fermentative parameters and nitrogen balance. The experiments 3, 4 and 5 were carried out in experimental mini silos (500g) with rehydrated corn and sorghum silages, that aimed to evaluate the effect of: 3) the vitreousness content (low, medium and high) of corn cultivars, the inclusion of inoculant (Lactobacilus buchneri) or not and the ensilage time (0, 15, 30, 60, 120, 240 and 400 days); 4) granulometry (whole, 8, 2 and 1mm) of high vitreousness corn, the inclusion or not of inoculant (Lactobacilus buchneri) and the ensilage time (0, 15, 30, 60, 120, 240 and 400 days); 5) granulometry (8, 2 and 1 mm), bacterial inoculant (Lactobacillus buchneri, Lactobacillus plantarum and Pediococus acidilactici and Lactobacillus buchneri (50%) + Lactobacilus plantarum and Pediococus acidilactici (50%)) and the ensiling time (0, 15, 30, 120 and 360 days) of rehydrated sorghum grain. The variables analyzed in experiments 3, 4 and 5 were the chemical composition of silage (DM, CP, soluble protein, starch, N-NH3 and pH) and 7-hour in situ digestibility of the starch and silage protein. For the experiment 5, the production and composition of the rumen fermentation gases were also evaluated. The rehydrated corn and sorghum silages has particular characteristics of fermentation and increase the digestibility according to the particle size, vitreousness and use of inoculant throughout the ensiling time. The results observed in the present set of experiments suggest that the particularities associated with the previous ensiling process, inoculation or the hybrids used to make the silage may influence the conservation and the digestibility. In addition, the use of rehydrated corn silage, even with high starch apparent total digestibility, did not allow the use of lower CP content or higher RDP content than those predicted by NRC 2001.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-03-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.