• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Sandra Helena Ramiro Corrêa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Ferreira Neto, José Soares (Presidente)
Cruz, João Batista da
Ferreira, Fernando
Guimarães, Marcelo Alcindo de Barros Vaz
Pozzetti, Patricia Silvia
Título em português
Estudo epidemiológico de doenças infecciosas em anatídeos da Fundação Parque Zoológico de São Paulo
Palavras-chave em português
Anatídeo
Aves migratórias
Doenças infecciosas
Vigilância epidemiológica
Zoológico
Resumo em português
Anseriformes mantidos em lagos de zôos e parques estão sob constante risco de exposição às doenças presentes nas populações de aves migratórias, que dividem com eles o mesmo local durante um determinado período todos os anos. São doenças que podem ter implicações para as aves cativas, para a população humana que tem contato com essas aves e para os plantéis de produção. Assim, ações de vigilância, com o objetivo de detectar rapidamente determinadas doenças, representam alternativas interessantes para se fazer gestão de risco. O objetivo do presente estudo foi pesquisar a presença de agentes etiológicos selecionados na população de Cisnes Negros (Cygnus atratus), mantida nos lagos da FPZSP, visto que essa população tem contato com as seguintes aves migrantes que visitam a FPZSP todos os anos: irerês (Dendrocygna viduata), marreca caneleira (Dendrocygna bicolor) e marreca asa de seda (Amazoneta brasiliensis). Assim, foram colhidos suabes de traquéia e cloaca de uma amostra capaz de detectar doença com prevalência estimada em 1% para um nível de confiança de 95%. Além disso, foi realizado um estudo retrospectivo (2001 a 2006) das principais causas de morte nessa população. As principais causas de mortalidade registradas em 184 registros analisados foram: desvio de tendão extensor tarso-metatarsiano (37, 20,1%), desnutrição (20, 10,9%), problemas hepáticos (17, 9,2%), traumas (15, 8,2%), problemas respiratórios (8, 4,3%), septicemias (6, 3,3%), intoxicações (5, 2,7%) e problemas gastrointestinais (3, 1,6%). Um terço das carcaças (62, 33,7%) foi encontrado em estado de putrefação. A taxa de mortalidade foi decrescente de 2001 a 2006 e apresentou sazonalidade, sendo maior entre os meses de novembro a maio. No momento das coletas, não houve nenhuma evidência clínica ou laboratorial da presença dos seguintes agentes: Pasteurella multocida., Salmonella sp., Chlamydophila psittaci, Orthomixovírus (Influenza Aviária), Paramixovirus (Doença de Newcastle) e Coronavirus (Bronquite Infecciosa).
Título em inglês
Epidemiological study of infectious diseases on waterfowls from Fundação Parque Zoológico de São Paulo
Palavras-chave em inglês
Epidemiology
Infectious diseases
Migratory birds
Waterfowl
Zoo
Resumo em inglês
Waterfowls housed in ponds of zoos and parks are under constant risk of exposure to pathogens of migratory birds that visit these places every year. Some of them involving zoo animals and humans. The spread of particular diseases may also become a serious threat for domestic poultry. So, surveillance, focused in early detection of some diseases, can be an interesting tool to do risk management. The goal of the present work was to search the presence of some select pathogens in the captive black swan population (Cygnus atratus) present in the ponds of the Fundação Parque Zoológico de São Paulo (FPZSP), because these animals have contact with the following free-living waterfowls: white-faced whistling-duck (Dendrocygna viduata), fulvous whistling-duck (Dendrocygna bicolor) e brasilian teal (Amazoneta brasiliensis). Swabs of trachea and cloaca were sampled from 239 animals, the sample size required for detecting disease present in at least 1% of the animals (CI = 95%). Moreover, a retrospective study was done about the causes of death to the period from 2001 to 2006. The mainly causes of black swan death in FPZSP were: slipped tendon (37/184, 20,1%), malnutrition (20/184, 10,9%), hepatic problem (17/184, 9,2%), trauma (15/184, 8,2%), respiratory problem (8/184, 4,3%), septicemias (6/184, 3,3%), intoxication (5/184, 2,7%) e gastro-intestinal problems(3/184, 1,6%). One third of the carcass (62/184, 33,7%) was in autolysis. The mortality presented peaks of occurrence from november to may and a decreasing trend from 2001 to 2006. At the moment of the sampling, there was no clinical or laboratorial evidence of the infection by the following pathogens: Pasteurella multocida., Salmonella sp., Chlamydophila psittaci, Orthomixovírus (Avian Influenza), Paramixovirus (Newcastle Disease) e Coronavirus (Infectious Bronchitis).
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-04-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.