• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2007.tde-14022008-131838
Documento
Autor
Nome completo
Gerlane de Medeiros Costa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Kfoury Junior, José Roberto (Presidente)
Carvalho, Ana Flávia de
Papa, Paula de Carvalho
Título em português
Estudo histomorfológico e análise dos perfis celulares do rim cefálico, fígado, baço e timo do Piaractus mesopotamicus (Holmberg, 1887, Teleósteo, Characidae), pacu
Palavras-chave em português
Piaractus mesopotamicus
Células hematopoiéticas
Órgãos linfóides
Resumo em português
O pacu, Piaractus mesopotamicus, é um teleósteo da Família Characidae, intensivamente cultivado no Brasil por causa de sua rusticidade, crescimento rápido e fácil adaptação, além de seu excelente sabor. Para uma melhor produção de peixes, informações sobre seu sistema imunológico incluindo a histologia dos órgãos linfóides se faz necessária. Sendo assim, o objetivo deste estudo foi descrever histomorfologicamente os órgãos linfóides: rim cefálico, fígado, baço e timo do Piaractus mesopotamicus, analisando os perfis celulares de cada órgão. Foram utilizados 30 animais juvenis, com idade que variaram entre 5 meses a um ano, com peso médio de 588.1 g e comprimento total médio de 27,51 cm. Os órgãos foram pós-fixados em solução de paraformaldeído 4% e Karnovsky, depois desidratados, diafanizados em xilol e incluídos em parafina. Os cortes foram obtidos com uma espessura de 4µm e corados em hematoxilina-eosina. Os esfregaços sanguíneos foram corados em Giemsa-May Grünwald para microscopia de luz. Para microscopia eletrônica de transmissão as amostras fixadas em Karnovsky foram lavadas em sacarose e pósfixadas em tetróxido de ósmio 1%, desidratadas e emblocadas em resina Spurr. O resultado da análise macroscópica mostra que a distribuição do rim, rim cefálico, timo, fígado e baço são as mesmas encontradas na maioria dos teleósteos. Quanto à forma desses órgãos, o fígado apresentou uma variação anatômica na forma e números de lobos, sendo constituído por três lobos. O rim apresentou uma forma em "H", onde a região central deste se expandia sobre a bexiga natatória. O rim cefálico, em animais com idade mais avançada, se apresentou como uma dilatação na região cranial do rim, se mostrando bem visível. O timo e o baço apresentaram localização e forma similares aos de outros teleósteos. A microscopia mostrou similaridades entre os órgãos do Piaractus mesopotamicus e outros teleósteos. Na microscopia eletrônica de transmissão foram observadas similaridades ultraestruturais das células encontradas no rim cefálico, fígado, timo e baço e as já descritas em peixes teleósteos. Hemácias, trombócitos, linfócitos, eosinófilos e células granulocíticas especiais encontrados no sangue periférico, tanto de animais jovens quanto dos animais com idade mais avançada, foram os mesmos tipos celulares descritos na literatura de teleósteos. Observando nossos resultados concluímos que histologicamente os órgão linfóides de Piaractus mesopotamicus são similares aos de outros teleósteos e comparando os resultados de microscopia de transmissão concluímos que as estruturas encontradas nas nossas análises são as mesmas das descritas em outras espécies. Os resultados das nossas observações macroscópicas mostraram que o pacu é uma espécie que apresenta algumas características morfológicas singulares e que podem estar ligadas ao tipo de alimentação e a adaptações evolutivas. Esses achados demonstram que a anatomia dos órgãos de peixes e suas variações precisam ser analisados e correlacionados com suas funções e forma de vida de cada espécie.
Título em inglês
Histomorphologic study and analysis of the cellular profiles of the head kidney, liver, spleen and thymus of Piaractus mesopotamicus (Holmberg, 1887, Teleostei, Characidae), pacu
Palavras-chave em inglês
Piaractus mesopotamicus
Hematopoietic cell
Lymphoid organs
Resumo em inglês
Piaractus mesopotamicus (Pacu) is a fish from the Characidae Family, it is intensively culture in Brazil because of its rusticity, easy raising and adaptation, besides its excellent flavour. In order to produce a healthy fish, information on its immunological system, including the histology of the lymphoid organs is needed. Therefore, the objective of this study is to describe histomorphologicaly the lymphoid organs: head kidney, liver, spleen and thymus of the Piaractus mesopotamicus, analyzing the cellular profiles of each organ. Thirty young animals, with age varying between 5 months to a year, with average weight and total length of 588.1 g and a 27.51 cm, respectively, were used. The organs were fixed in 4% paraformaldehyde solution, and Karnovsky, afterwards dehydrated, diafanized in xilol and included in paraffin. Four µm sections were obtained and stained with hematoxilin-eosin. Blood smears were stained with Giemsa-May Grünwald for light microscopy. Samples for transmission electric microscopy were fixed in Karnovsky, washed in sacarose and post-fixed with osmium tetroxide 1%, dehydrated and embedded in resin Spurr. The macroscopic analysis show that the localization of the kidney, head kidney, thymus, liver and spleen are very similar to most of the teleosts. Some particularities were observed in the liver, which presented an anatomical variation in the shape and number of lobes, being constituted by three lobes. The kidney presented existe "H" shape, where the central region overlaps the swimming bladder. The head-kidney, in adult animals, presented an evident dilation in the cranial region of the kidney. The thymus and spleen presented a similar location and shape to that of the teleosts. The light microscopy studies showed similarities between the organs of the Piaractus mesopotamicus and other teleost fishes. The transmission electron microscopy studies showed ultrastructural similarities, of the cells from the head kidney, liver, thymus and spleen with the literature. Eritrocytes, trombocytes, lymphocytes, eosinophils and special granulocytic cells were found in peripheral blood of both juvenile and adult animals and were similar to the cellular profiles described in the literature to the other teleost fishes. Our studies were successful in describing the macro, micro and ultrastructure of Piaractus mesopotamicus organs and may be used as reference for further research aiming the improvement of fish health status in aquaculture.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-03-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.