• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2010.tde-13012012-091631
Documento
Autor
Nome completo
Julianne de Rezende Naves
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2010
Orientador
Banca examinadora
Santos, Marcos Veiga dos (Presidente)
Rennó, Francisco Palma
Saran Netto, Arlindo
Título em português
Utilização de fontes nitrogenadas com diferentes taxas de degradabilidade em dietas à base de cana-de-açúcar para vacas leiteiras
Palavras-chave em português
Consumo e Digestibilidade
Fontes nitrogenadas
Parâmetros metabólicos sanguíneos
Produção e composição do leite
Vacas leiteiras
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito da degradabilidade de fontes nitrogenadas em rações de vacas leiteiras, utilizando volumoso à base de cana-de-açúcar, sobre o consumo e digestibilidade dos nutrientes, fermentação ruminal, produção e composição do leite, composição da fração proteica do leite, e parâmetros sanguíneos. Foram utilizadas 12 vacas da raça Holandesa, agrupadas em três quadrados latinos balanceados 4x4, com período experimental de 21 dias, sendo nos 7 últimos dias as coletas. Os animais foram alimentados com rações isoproteicas (15,7% de PB): a) Controle - 66,25% PDR, 33,75 % PNDR, farelo de soja e ureia; b) Alta degradabilidade 71,33% PDR, 29,29% PNDR, farelo de soja e alta concentração de ureia (1,71% da MS); c) Média degradabilidade - 69,42% PDR, 31,21% PNDR, soja crua em grão como fonte proteica e d) Baixa degradabilidade 62,42% PDR, 37,57% PNDR, farelo de glúten de milho como fonte proteica. As amostras utilizadas para análise de composição do leite foram coletadas nos quatro últimos dias consecutivos de cada período experimental. As amostras de líquido ruminal foram coletadas por sonda esofágica três horas após a alimentação matinal. A digestibilidade foi determinada por meio de indicador interno FDAi. Houve aumento de consumo de extrato etéreo nas vacas alimentadas com a ração contendo grão de soja, fonte nitrogenada com média degradabilidade, em relação aos demais tratamentos. Houve redução na digestibilidade aparente total das proteínas nas rações de média degradabilidade. Não houve efeito das rações utilizadas nos valores de pH ruminal, três horas após a alimentação. Neste mesmo tempo, a concentração de nitrogênio amoniacal ruminal foi menor para as vacas que receberam grão de soja nas rações. Entre as rações nitrogenadas controle e as que possuem diferentes degradabilidades, a ração com grão de soja resultou em redução da produção de leite corrigida para 3,5% de gordura e produção de gordura. Houve aumento no teor e produção de proteína para a ração controle, dentre as demais. Os teores de proteína bruta no leite, nitrogênio não caseinoso e proteína verdadeira foram maiores para vacas alimentadas com ração controle. As concentrações de colesterol total e colesterol-HDL foram maiores para as vacas alimentadas com rações contendo grão de soja. As concentrações de ureia e nitrogênio ureico no soro foram menores nas dietas com grão de soja. Estas concentrações quando no leite foram semelhantes entre as rações utilizadas. Os parâmetros de síntese proteica não foram alterados com as rações experimentais. A utilização de fontes nitrogenadas com diferentes degradabilidades nas rações de vacas leiteiras, com volumoso cana-de-açúcar, não altera o consumo e o desempenho produtivo, mas altera o teor de proteína bruta e verdadeira do leite. O uso do grão de soja como fonte proteica reduz a digestibilidade aparente total da proteína.
Título em inglês
Feeding nitrogen sources with different degradability rates in sugar cane based diets for dairy cows
Palavras-chave em inglês
Blood parameters
Dairy cows
Intake and digestibility
Milk yield and composition
Nitrogen Sources
Resumo em inglês
This study was carried out to evaluate the effect of degradability of dietary protein sources for dairy cows, using sugar cane based diets on intake and nutrients digestibility, ruminal fermentation, milk yield and composition, milk protein fraction composition, and blood parameters. Twelve Holstein cows were allocated in three balanced latin square 4x4, with experimental period of 21 days and 7 last days for data collection. Animals were fed the following rations isoproteic (15,7% CP): a) control - 66,25% RPD, 33,75 % RUP, soybean meal and urea; b) high degradability - 71,33% RPD, 29,29% RUP, soybean meal and high concentration of urea ( 1,71% of DM); c) medium degradability - 69,42% RPD, 31,21% RUP, raw soybeans and, d) low degradability 62,42% RPD, 37,57% RUP, corn gluten meal as the protein source. Milk samples for composition analysis were collected during the last four consecutives days in each period. Ruminal fluid samples were collected using an esophageal probe three hours after the morning fedding. Digestibility was determined using ADFi as an internal indicator. There was an increase in ether extract intake in cows fed raw soybean ration, compared with other treatments. It was observed a reduction in apparent digestibility of CP in the diets of medium degradability. It was not observed effects of treatments in ruminal pH, however, concentration of ruminal ammonia was lower for cows fed whole soybeans. Cows fed raw soybean produced less 3,5% fat milk and lower fat yield. Milk crude protein and protein yield was higher for cows fed control diet. Milk crude protein, non-casein nitrogen and true protein were higher for cows fed control diet. Concentrations of total cholesterol and cholesterol-HDL were higher for cows that received soybean, compared with the others treatments. Concentrations of urea and serum urea nitrogen were lower in cows fed soybean ration. The concentrations of urea and milk urea nitrogen were similar between the treatments. Feeding nitrogen sources with different degradability rates in sugar cane based diets for dairy cows not change intake and production performance but change milk crude protein and true protein. Feeding soybean as protein source decreases protein total apparent digestibility.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-09-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.