• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.10.2016.tde-23032015-103101
Documento
Autor
Nombre completo
Rafael Garabet Agopian
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2014
Director
Tribunal
Liberti, Edson Aparecido (Presidente)
Fernandes Filho, Antonio
Pompeu, Eduardo
Santos, Caio Rodrigues dos
Título en portugués
Estudo morfométrico em rins de felinos domésticos (Felis catus)
Palabras clave en portugués
Felis catus
Colágeno
Envelhecimento
Estereologia
Rim
Resumen en portugués
A saúde renal tem ao longo dos últimos anos chamado atenção dos médicos veterinários, pois o comprometimento deste órgão na insuficiência renal crônica se apresenta como a maior causa de morbidade e mortalidade em felinos. O presente estudo propõe a caracterização biométrica dos rins de gatos, Felis catus, sob os aspectos macroscópico (comprimento, altura, largura, peso e volume), mesoscópico (altura do córtex e da medula, e a sua inter-relação) e microscópica (volume glomerular), a fim de se estabelecer possíveis diferenças decorrentes de idade, sexo e simetria bilateral. Foram utilizados, rins de 30 animais da espécie Felis catus (gato deméstico), sendo 15 machos e 15 fêmeas com idade variando entre 3 meses a 15 anos, divididos em três grupos: grupo 1 (3 a 9 meses), grupo 2 (3 a 5 anos) e grupo 3 (acima de 10 anos). Os rins foram fotografados, pesados, mensurados e processados para histologia. O volume glomerular foi obtido através de estereologia. Os dados macroscópicos permitiram observar uma imparcialidade morfométrica e morfológica quando comparados os lados, independente do grupo e do sexo, sobre o comprimento, altura, largura, peso e volume dos rins. Para o sexo foi detectado diferença significante entre machos e fêmeas independente da faixa etária para comprimento, altura, peso e volume, com exceção da largura. Considerando a idade houve diferença significativa para todos os parâmetros: comprimento, altura, largura, peso e volume. Nas mensurações de córtex, medula e sua inter-relação, quando considerada a simetria bilateral, não foi detectada diferença significante entre rim direito e esquerdo. Para o sexo, não foi detectada diferença entre machos e fêmeas na mesoscopia no córtex, na medula e na inter-relação córtex / medula. Quanto à idade, a mensuração da altura do córtex e a inter-relação córtex / medula apresentou diferença significante, porém essa diferença não foi estabelecida para a medula do rim. Foram encontradas diferenças significantes entre grupos e entre machos e fêmeas, em relação ao volume ocupado pelo glomérulo no parênquima renal. Em todas as técnicas biométricas utilizadas não foram detectadas diferenças entre os rins direito e esquerdo. As mensurações macroscópicas mostraram que machos apresentaram um rim maior em comprimento, altura, largura, peso e volume do que as fêmeas. A faixa etária está diretamente relacionada ao tamanho do rim, que cresce em todas as dimensões, fica mais pesado e com maior volume quando comparados jovens e adultos, e se mostra estável morfometricamente em relação aos adultos e senis. O parênquima renal não difere entre os sexos, mas a altura do córtex e a relação com a medula aumentam com a idade. O volume do glomérulo renal é maior em machos do que em fêmeas e também aumenta em relação à idade. Os rins mostraram um predomínio de colágeno tipo I nos animais do grupo 1 e 2, e colágeno tipo III nos animais do grupo 3
Título en inglés
Morphometric study in kidneys of cats (Felis catus)
Palabras clave en inglés
Felis catus
Aging
Collagen
Kidney
Stereology
Resumen en inglés
Renal Health has over the last few years called attention from veterinarians because of the commitment of this organ in chronic renal failure presents itself as a major cause of morbidity and mortality in cats. This paper proposes biometric characterization of the kidneys from cats, Felis catus, on the macroscopic aspects (length, height, width, weight and volume), mesoscopic (height of the cortex and medulla, and their inter-relationship) and microscopic (glomerular volume) in order to establish possible differences arising from age, gender and bilateral symmetry. It where used 30 kidneys of animals from specie Felis Catus (cat), 15 males and 15 females with ages between 3 months to 15 years, divided into three groups: group 1 (3-9 months), group 2 (3 - 5 years) and group 3 (above 10 years). The kidneys were photographed, weighed, measured and processed for histology. The glomerular volume was obtained by stereology. The macroscopic data allowed to observe a morphometric and morphologic impartiality when compared sides, regardless of group and sex, about the length, height, width, weight and kidney volume. Significant difference was detected between males and females regardless of age for length, height, weight and volume, except for the width. There was a significant difference for all parameters considering the age: length, height, width, weight and volume. Wasnt detected signficant diferences between left and right kdney measurements of cortex, medulla and their inter-relationship, when considered bilateral symmetry. No difference was detected between males and females in mesoscopy in the cortex, medulla and cortex interrelationship cortex / medulla. Regarding age, the measurement of the height of the cortex and the interrelationship cortex / medulla showed a significant difference, but this difference was not established to the medulla of the kidney. Significant differences were found between groups, males and females, compared to the volume occupied by the glomerulus on the parenchyma renal. In all of biometric techniques there wasnt differences between right and left kidneys. The macroscopic measurements showed that males had larger kidney when compared length, height, width, weight and volume than females. The age range is directly related to the size of the kidney, which grows in all dimensions, gets heavier and with higher volume when compared young adults, and shows morphometry stability in relation to adults and senile. The renal parenchyma did not differ between the sexes, but the height of the cortex and the medulla ratio increases with age. The volume of the renal glomerulus is higher in males than in females and also increases in with the age. The kidneys showed a predominance of type I collagen in group 1 and 2, and type III collagen in group 3
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2016-04-15
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2019. Todos los derechos reservados.